Casamento esquisito:
Aldo x Swanson 2 #resenha

Renato Rebelo | 03/12/2018 às 21:47

Pessoal, na resenha de hoje analisei a revanche concedida por José Aldo a Cub Swanson, segundo reportagem do Combate.com.

Venham comigo!

  • Bernardo Oliveira

    O Aldo, além disso tudo, ainda sinaliza o seguinte:

    – Estou dando uma revanche contra um cara que nocauteei em poucos segundos, está vendo, UFC? Faça a minha revanche contra o Conor.

    • Dan Fernandes

      sim, por que swenson e conor se equivalem no evento kk, o Dana enxerga do mesmo jeito.

  • SanchezEspaña_MMA

    Sigo achando que o Aldo já está no final da carreira. Acho que já nao pode lutar pelo cinturao e vai fazendo lutas até acabar contrato.
    Revache contra o Conor? Séria uma boa ideia para ele, mas acho que o Conor nao aceitaria (O conor nao teria nenhum beneficio com essa luta – temos que ser realistas), nunca vai acontecer.
    Sorte para o Aldo e que acabe a carreira de pé.

  • bedotRJ

    Bom ponto, Renato. Cara de ter sido sim uma escolha do Aldo por esse prisma que eu não tinha percebido. Por mera questão de competitividade, ele teria que enfrentar Magomedsharipov, Rodriguez ou o próprio Moicano, caras mais jovens, muito altos e que oferecem mais riscos. Não gostei do casamento e não aprecio essa estratégia. Preferia que ele tivesse mantido a promessa de fazer a luta no peso leve. Ou então que enfrentasse o Lamas já que este ao menos vem de vitória. Mas entendo a escolha.

  • Mauro

    Acho que o Aldo se fodeu.

    Aldo, após tomar sufoco, venceu o Jeremy Stephens. E pensou então que era o suficiente para sentar e esperar o TS.O UFC lhe o ofereceu o Moicano, e ele recusou alegando que Moicano estava abaixo do mesmo no ranking. Cogitou uma subida, o UFC lhe ofereceu o Cerrone nos leves, e Aldo prontamente recusou. E a regra é clara, se o UFC te oferece dois caras, aceite.

    Aldo então pediu para ser stand-by da disputa de cinturão dos penas. Dana disse: “Claro meu amigo, como não?!”. E dez minutos depois saiu a notícia “Moicano é escalado para substituto no UFC 231.

    Então o BR foi atrás de luta, mas o UFC lhe concede alguém que vem de três derrotas. Creio que o UFC realizará Moicano x Frankie Edgar. Top 4 contra o top 3. E essa luta saindo do papel, acho muito difícil o vencedor não ser o contender (como seria o vencedor de Moicano x Aldo), vide que o UFC já tentou fazer a revanche Ortega x Edgar pelo interino, e que agora escalou Moicano para stand-by.

  • Mauro

    E também, vamos subestimar menos o Swanson.

    Aquela luta aconteceu há dez anos atrás, num famoso “golpe de sorte”. Ninguém espera uma joelhada com 8 segundos. Mas, cada um com seus problemas. No entanto, muita coisa se passou, e Aldo também decaiu.

    Aldo venceu Jeremy, após tomar um grande sufoco, muita porrada encurralado na grade, e então Jeremy abrir a boca de cansaço. Swanson vem de três derrotas, para três grappler. Edgar o engoliu em pé, mas certamente Swanson estava receoso de ser quedado e feito de boneco de pano como no último confronto dos dois.

    Não espere essa vitória fácil. Não irá acontecer 8 segundos novamente. Mesmo achando que Aldo vence por decisão.

    • Santiago

      Nada disso meu amigo. Não teve essa história de Jeremy abrir o bico de cansaso não. O que definiu a luta foi um soco na costela em uma trocação franca.

      • Mauro

        Jeremy cansou sim, após a sequência de socos. Não soube aproveitar, deu muitos na guarda e na têmpora, poucos no torax e na face. Cansou.

        Não que isso diminua a vitória do Aldo. Azar de cada um.

    • Douglas Karpinski

      Ah cara é dificil falar do Aldo, o cara não recusou um oponente como campeão, infilerou uma caralhada de nego, maior campeão da categoria, ai quando ele quis uma revanche o UFC garfou ele, o cara pensou, falou chega de lutar contra qualquer um, começa agora a ter estratégia na escolha das lutas pra se machucar menos e ganhar mais…. hoje em dia só os cowboys não recusam mais lutas, essa era de aceitar qualquer luta morreu com a geração do rickson gracie que lutava de sunga na praia pra defender moral da familia e bandeira….

      • Mauro

        Aldo teve todos estes lados positivos, e os lados negativos também, como lutar pouco, se lesionar muito, fazer lutas chatas na visão de muitos.

        Uma coisa é não aceitar qualquer um. Outra coisa é você recusar todas as opções que o UFC te dar. Isso o UFC não admite.

        Ortega recusou Edgar, e depois recusou Jeremy. O UFC então quase marcou Edgar x Jeremy pelo cinturão, sem Ortega. Só não marcou pq Edgar não teria tempo pra bater o peso (questão de dois dias). Numa entrevista, Edgar que já está no UFC há onze anos, disse que ficar recusando luta não é uma boa…

        Você recusar uma, duas, até vai. Recusar todas as opções, o UFC fica puto. Aldo recusou o Moicano, que seria uma espécie de eliminatórias, mas aceitou o Swanson.

        Duvido que tenha o ts, mesmo com Ortega campeão.

        • Dan Fernandes

          TS para o Aldo ? com vitoria sobre swenson? rsrsrs aldo falava que queria uma luta que o levasse ao cinturão, só isso interessava, ufc jogou moicano pra ele matar no peito, e aldo correu bonito, arregou…agora ele vai enfrentar o swenson, que é muuuito limitado, aldo ta na obrigação de dominar a luta por completo, se fizer luta dura contra o swenson, vai ficar feio, essa luta não leva o aldo a lugar nenhum

      • mario

        Estava concordando com tudo até na parte do Rickson… acho q poucos lutadores recusaram tantas lutas quanto o Rickson.. Quanto as brigas, principalmente da contra o Hugo na praia, nao era pra defender bandeira nem familia e sim pra manter a fama de brigão.. Quase todos os Gracies, talvez com exceção do Royce, pediavam na farofa quando o desafio era grande

  • Dan Fernandes

    Aldo está no modo Anderson Silva…

Tags: ,
Instagram