Quem ficará com McGregor? (Edição Calcinha Vermelha)

João Vitor Xavier | 22/12/2015 às 20:13
Conor McGregor

“…eu sei que você, me olha e me quer”

O último evento de 2015 no UFC mostrou que Conor McGregor é mesmo o nome do momento no MMA mundial.

Nada menos que três lutadores o chamaram para a mão após vencerem suas lutas.

Qual será o próximo passo do irlandês, atual campeão do mundo entre os penas, mas com pretendentes até nos leves?

Primeiro, acho legal que todos tenham certeza que chamar Conor para a briga é uma ação muito inteligente de nomes como Charles Oliveira, Nate Diaz e até o grande campeão Rafael Dos Anjos.

Lutar contra o irlandês é o grande bilhete de ouro do momento.

Ele é o lutador, junto com Ronda Rousey, que traz os maiores números de venda de PPV. E isso se traduz em grana, principalmente para RDA que, como campeão, tem direito a porcentagem nessas vendagens.

Pretendente nº 1

Pretendente nº 1

E o próprio Conor tem noção de seu poder.

É o maior lutador do momento e tem todas as cartas na manga. Ele basicamente pode dizer ao UFC com quem quer lutar e o Ultimate tem pouco poder de barganha.

O irlandês diz que quando um lutador é chamado para enfrentá-lo, ele avisa à esposa que está rico e que é a noite da calcinha vermelha. (Não me perguntem a lógica disso!)

Não foi à toa que, após ser o centro das atenções no UFC On Fox 18, o próprio McGregor soltou mais uma pérola: “Quero que todos implorem por mim”.

Além dos três nomes destacados acima, o outro candidato imediato a enfrentar Conor é Frankie Edgar, então começo por ele.

Lembrando, primeiramente, que a revanche imediata com José Aldo, infelizmente, não deve mesmo acontecer – por tudo que o UFC não falou ou fez até agora.

Edgar é merecedor de uma chance pelo cinturão, sim. Venceu nome relevantes da divisão como Charles Oliveira, Cub Swanson e Chad Mendes.

Mas não só os venceu – dominou-os. É o único nome plausível se Conor quiser defender o cinturão recém-conquistado.

Charles Do Bronx também está em ótima fase, mas não bateu o peso por muito contra Myles Jury e ainda precisa passar por um top-5.

Seria mais prudente que ele fizesse um lobby por uma revanche com Max Holloway.

Entre os leves:

Pretendente nº 2

Pretendente nº 2

Muitos sabem que o grande sonho de Conor McGregor é ser campeão ao mesmo tempo de duas categorias de peso, como fez na Europa. Seria o primeiro a fazer isso no Ultimate.

É daí que vem o apelo de uma eventual luta com Rafael Dos Anjos.

Os dois vêm se bicando desde que RDA virou campeão do mundo até 70kg, com Conor já de olho no cinturão de cima.

Há dois grandes problemas nesse plano: nos Estados Unidos e no Canadá, o nome de Rafael Dos Anjos ainda não é tão conhecido e, como Donald Cerrone se lembrou, o brasileiro é um dos lutadores mais perigosos do mundo, peso por peso.

Pretendente nº3

Pretendente nº3

O próprio Cowboy, aliás, seria uma luta com (muito) mais apelo para o campeão dos penas.

O jogo de pressão a todo tempo, com um tanque de gás sem fundo, é extremamente complicado para Conor McGregor.

A recompensa seria um cinturão entre os 70kg, mas os perigos são muito grandes.

Principalmente, se o UFC quiser que McGregor largue a cinta de 66kg antes de subir de peso – como já indicou Dana White.

Nesse cenário, um combate com Nate Diaz faria sentido.

Desnecessário dizer que o bad boy de Stockton seria um adversário à altura do irlandês na pré-luta, e um desafio apenas razoável dentro do octógono.

Lutando contra Diaz, McGregor teria mais um cheque gordo a sacar, se credenciaria aos poucos a lutar pelo título dos leves.

De quebra ainda teria ainda mais tempo para convencer Dana White de que pode segurar o cinturão dos penas enquanto tenta fazer história e capturar a cinta entre os leves.

Não duvidem nada, portanto, que o próximo adversário do campeão Conor McGregor seja mesmo Nathan Diaz.

