Atacando de Joe Silva: lutas
a casar pós-UFC Calgary

Laerte Viana | 29/07/2018 às 21:36

Fala, galera!

O card montado em Calgary, no Canadá, não foi um dos mais memoráveis, apesar do retorno triunfal de um dos melhores lutadores de todos os tempos.

Embora a galera não tenha empolgado tanto dentro do cage, os desdobramentos foram de suma importância para algumas categorias, como nos leves, por exemplo, que contou com dois novos nomes despontando como alternativas para o futuro.

A elite até 70kg, que ganhou um novo membro, também agradece.

Bom, deixando o papo furado de lado e sem mais delongas, vamos direto para o que de fato interessa: os próximos passos dos principais vencedores do UFC Calgary

1num

Dustin Poirier x Tony Ferguson

Para quem ainda tinha dúvidas, Dustin Poirier provou de uma vez por todas que pertence à nata dos leves. O nocaute sobre Eddie Alvarez poderia render ao Diamante a chance de lutar pelo título mundial, mas um certo irlandês adiará esse sonho.

Partindo do pressuposto que Khabib Nurmagomedov vai defender a cinta contra Conor McGregor em outubro ou novembro, Poirier poderia enfrentar Tony Ferguson, que também se encontra à sua frente, pelo posto de desafiante até 70kg. De repente, se Ferguson for demorar muito para retornar ao octógono, Kevin Lee aparece como segunda opção.

NUM_2

José Aldo x  Cub Swanson / Renato Moicano 

Ótima e emocionante vitória de José Aldo sobre o duro Jeremy Stephens, retornando ao caminho das vitórias após mais de dois anos e relembrando o doce sabor de nocautear alguém, algo que não conseguia desde 2013.

Olhando para o futuro, a ideia inicial era casar o brasileiro com Brian Ortega, mas o campeão Max Holloway, segundo Dana White, está em boas condições para defender o cinturão. Como ainda não há uma data oficial, é possível que o duelo aconteça somente no final de 2018 ou início de 2019, o que deixaria Aldo muito tempo de molho até receber sua chance.

Sendo assim, Aldo teria que lutar mais uma vez antes de disputar o título novamente. E o timing é perfeito para um title shot eliminator contra o vencedor de Cub Swanson x Renato Moicano, que se enfrentam no UFC 227, neste sábado (04/08).

Ps: Por razões óbvias, muda-se o plano inicial traçado para Chad Mendes. O coloque contra Mirsad Bektic ou o proóprio Jeremy Stephens e está resolvida a questão.

NUM3

Joanna Jedrzjeczyk x Michelle Waterson

Não é segredo para ninguém: se você não se chamar Rose Namajunas, dificilmente irá brecar o ímpeto de Joanna Jedrzjeczyk. Por mais que não seja invencível, a atuação sólida e sem sustos diante de Tecia Torres comprova a tese de que derrotar a polonesa é fato raro.

Joanna, porém, se encontra em um mato sem cachorro. Já enfrentou todas do top 5 e, por ora, dificilmente vai enfrentar Rose pela terceira vez. Com os agendamentos de Jessica Andrade x Karolina Kowalkiewicz e Carla Esparza x Tatiana Suarez, e Claudia Gadelha fora de ação por lesão, sobra apenas Michelle Waterson para a ex-campeã.

NUM4

Alexander Hernandez x Islam Makhachev

Ao derrotar Olivier Aubin-Mercier de forma convincente, Alexander Hernadez mostrou que o nocaute relâmpago sobre Beneil Dariush não foi obra do acaso. O garotão de somente 25 anos é, de fato, um produto interessante.

Um pouco antes, na porção preliminar, Islam Makhachev impressionou mais uma vez ao laçar o braço de Kajan Johnson ainda no primeiro round, arrancando os três tapinhas do oponente.

Já passou da hora do russo receber concorrência de nível mais elevado, enquanto Hernandez deve continuar sendo testado para manter sua vaga no ranking. Por que não colocá-los frente a frente? Me soa coerente.

Casamentos extras:

  • O que Ion Cutelaba tem de marrento e agressivo, tem de sem noção. Após virar o combate e nocautear o favorito Gadzhimurad Antigulov, pediu a cabeça de Daniel Cormier. Menos, né? O triunfo deve colocar o Hulk no top 15 da categoria dos meio-pesados, terra devastada que carece de renovação. O wrestler Patrick Cummins seria um desafio na medida para Cutelaba seguir sua jornada.
  • Protagonista da melhor luta do show, John Makdessi fez o necessário para passar pelo veterano Ross Pearson. O vesguinho, inclusive, é sempre uma atração à parte. Ele não tem nível para enfrentar a elite, todavia é uma barreira grande para boa parte da divisão até 70kg. Outro nome que se encontra no meio da tabela e também rende combates animados é Gilbert Durinho, que daria um interessante duelo de estilos. Makdessi x Durinho é a bola da vez.
  • Dustin Ortiz é osso duro de roer, meus caros. Mesmo levando atraso do promissor Matheus Nicolau, o americano tirou um belíssimo chute da cartola e deitou o mineiro, pintando a trinca pela primeira vez no Ultimate. Ortiz pediu pela disputa de cinturão, o que não deve acontecer, pois Sergio Pettis e Jussier Formiga, que podem se enfrentar em breve, estão na frente. Um confronto com Ray Borg, último homem a perder para Demetrious Johnson, é um teste digno para Dustin.

