Cinco Motivos Para:
não perder o UFC 197

Rodrigo Tannuri | 22/04/2016 às 16:55

Se o UFC on Fox 19 foi mara, a edição de nº 197 será sensa! Pra vermos os dois melhores lutadores peso por peso da atualidade, o palco tinha mesmo que ser o tradicional MGM Grand Garden Arena, em Las Vegas.

Como a cidade é do pecado, torço pra que Jon Jones não perca a linha. Mas o evento não é só ele e Demetrious Johnson, portanto, que tal irmos aos nossos cinco motivos?

1º – Cabuloso x Bruxo

Jon Jones está de volta! O maior lutador de MMA de todos os tempos (na minha opinião) se envolveu em diversas polêmicas, mereceu ser punido, mas passado é passado (tomara).

Captura de Tela 2016-04-22 às 15.41.14Bones não luta desde janeiro do ano passado, mas seguiu treinando intensamente e retornaria justamente contra o mesmo adversário, Daniel Cormier – que, como bom representante da AKA que é, se lesionou.

Ao contrário do que aconteceu no UFC 151 (Jones se negou a encarar Chael Sonnen, substituto de Dan Henderson, cancelando o evento), desta vez, o ex-campeão dos meio-pesados bateu o pé e permaneceu no card. Por sorte, o substituto não será Rashad Evans (acreditem, foi cogitado) e sim Ovince St. Preux.

Em CNTPs, já seria difícil OSP vencer, sendo chamado de última hora, será ainda mais difícil, mas, do jeito que é estranho, não ficaria surpreso dele achar um golpe espírita. Afinal, costuma pregar sustos mesmo nas derrotas.

O haitiano não é dos mais técnicos, mas é justamente essa brutalidade que o torna perigoso. Contra Jones, terá que ser um kamikaze, até porque não tem nada a perder. Como é dono de uma envergadura considerável e fisicamente privilegiado, pode endurecer as coisas.

O duelo até vale o cinturão interino, mas, vamos combinar, isso se trata de uma readaptação de Jones, que é bem o favorito, mas é bom lutar com seriedade porque sua fase é terrível!

2º – DJ e seu dilema

Muitos continuam minimizando os moscas e o cancelamento da seletiva do TUF 24 só piorou as coisas, mas Demetrious Johnson x Henry Cejudo pode virar a chave.

Captura de Tela 2016-04-22 às 15.39.19Não estou menosprezando Joseph Benavidez e os demais, mas, de fato, Cejudo é a última barreira antes do campeoníssimo DJ não ter mais adversários na categoria até 57kg.

O desafiante da vez está invicto, é maior, mais forte e, simplesmente, medalhista olímpico no wrestling (ouro em 2008). É bem verdade que Cejudo ainda não tem a experiência do rival no MMA, nem o preparo físico, mas seu ponto forte é tão superior, que pode sim surpreender.

O campeão dos moscas tem a seu favor ainda velocidade, cardio, inteligência e o fato de também ser um bom wrestler.

Como todos sabem, a meta do Mighty Mouse é bater o recorde de Anderson Silva de defesas de cinturão e tem tudo pra superar a marca (está 10×7 a favor do brasileiro), porém, ao confirmar o favoritismo, não restará mais nada a se fazer na divisão.

Ou Demetrious opta por ser um imortal quase anônimo ou vira um milionário corajoso ao disputar superlutas nos galos. Que situação…

3º – Chutes, chutes e mais chutes

Quando se fala em strikers no peso leve, imediatamente, lembramos de Anthony Pettis e Edson Barboza, portanto, um lutando contra o outro será uma obra de arte!

Captura de Tela 2016-04-22 às 15.57.24O único pesar, diria, é que o tão aguardado encontro acontecerá com os atletas vindos de derrotas (Pettis pra Rafael dos Anjos e Eddie Alvarez; Barboza pra Tony Ferguson). Mas antes tarde do que nunca, não é mesmo?

Quem não vai querer ver o choque entre dois dos melhores kickers do MMA? O americano e o brasileiro estão pressionados, mas duvido muito que façam um embate morno.

Teoricamente, o ex-campeão dos leves é favorito, mas vejo muito equilíbrio. Se o queixo de Barboza preocupa (ainda mais contra outro striker de alto nível), a confiança de Pettis também não é mais a mesma.

O americano, que antes era dos mais confiantes em seus discursos, tem se mostrado bem abalado. Pra piorar, Sergio, irmão mais novo, lutará antes e, da última vez que isso aconteceu, deu “the show is over, fera” (ele, inclusive, tinha pedido pro UFC não escalá-los num mesmo evento)!

Se não der bobeira ou travar, Barboza pode surpreender. A luta, apesar de bela, é dramática.

4º – Campeões do TUF em ação

Legal termos Robert Whittaker (25 anos), Yair Rodríguez (22) e Glaico França (25) num mesmo evento. Ao trocar os meio-médios pelos médios, o neozelandês, vencedor do TUF Smashes, surpreendeu, virando outro lutador.