  • Gutierres Nascimento

    McGregor se tornou um lutador parecido com Anderson Silva/Pettis? Ambos tem falhas conhecidas em seu jogo mas basta dominar segundos pra ganhar suas lutas. Acontece que o Rafael já foi capaz de não dar brecha para esses segundos contra um lutador até melhor que o irlandês. Espero que o Edgar seja o próximo contra o Conor, quero vê-lo campeão novamente, e acredito que essa é a próxima luta dele.

    • Lukas Andrade

      Também sou fanzaço do Edgar e acho que ele tem o jogo em pé suficiente pra bater o McGregor. Só fico com receio pelo Edgar ser considerado um “Slow Starter” e pelo poder de nocaute do Connor.

      • Gutierres Nascimento

        Tem jogo em pé suficiente pra equilibrar as ações em diversos momentos e achar o tempo certo de derrubar. Imagino que o Edgar venceria na decisão, passando sufoco nos primeiros rounds (mas ganhando um ou dois devido as quedas) e dominando os dois últimos. Mas só maluco duvida do Conor hoje em dia.

    • Lero

      O buraco no jogo do Conor é mais profundo porque o Pettis e o Anderson tem melhor Jiu Jitsu do que ele. o Jiu Jitsu salvou o Anderson contra Dan Henderson e contra Chael Sonnen, e a Pettis le permitiu se salvar do jogo de Wrestling do Bendo.

      Mas treinando todo dia com o Gunnar Nelson, imagino que ele vai melhorando num bom ritmo.

      E sem esquecer aquelas cotoveladas desde embaixo no Mendes…

      • Lele Me

        Cara, às vezes a gente pensa que o jiu jtsu de um maluco é forte, fraco…mas é na hora lá que o bicho pega. Veja o belfort..parecia um faixa branca contra o weidman

        • Lero

          O mesmo Belfort que quase levou o braço do Jon Jones para a casa.

    • Marcelo

      Capaz de nego me criticar por comparar o McGregor com um lutador com a carreira do Spider, mas eu acho que o McGregor chega a ser mais completo em pé do que ambos o Anderson e o Pettis, porque ele é um lutador que gosta de ficar no contra golpe, mas que também toma a iniciativa e cria dessa forma mais oportunidades de nocaute… O Spider depende mais do contra golpe, tanto que se o adversário não toma a iniciativa, o brasileiro não saia do lugar, protagonizando lutas chatas ou então ele começava a provocar o adversário pra ver se ele perdia a postura, abaixava a guarda, táticas que em algumas ocasiões chegaram a ser constrangedoras, principalmente contra o Demian e contra Weidman.

      O Pettis depende muito dos chutes e quando Rafael dos Anjos tirou o espaço dele e botou pressão constante, limitando a capacidade do Pettis de chutar, o jogo dele foi pra vala.

      O McGregor parece mais difícil de se lidar em pé. Não é só uma questão de tirar o espaço dele, cortar o ringue, se você for em cima, ele te acerta no contra golpe, se você ficar longe ele toma o centro e vai em cima de você. Nego tem que começar a admitir que o cara é bom, tá longe do que foi o Spider no MMA e tem um buraco enorme no grappling que pode resultar nas suas derrotas, como já aconteceu com ele no começo da carreira, mas em pé o cara é sim, um talento raro.

      • Lele Me

        Ah, cara..o spider era incomparável, na moral

  • guilherme champz

    Se o McGregor lutar contra o Diaz em vez de defender o cinturão já começa a virar circo. Está certo que o Anderson Silva fez isso algumas vezes, mas já era um campeão consolidado, sem grandes contenders vindo com tudo na divisão. Não é o caso do McGregor … E vai ficar muito claro que o UFC estará protegendo ele, uma vez que Edgar e Dos Anjos são pedreiras gigantes.

    • Daniel Holanda

      Amigo, mas o Connor já ganhou dos principais contenders do Peso Pena apesar de se tornar campeão recente : Aldo, Mendes e Holloway.
      Não digo que ja limpou a categoria mas vejo possibilidade de fazer lutas na categoria de cima sim, e até pela cinta porque não ?

      • guilherme champz

        Então, mas uma coisa é fazer “lutas na categoria de cima” outra é lutar pelo cinturão peso leve … Como vc mesmo disse, ou ele limpa a categoria vencendo o Edgar, ou disputa a cinta peso leve. Fazer lutas sem valer nada na categoria de cima não faz sentido, tendo um contender como o Edgar nos penas.