Amigos, me ajudem com os destinos de Eddie Alvarez, Jeremy Stephens, Tecia Torres, Matheus Nicolau e companhia? Mandem bala!

  • Alan

    Concordo com Poirier X Fergunson,posso estar errado, mas eu vejo a possibilidade de Khabib X conor não acontecer, oque seria bom para o poirier, que bela e emocionante vitória do José Aldo, tomara que o Renato Moicano vença, porém queria muito ver uma revanche de José Aldo X Cub Swanson, por hora penso que não seja bom negócio José Aldo pensar em disputar a cinta, foi falado que Max Hollaway irá voltar e defender o cinturão contra o Brian ortega, mas é uma incógnita se ele vai conseguir lidar bem com a perda de peso, haja vita os últimos acontecimentos!

    • Laerte Viana Venâncio Alves

      Penso parecido contigo.

      • Alan

        Tomara que o Max Hollaway consiga voltar bem e lutar contra o Brian ortega, caso contrário o UFC tem que ter um plano B.

    • Sergio Araujo

      Eu tb vejo a possibilidade de Khabibi x Conor não acontecer. A questão é: quanto tempo o UFC vai esperar pra desistir e agendar outra luta pra Khabib?

      • Alan

        Então eu acho que eles vão esperar até o final do ano aproximadamente, se eles não obtiverem uma resposta de ambos até lá, acho que o UFC vai ter que colocar o Dustin Poirier, na minha opinião o UFC não pode se precipitar e observar se Khabib X Conor realmente vai acontecer antes de casar uma luta para o Poirier!

  • Gabriel

    Já adianto de cara que eu acho sacanagem colocar o Dustin na reserva. Digo, o cara vem de 3 vitórias seguidas sobre caras duros, tem proporcionado ótimas lutas e interrupções.

    Em contrapartida, é difícil competir com o Conor nesse aspecto de casamento da luta, então colocaria ele x Tony no mesmo evento de Khabib x Conor.

    • Laerte Viana Venâncio Alves

      Boa. Eu também colocaria Poirier x Ferguson no mesmo card de Khabib x Conor.

  • Thiago Tanikawa

    Poirier vs Ferguson: JUST BLEEEEED!!!
    Alvarez vs Hernandez: Alvarez eu nunca vi como alguém tão habilidoso assim…passou raspando pelo Pettis e pelo Melendez, ganhou do RDA no que eu achei um ponto fora da curva e foi humilhado pelo Conor. Ainda assim é um nome de peso que pode servir pra testar o prospecto interessantíssimo que é o Hernandez.
    Aldo vs Bektic: eu só casaria ele com o Swanson, mas isso dependeria da luta dele contra o Moicano. Bektic vem em ascensão e eu acho um bom nome pra reconstruir o trajeto.
    Stephens vs Lamas: Stephens nunca foi nível top 5, mas é sempre uma alegria de ver lutar. Lamas tá em má fase mas ainda pode fornecer combates interessantes, principalmento contra um porradeiro de marca maior.
    Joanna vs Esparza ou Suarez: a luta que eu quero ver mesmo é Joanna vs Female Khabib, a inquedável contra a quedadora. Mas isso só vale depois do confronto no 228.
    Makdessi vs Pichel: luta porradaria pra entreter os fãs em um outro card menor.
    Ortiz vs Elliot: eu concordaria plenamente com o casamento se eu não quisesse ver Borg vs Benavidez na próxima, mas se ele vencer esse casamento o vejo como um possível contender (algo impensável a meses atrás).
    Nicolau vs Sasaki: tinha expectativas altas no Nicolau, mas acho que uma boa sequência é só o que trará de volta o hype dele. Sasaki é vencível e alguém que ele já devia ter enfrentado anos atrás. Boa luta pro card na China.

    • Laerte Viana Venâncio Alves

      Acho que é um passo muito grande pro Hernadez. Alvarez é elite desde a época do Bellator.

      Nicolau x Sasaki é uma ótima sugestão.

  • Alan

    Eddie Alvarez X Kevin lee
    Jeremy Stephens X Mirsad Bektic´
    Tecia Torres X Carla Esparza
    Matheus Nicolau X Ulka Sasaki

    • Laerte Viana Venâncio Alves

      Esparza pega a Tatiana Suarez no UFC 228.

      De resto, curti os casamentos.