Captura de Tela 2016-04-22 às 16.01.49Venceu quatro seguidas (3 pela nova divisão) mostrando um karate técnico e velocidade. Rafael Sapo vive ótima fase (também venceu quatro consecutivas), é ótimo no grappling, mas, como a luta começa em pé, tem que se cuidar.

Rodríguez, vencedor do TUF América Latina, é outro showman! O Pantera venceu três seguidas por decisão no UFC, mas deu tudo de si em todas e, além de criatividade, mostrou muito carisma.

Empolgante é pouco e, por isso, o duelo entre ele e o também divertido Andre Fili tem tudo pra ser um dos melhores do evento. Glaico, vencedor do TUF Brasil 4, volta a pisar no octógono e terá pela frente o duríssimo James Vick, ainda invicto.

Sinceramente, a luta é injusta. O brasileiro foi jogado aos leões muito cedo. Ele é talentoso, mas, hoje, Vick está em outro patamar.

Pena que o UFC não veja isso. Afinal, com quatro vitórias seguidas, sendo a última em cima do monstrinho Jake Matthews em plena Austrália, o americano merecia enfrentar atletas beirando ou dentro do top-15 dos leves.

5º – O que mais ver?

No card preliminar, uma luta que me chama atenção é Marcos Pezão x Clint Hester. Sei que os meio-pesados vêm de derrota (Pezão pra Nikita Krylov; Hester pra Whittaker e Vitor Miranda) e que outra pode representar o fim da linha, mas algo me diz que não vão nos decepcionar.

Captura de Tela 2016-04-22 às 16.08.46É bem verdade que tanto o brasileiro quanto o americano não possuem nomes de peso, mas, numa categoria tão rasa, o UFC não se pode dar ao luxo de perder sangue novo, até porque gostam de encerrar suas lutas o quanto antes e os fãs adoram isso.

Outro bom duelo é Danny Brown x Dominique Steele, válido pelos meio-médios. Steele é aquele atleta bastante corpulento, que apagou a má impressão da estreia (nocauteado em 43 segundos por Zak Cummings), apagando Dong Hyun Kim (não aquele) via slam (Rampage, aprova).

Roberts, por sua vez, também brilhou ao finalizar Nathan Coy rapidamente na estreia. Será interessante ver a força de um contra a versatilidade do outro. O que mais vocês indicam?

Card completo do UFC 197:

Jon Jones vs. Ovince Saint Preux
Demetrious Johnson vs. Henry Cejudo
Anthony Pettis vs. Edson Barboza
Robert Whittaker vs. Rafael Sapo
Yair Rodríguez vs. Andre Fili
Sergio Pettis vs. Chris Kelades
Danny Roberts vs. Dominique Steele
Carla Esparza vs. Ju Thai
Glaico Nego vs. James Vick
Walt Harris vs. Cody East
Marcos Pezão vs. Clint Hester
Efrain Escudero vs. Kevin Lee

  • Diego Cavera

    Pequeno Pettis e Carla Esparza também são bons atrativos, pô nenhuma menção a Kevin lee, acho que veremos outro monstro depois da derrota acachapante pro Léo Santos, olha o negro maravilhoso da semana pintando ae hahaha.

    • KRS Porlaneff

      Achava que era só eu que também botava uma fé no Motown…

    • Rodrigo Tannuri

      Pettiszinho é bem superestimado. Ainda não me convenceu. Até pensei em listar Esparza e Lee, mas os adversários de ambos são bem vencíveis kkkkk

  • Heitor de Assis Ramos

    nem lembrava do pettis vs barboza, caralho que luta foda!!!

    • Rodrigo Tannuri

      Poderia ser mais, se ambos estivessem bem. Mesmo assim, será show mesmo 🙂

      • Hyuriel Constantino

        Olha, Tannuri, esse lado do “poderia ser mais” pode ser no quesito “relevância” devido ao momento dos dois. Mas acho que será bem melhor do que se ambos estivessem ganhando pq estas mesmas circunstâncias forçarão ambos a darem o máximo de si. Prevejo uma luta bem violenta pela sobrevivência dentro da categoria.

        • Rodrigo Tannuri

          Isso aí! O Pettis foi pra Jackson’s, mas não acho que mudará tanto o jogo. Pode ter pego uma ou outra informação, mas não é aquele cara da estratégia. #QueremosFoices

  • Felipe Lemes

    eu desafio o Tannuri a encontrar somente 5 motivos para não perder o UFC 198

    • Rodrigo Tannuri

      O UFC 198 vai me ferrar 🙁 Qualquer luta deixada de fora será crime da minha parte kkkkk

      • Lucas Natan

        Faz um especial com 10 motivos, Tannuri.

        • Rodrigo Tannuri

          Esse evento merece tudo de bom, Lucão! #VemMonstro

  • Saulo Henrique

    Porra, se Pettis e Barboza for pro chão e a luta for amarrada..PQP..