    • Apoc

      Amigão, Anderson é fera, quer vc queira ou não. Se vc acompanhou a carreira do negão sabe que ele eh indiscutível., apesar do sexto round (excelente site) não dar o devido mérito a ele.

      Quanto a luta do mcgregor contra o diaz, estão dando como favas contadas, mas esquecem que o diaz anula a envergadura do gregor e ainda dispõe de um queixo bruto pra categoria. Mermao, nesse nível não existem favas contadas.

      • guilherme champz

        Blz … Só não entendi porque você disse ” Anderson é fera, quer vc queira ou não”, pois eu não questionei o talento dele. Inclusive até disse que ele teve razão de lutar na categoria de cima porque era um campeão consolidado, o que não é o caso do McGregor.

    • Lele Me

      Boa, concordo..acho tudo muito recente pra começarem a especular atletas de outras divisões

  • Glauco Lopes

    Não tiro o mérito do Gregor, mas verdade seja dita, o UFC é mestre em criar falsos mitos. Já vi gente colocando Anderson Silva, no mesmo patamar de Ali, Tyson e Mayweather, sendo que todos esses caras tiveram longos anos de carreira contra oponentes duros. No UFC se vc tem hype e vence um punhado de lutas ganha status de lenda. Gregor venceu o Aldo? Sim, mas transforma-lo em um mito só mostra como o MMA está longe do patamar do boxe. Em com idiotas como o Joe Rogan que transformam qualquer lutador ” No ser mais perigoso da terra”.

    • Lele Me

      quem transformou o spider em mito foi o Sonen…e depois a globo, isso é fato. O Anderson sempre foi extremamente petulante, arrogante, propotente, mas também sempre foi muito inteligente. Depois que ficou midiático, se transformou por fora….imagina o quanto de grana esse cara não ganhou com toda essa nova roupagem? Ele nunca respeitou adversário nenhum, antes da fama, nao…e isso tá documentado aí na internet, é só procurar, inclusive existe entrevista dele falando da própria boca que era imbatível. Tirava onda..preferia ele antes da fama global, antes do faustão, fantástico e programas afins

  • Marcelo

    Eu quero que o UFC deixe ele tentar pegar o cinturão do peso leve, ao mesmo tempo que mantém o dos penas. Abriria a possibilidade de outros lutadores atuarem em duas categorias e facilitaria as mitológicas “super lutas”.

    Eu não sei de onde o UFC tirou essa regra, de que um campeão tem que abandonar um cinturão pra disputar outro. O Mayweather mesmo tinha cinturões no peso meio-médio e médio-ligeiro simultâneos e essa flexibilidade permitiu que ele fizesse vários lutas interessantes. Se ele tivesse que abandonar cinturão, ele não teria lutado com o Canelo e nem com De la Hoya e Cotto, que foram todas lutas no médio-ligeiro, sendo que ele já tinha o cinturão do meio-médio antes de aceitar essas lutas. Sem falar que ele lutou em peso combinado algumas vezes também.
    O UFC na minha opinião tá vacilando, está equivocado com essas regras e falta de flexibilidade e se a ideia era só manter a conversa em torno da possibilidade das super lutas, acho que a essa altura ninguém mais acredita que elas correm o menor risco de acontecer.

    • Renato Rebelo

      É pq manteria as divisões travadas, já que campeões geralmente lutam menos vezes por ano – por terem lutas mais difíceis e de cinco rounds. É pra ver mais dinâmico msm.

  • Ricardo Mazzo

    McG é o cara do momento pq o UFC quer que ele seja o cara do momento. Bom lutador, sim. Fala bem, sim. Prometeu e cumpriu, sim. Se o RDA tivesse falado as mesmas coisas e o UFC tivesse colocado um caminhão de dinheiro nele, tb estaria no mesmo lugar. É questão de marketing e o UFC sabe muito bem fazer isso.

    RDA é uma péssima luta pro irlandês. O jogo de pressão é realmente muito complicado e o RDA é mestre nisso. Não acho que o UFC vá queimar o McG tão cedo. E mais, se o Dana abrir o precedente dele lutar por outro cinturão sem largar o dos Penas, aposto que o DJ vai querer o mesmo no dia seguinte, Jon Jones, DC, Lawler, Rockhold e por aí vai. E se ele disser não pros outros, mais uma vez teremos uma crise de credibilidade gigante no UFC.

    • Rafael D.

      Acho que o McGregor vai virar um problema para o UFC. Bom problema, é verdade. Só que cada vez vai impor mais suas vontades. O cara colocou o representante do UFC pra correre na coletiva pós luta!!!

