Atacando de Joe Silva: lutas
a casar pós-UFC Hamburgo

Laerte Viana | 23/07/2018 às 15:59

Fala, galera!

Que dia trágico para os representantes brasileiros escalados para o UFC sediado em Hamburgo, na Alemanha. Os três veteranos não foram competitivos frente à concorrência, comprovando ainda mais a tese de que o MMA é um esporte para jovens, como sempre gosta de frisar o chefe Renato Rebelo.

No mais, embora alguns nomes tenham chamado a atenção dos fãs, não tivemos grandes resultados no card marcado por dez decisões e somente três interrupções.

Deixando o papo furado de lado e sem mais delongas, vamos direto para o que de fato interessa: os próximos passos dos principais vencedores do UFC Hamburgo:

1num

Anthony Smith x Ilir Latifi 

Sem dó nem piedade. Anthony Smith confirmou o favoritismo ao brutalizar Maurício Shogun em míseros 89 segundos, pouco mais de um mês após apagar Rashad Evans de forma tão chocante quanto, feitos que mudam seu patamar na carreira.

Apesar da boa fase – cinco nocautes nas últimas seis lutas -, ainda não podemos afirmar que Smith esteja pronto para encarar a galera do pelotão de cima, uma vez que suas vitimas estão longe de estarem no auge. Para tirarmos a prova, vejo Ilir Latifi como opção ideal para o atual momento do Coração de leão, já que Alexander Gustafsson, desafiado ainda no octógono, anunciou que novamente machucado.

Em relação a Shogun, como fã da lenda brasileira, torço para que o mesmo repense seriamente a decisão de continuar no esporte. O corpo visivelmente já não aguenta mais render em alto nível e a saúde poderia ser justamente preservada.

NUM_2

Corey Anderson x Volkan Oezdemir

Confesso que fiquei surpreso com o amplo domínio de Corey Anderson, pois subestimei o americano e minimizei o fato de que Glover Teixeira, que completa 39 anos em outubro, está em evidente declínio físico e técnico.

O campeão do TUF 18, que não tem nada a ver com isso, fez sua parte de maneira irretocável e chega ao top 5 dos meio-pesados com moral. Um bom teste para Anderson é Volkan Oezdemir, que recentemente se contundiu, mas deve estar em condições de jogo no segundo semestre.

NUM3

Abu Azaitar x Julian Marquez 

Primeiro brasileiro a pisar no octógono alemão, Vitor Miranda teve atuação bem abaixo da expectativa e parou no ímpeto do estreante Abu Azaitar, que se mostrou melhor até mesmo na trocação, onde o brasileiro é claramente mais técnico.

Apesar do começo com o pé direito, o marroquino se mostrou bem limitado no chão, o que certamente deve impedir uma ascensão – ao menos que se reinvente. Sendo assim, o também striker Julian Marquez, 1-1 no UFC, está de bom tamanho para Abu.

NUM4

Marcin Tybura x Tai Tuivasa

Peso pesado é oito ou oitenta, dificilmente tem meio termo. Como Marcin Tybura e Stefan Struve estão longe, muito longe de pertencerem à elite, a luta foi ruim, com o polonês levando a melhor nos pontos e, consequentemente, encerrando a sequência de resultados ruim.

Conforme adiantei em junho, o vencedor dessa peleja seria marcado contra o garotão australiano Tai Tuivasa, invicto na carreira e com três triunfos na companhia, mas ainda sem provar que merece se juntar à nata, assim como Tybura.

Casamentos extras: 

  • Um combate curioso: pouquíssima técnica, emoção de sobra. Assim foi a vitória de Danny Roberts sobre o debutante David Zawada, que volta a ter uma boa sequência de resultados e chega a marca de 5-2 na organização. Seguindo a linha de raciocínio apresentada na semana passada, o porradeiro inglês é um desafio na medida para Sage Northcutt, que atravessa a melhor fase de sua carreira.
  • Atuação surpreendente e bastante sólida de Nasrat Haqparast, que afundou o hype do metido Marc Diakiese após três rounds de domínio total. O primeiro resultado positivo do sósia de Kelvin Gastelum no Ultimate veio em grande estilo, o transformando em uma boa opção de entretenimento, especialmente se casado com alguém que também gosta da luta em pé, caso de Lando Vannata, que precisar recuperar a moral de outrora. Coloque o Groovy contra Haqparast e está tudo certo.
  • Sem querer soar precipitado, acredito que a divisão até 93kg ganhou um novo e bom nome para ficarmos de olho. Em um completo monólogo de 15 minutos, com direito a 30×25 e dois 30×24, Aleksandar Rakic passou o carro no ex-pesado Justin Ledet e somou o segundo triunfo na casa. Um sopro de renovação é sempre muito bom para os meio-pesados, portanto Rakic poderia ser testado contra o inconstante Tyson Pedro já na rodada seguinte.