    • Heitor de Assis Ramos

      Não fala isso amigo, não fala isso!!!

      • Saulo Henrique

        Vai ser boa.Pensamento positivo, heehehe.

    • Hyuriel Constantino

      Vc quer bugar a matrix? Assume logo, fera. kkkkk…

      • Saulo Henrique

        Nããõ, Deus me livre, hehe.

  • Rafael Fiori

    Também acho que Jones é o maior de todos os tempos.

  • RWillians

    Não acho que Sapo esteja em ótima fase, os resultados ajudaram no cartel, mas passou aperto com o Hall e principalmente com o Camozzi (essa pra mim foi um garfo tremendo). Amanhã vai ter que fazer valer a experiência, dosar bem e usar a estratégia.

    • Rodrigo Tannuri

      Mas se você pensar que o Hall era favoritão, a vitória foi grande, apesar da luta ter sido feia.

      • RWillians

        Eu entendo completamente seu ponto de vista. Contra Hall, achei que ele ganhou, mas o Sapo é um lutador que não consigo confiar, não vejo evolução, e na hora que ele começa abrir a boca… coloca td a perder.

        • Rodrigo Tannuri

          Eu também não confio. Acho que o Whittaker tem obrigação de vencer bem 🙂

  • Hyuriel Constantino

    Dentre todos os motivos citados, com certeza os 2 e 3 me chamaram mais a atenção. Que dilema terrível o do Demetrious Johnson (ou sacrifica o recorde do Spider ou o próprio marketing e a categoria juntos). Além de que, creio eu, só uma vitória de Cejudo é que faria os moscas ganharem sobrevida o bastante para a categoria ganhar dinamismo e notoriedade. Paradoxal a situação do Mighty Mouse e sua divisão.
    Pettis x Barbosa não vejo como não pode ser a luta da noite. Tem tudo pra ser uma luta saída de um filme de artes marciais (ainda mais pela dramaticidade circunstancial de ambos). Será matar ou morrer.
    Acho que não vale muito a pena comentar sobre o motivo número 1. Bones é favoritaço e acho que ele sai inteiro pra salvar o UFC 200. Contudo, OSP é tão estranho que toda vez que olho pra ele, só me lembro de uma espécie de entidade capaz de bugar toda a matrix com um Von Flue Choke. kkkkk…

    • Rodrigo Tannuri

      OSP é sinistro! Aquelas tatuagens e careta não são de Deus kkkkk

      • Hyuriel Constantino

        Ali foi o cavalo do cão que pisou em cima dos braços dele e deixou a marca das ferraduras. kkkkkkkk

        • Rodrigo Tannuri

          Não tenha dúvida! E isso é visto nas poderosas patadas que dá! Que híbrido maravilhoso! kkkkk

  • Thiago Eugenio

    Faltou só o DC mesmo pra esse card ser o 2o melhor do ano (198 é o melhor card em anos!).

    • Hyuriel Constantino

      Acho que o UFC 198 só é superado pelo 194. Aquele sim foi um card fudido do começo ao fim de topado. hehe…

  • Thorens Acchuphase

    Dos cinco motivos citados, quatro já tenho meu palpite com exceção de Whittaker vs. Sapo. Tá muito bom o card desse evento, não? Minha menção honrosa à Yair Rodriguez vs André Filli e Carla Esparza vs Ju Thai!

  • Tiago Nicolau de Melo

    Jones x OSP promete demais. OSP é uma versão “polida” e menos endiabrada do Rumble.
    Edson x Anthony devia ser nas regras do K1, só pra não corrermos riscos de ver uma luta feia.

    • Rodrigo Tannuri

      A comparação faz sentido mesmo! Odiaria ser lutador e saber que meu adversário seria um deles kkkkk
      K-1 já pra Pettis x Barboza! É pedir muito?

  • Anderson Tomaz

    Minha torcida eh unica e exclusivamente pro DJ perder
    Amém, aleluia!

    • Rodrigo Tannuri

      Que isso, cara!!! #chateado

      • Anderson Tomaz

        Revigorar essa categoria Tannuri! hahahaha

  • Jonas Angelo

    Grande Tannuri, sempre apavorando nos 5 Motivos!
    Algo me diz (esse algo se chama previsão do Rebelo) que Pettis e Barbosa será decidido no chão…
    E OSP é talvez o cara mais gabaritado para chocar o mundo de forma estranha, bizarra e totalmente sem lógica. Afinal, ele é o Deus da Bizarrice…

    • Rodrigo Tannuri

      Obrigado, Mestre Jonas 🙂
      Nem brinque com essa previsão. Não merecemos chão nessa luta kkkkk
      Adorei a definição pro OSP. A estranheza dele é fascinante!

  • Tiago Nicolau de Melo

    Pedreira pro Pezão, tinha me esquecido do Hester… um Negro semi-maravilhoso.

    • Rodrigo Tannuri

      Boa lutinha! Ficarei chateado se um deles for demitido 🙁

Tags: , , ,
Instagram