    • Lele Me

      Cara, isso é intrínseco, não tem essa de ‘falar as mesmas coisas’. Ou o cara nasce com o dom ou não nasce. É só olhar o Aldo..até melhorou um pouquinho no marketing pessoal, mas não tem como compará-lo ao mcgregor

      • Ricardo Mazzo

        Não acho. Tudo é marketing.

  • Rafael D.

    Tem gente apostando que o RDA perde o cinturão pro Khabib e assim não precisariam colocar o Conor nessa “dog fight”.
    Só não sei se o Khabin seria fácil pro Irlandes. Ia levar pra baixo sem constrangimento. Talvez as chaces do McGregor aumentem pela disparidade na luta em pé entre os dois, mas mesmo assim, acho duas lutas complicadas para o Irlandes.

    • Renato Rebelo

      Khabib não seria fácil nem pro Werdum haha. Acho ele favoritíssimo contra o McGregor

    • marco antonio

      Kabib faria do irlandês um boneco de pano

      • Bruno P.

        Capaz de bater o recordo do Trujillo, hahaha

  • bedotRJ

    Se o Aldo quiser se meter nessa história, tem que voltar o mais rápido possível. Dá tranquilo prá ele voltar no card do Rio. É o que deveria fazer. Max Holloway pediu a luta, mas eu não sei se é o ‘matchmaking’ mais adequado pra categoria. Acho que ele deveria pegar alguém que venha de derrota. Opções não faltam: Jeremy Stephens, Denis Bermudez, Diego Sanchez, Clay Guida ou uma revanche com o Cub Swanson.

    • Renato Rebelo

      Acho essa a melhor opção pro Aldo: voltar rápido e ganhar espaço – como o Dos Anjos fez quando perdeu pro Khabib. O Rafael voltou um mês e meio dps, contra o Jason High.

    • Lero

      Olha que eu acho o Holloway uma luta complicada para caralho para o Aldo.

    • Lele Me

      Concordo, tricolor….também acho que é o único jeito ao meu ver

  • Mauricio

    Eu imagino uma luta contra o Nate, porem com o Nate vindo pra ganhar.. com físico e treino em dia! Apostaria no Diaz

    • Lukas Andrade

      Seria uma bela luta. Mas acho que o McGregor poderia se aproveitar da estratégia do Nate de andar pra frente pra jogar no contragolpe. Não seria fácil por ter menor envergadura, mas compensaria em velocidade. Não sei se o Diaz tem um boxe formidável o bastante pra bater de frente com o vasto arsenal em pé do McGregor. Mas no chão todo mundo já sabe quem venceria. Se fosse pra mandar um palpite, teria dois: McGregor por nocaute no início (2º round) ou Diaz finalização tardia (4º round).

    • Renato Rebelo

      Teria que analisar melhor os fundamentos, mas Diaz tem mais jiu-jítsu, faz a envergadura do McGregor sumir e, dificilmente, entraria intimidado

      • Maxsupremo

        Fora que o Nate também tem um puta queixo, só levou um Nocaute pro Thomson, mas aquele chute do jeito que pegou qualquer um caía.

    • E como já comentaram por aqui, a cada coletiva com os dois prepare a pipoca e o sofá, pois será diversão garantida..rsrsrs

      • Maxsupremo

        Imagina o McGregor levando Stockton Slap…

        • Lele Me

          nossa, ensina o que significa esse termo, profissa?

          • Hyuriel Constantino

            Tapa desmoralizante do maconha jr. kk

    • Álvaro

      Ainda que tenha um jiu fino, Nate só luta no chão se o adversário quiser. Nunca vi ele tomar como estratégia “levar o adversário para o chão”. Já o boxe do McGregor é infinitamente superior, principalmente o punch, sem falar nos chutes, então temos uma diferença muito grande na qualidade da trocação. Envergadura ajuda, mas não é determinante, Struve que o diga.
      Nesse embate dá McGregor, by KO.

      • Lukas Andrade

        Pois é, cara. Minha duvida seria essa transição da luta em pé pro solo.

    • Hyuriel Constantino

      Seria uma luta onde gargalharia desde a promoção até a coletiva pós-luta. kk

  • Thiago de Carvalho

    Acho que o Connor precisa defender o cinturão antes. Revanche com o Aldo e defesa contra o Edgar em 2016, fechando o último evento do ano contra o campeão dos leves. Isso pensando em meritocracia.