  • Mauro

    Vitória do Aldo foi incrível. Começou tomando um grande amasso, sobreviveu, amassou, achou a costela, e Jeremy entregou o melão. Me surpreendeu por ser nocaute. Até eu, que não gosto do Aldo, gostei em vê-lo nocautear. Mas falando nos penas: eliminando Ortega e Holloway, sobre Aldo, Edgar, bektic, Swanson, moicano, Stephens, Chad, zumbi, zabit, Yair, Alexander e Emmett.

    Se Swanson vencer moicano, e Edgar ao zumbi, fica difícil não fazer revanche numa categoria de Chad, Aldo, Edgar é Swanson la em cima. A menos que alguns dos consagrados deem chance aos promissores zabit, Alexander ou Yair, para evitar revanches. Moicano, se vencer, é bom para categoria, mas como sou fã do Swanson, torcerei para o mesmo.

    Por isso, até seria bom um Alexander x Chad…tentar a todo custo evitar revanches, pois se Swanson vencer moicano, merece pegar o Aldo? Ai vence o Aldo, o lutador que perdeu para Ortega e Edgar, teria revanche após vencer o número um do ranking?

    A categoria tá treta.

    • Laerte Viana Venâncio Alves

      Essa categoria tá sinistra mesmo.

  • Mauro

    Devo parar de subestimar o Poirier. Até gosto dele, mas sempre o vi como um mero lutador de boxe no mma, mas parece que errei. E aquilo, se Conor for voltar, Poirier x Ferguson, do contrário, Poirier x khabib.

    Alvarez, que vacilou feio ontem quando tinha a vitória em mãos c base no bom wrestling, e na trocação deixou um pouco a desejar, não pareceu o mesmo que manteve um boxe alinhado contra gaetjhe, poderia fazer uma boa peleja com Kevin Lee.

    • Laerte Viana Venâncio Alves

      Eu também já subestimei o Poirier num passado recente. Queimei a língua e hoje é um dos lutadores que mais gosto de assistir.

  • João Vitor Andrade

    Pode rolar um Aldo vs Ortega por um título interino

    • Laerte Viana Venâncio Alves

      Se o Holloway fosse ficar muito tempo afastado, essa seria a ideia.

  • Caio Abreu

    cara chegou a hora do Poirier o cara realmente atingiu o nivel de disputar o cinturão, merece muito a disputa venceu campeões seguidamente e sem deixar dúvidas. Deu cabo de todos os seus recentes adversários. its khabib time.

    • Laerte Viana Venâncio Alves

      Se o Conor não tivesse no caminho, certamente seria a hora do Poirier, o cara merece.

  • Douglas Karpinski

    Aldo simplesmente calou minha boca, achei que a fome de vitória tinha sumido mas acho que agora de fato tirou a pressão e vai vir com mais fome, eu espero, porem não foi uma luta muito inteligente, mas não importa…..

    • Laerte Viana Venâncio Alves

      Também achei que ele estava pouco motivado. Muito bom ver ele voltar dessa maneira.

  • Igor Barbosa

    Eu colocaria McGregor contra o Nate Diaz e Poirier contra Khabib. Pay per views seriam vendidos pra agradar o irlandes e justiça seria feita ao Poirier. Agradaria gregos e troianos. Esse é o momento ideal pro UFC provar que não precisa se curvar ao McGregor pra sobreviver. Mimá-lo com uma disputa de cinturão depois de tudo que aconteceu seria um caminho sem volta. A divisão anda maravilhosamente bem sem ele.

    Quanto aos casamentos:

    Eddie Alvarez x Kevin Lee
    Jeremy Stephens x Chad Mendes
    Tecia Torres x vencedora de Cortney Casey vs. Angela Hill
    Olivier Aubin-Mercier x Beneil Dariush
    Jordan Mein x Ben Saunders
    Alex Morono x Luan Chagas
    Kajan Johnson x Nik Lentz
    Hakeem Dawodu x Jason Knight
    Austin Arnett x Kyle Bochniak
    Gadzhimurad Antigulov x Gian Villante
    Ross Pearson x Erik Koch
    Alexis Davis x Jessica Eye
    Katlyn Chookagian x Liz Carmouche
    Matheus Nicolau x Tim Elliott
    Randa Markos x perdedora de Cortney Casey vs. Angela Hill
    Nina Ansaroff x Alexa Grasso
    Devin Powell x Dong Hyun Kim (o “Maestro”)
    Alvaro Herrera x demissão

    • Laerte Viana Venâncio Alves

      UFC já parou – e faz tempo – de se preocupar com isso de não se curvar à algum lutador. Eles querem dinheiro no bolso. E McGregor c Khabib venderia muito mais que McGregor x Nate Diaz 3, pode apostar sem medo de errar. Haha

      No mais, Alex Morono x Luan Chagas e Alvarez x Lee me agradam bastante.

Tags: , , , , , , , , , , , , , ,