    • Lele Me

      Boa, é isso aí

  • Thiago Rodrigues

    Nate x magregor valendo um title shot no cinturão dos penas.

    • Renato Rebelo

      Nate batendo 66kg só perneta

      • Thiago Pikisius

        Se Nate trocar a maconha pela pedra chega lá fácil, mas vai ficar igual o “McGrelo”, só na pele e osso

    • Tiago Nicolau de Melo

      Dos leves tu quis dizer, né?

  • Tiago Nicolau de Melo

    Vejo boa parte do pessoal que chamou o Irlandês pro pau nesse último evento, querendo mesmo bater no/o Conor… não só um cheque gordo. Dos 3 que falaram, só vejo o RDA como favorito.

  • Albert Tumenov

    Conor vs Nate seria sensacional. Top ver os dois se trollando no meio da luta. O melhor do Nate é que ele não dá moral NENHUMA para o Dana White, o cara nem sequer aparece nas coletivas de imprensa.

    Acredito que Edgar e RDA podem dominar o Conor McGregor. O Diego Brandão clinchou e encurtou com o McGregor na maior FACILIDADE. Mendes idem.

    • Renato Rebelo

      Seria msm, amigo russo. Imagino um tentando entrar na cabeça do outro e: se o Conor começar a gritar na cara do Nate ele não leva um soco na boca no ato?

      • Bruno P.

        Uma pena não ser luta válida por cinturão, pq não duvido nada do Nate roubar o cinturão ao melhor estilo McGregor.

        • Lele Me

          Ah, cara, o nate é um ex-atleta em atividade..nao viaja…muito irregular

        • Lele Me

          E outra, o curriculo dele nao pode o credenciar a título, não , né? è só pegar o histórico..muito ruim

  • Mateus Caraúna

    Se o Edgar assumir uma postura de wrestler, ele tem tudo para ganhar com facilidade do Conor. Mas duvido que ele assuma essa postura 🙁

  • Daniel Felipe

    Muito bem !! Ótimo texto, deixar aqui minha humilde opinião: Fiquei muito triste com a revanche do Zé Aldo, acho que o UFC deveria rever seu conceito, mesmo sendo nocauteado em 13 segs, ele foi dominante por muito tempo, sinto um cheiro de preconceito com o Brasil não sei… mais se fosse um americano com ctz teria a revanche imediata. Abraço!

    • felipe

      Cara, eu acho que nem é com brasileiros. O Aldo era um campeao complicado para o ultimate, criticava muito e lutava muito pouco. Sem falar que nao era vendavel. Pode ver o tratamento que eles tem com o Thominhas. O UFC sempre vai privilegiar quem de mais $$$$$$$$$$

    • Lele Me

      Cara, o problema ao meu ver nem foi os 13 segundos, foi sim a contusão da costela dele depois de toda aquela promoção, sem contar que o Aldo é muito acabrunhado..chega a dar nervoso às vezes

    • João Manoel

      Acho que tem mão proposital de alguém nesse meio…

  • Rafael Fiori

    Dar Nate Diaz pra ele seria luta fácil, pra que aliviar pra esse cara? Entretenimento? Ele precisa enfrentar top 5

    • Luiz Henrique

      Nate Diaz decolou no ranking após vencer MJ

      • Rafael Fiori

        Esperei atualização do ranking e Nate Diaz está em oitavo lugar no peso leve.
        Lutador pra baixo de top 5, pra mim é mero mediano.

  • Gabriel Castelani

    Contra os 3 seria lutao. O RDA tem o jogo perfeito pra molestar mecgregor, assim como Khabib seria um antidoto contra mecgregor. Edgar terá desvantagem fisica e de poder, isso pode fazer a diferenca! Contra o nate, o irlandes terá muita vantagem tecnica, acho que mecgregor ja nao tem aquele buraco no bjj, porem seria luta dura sem duvidas!

  • Luiz Henrique

    Pena que a luta que mais desejo ver é a mais improvável: contra RDA.

    • Lele Me

      Não é nada..é só ele provocar bastante o mcgregor

  • Willian Matos

    Nate e Conor é a luta mais lucrativa ao meu ver. Se eu fosse o UFC casaria essa luta correndo. Detalhe: luta em peso casado e valendo NADA!

  • Filipe Dos Anjos

    Vou tirar uma soneca……

Tags: , , , ,
Instagram