Amigos, me ajudem com os destinos de Maurício Shogun, Glover Teixeira, Vitor Miranda, Stefan Struve e companhia? Mandem bala!

  • Deivis Chiodini

    Para Shogun, só um destino: Rua (sou rei do trocadilho ruim).

    • Laerte Viana Venâncio Alves

      UTC dos Castro Brothers tá contratando, manda currículo! haha

  • Vicente Pontes

    Shogun é o Adriano imperador do MMA

    • Sidra

      O Adriano é um cara alto pra futebol… o Shogun tá bem baixinho (e talvez até pequeno) para a categoria dele… De repente o Rua na 84kg renderia melhor 🙂

    • Laerte Viana Venâncio Alves

      Eu diria que o Shogun é o Ronaldinho Gaucho do MMA. Ambos atingiram o auge/topo muito cedo, viraram lendas e cansaram de lutar em alto nível, por mais que o talento natural ainda estivesse lá.

      • Igor Martins

        Por aí…Shogun com 29/30 anos já tinha ganho os principais títulos do MMA mundial. Pride e UFC..sendo que nessa idade alguns estão iniciando a carreira no MMA vindo de artes marciais eapecificas. O Shogun de hoje é lento , qdo vai atacar os adversários já o acertaram…vide St preux e agora o.smith que eu lembre Shogun é porradeiro nato, precisa da explosão e cardio e queixo (debilitado) pra fazer frente, a surra que ele tomou do jj tirou a alma dele, e aquelas batalhas contra o Henderson tirou alguns km de rodagem tbm…não vejo futuro pro Shogun e ele mesmo nem parece motivado .

  • Sidra

    Laerte, assisti a luta do Shogun umas 10 vezes (tortura :P)… até que ele não tava mal não… aquela ponteira do Smith é q mudou o jogo. Shoga foi pra cima e foi acertado e nocauteado logo em seguida. Cara, gostaria que o Mauricio tentasse o caminho inverso do Smith, huehue: Quem sabe uma descida de categoria? Ele teria que mudar alimentação, aprender a cortar o peso, mas quem sabe?

    O queixo dele não é mais o mesmo, na 84kg de repente a porrada é mais leve… outra coisa, o Shogun e mais um striker, e ele sempre ta perdendo na envergadura pros outros caras da 93kg… De repente com um novo animo, numa nova categoria e com menos churrasco nosso querido Sunga poderia render melhor 🙂

    • Laerte Viana Venâncio Alves

      Entendo perfeitamente a sua visão e torcida como fã, mas 84kg não é uma boa alternativa.

      O corpo do Shogun, com quase 37 anos, sofreria um dano muito grande para bater 84kg. E se a pegada nos médios é mais leve, em contrapartida o brasileiro estaria mais desidratado, a absorção de golpes, que já é ruim, ficaria ainda pior.

      E, sinceramente – e infelizmente, acho que nem o Shogun tem interesse em continuar lutando em alto nível. Vamos ter que ficar com as ótimas lembranças do passado lendário.

      Abração.

      • Sidra

        Triste demais ver o Shogun conformado dessa maneira… Uma coisa q me incomoda tbm é o fato dele nunca ter aprendido inglês 🙁 não falar inglês, não se comunicar na gringa e essas derrotas horríveis fazem com que ele seja cada vez mais esquecido pelos fãs, e se torne desconhecido/ignorado pelos novos… Sei lá cara… 84kg era tipo dar um reboot na carreira, começar do zero, tentar uma parada diferente…
        Triste demais ver ele se tornar chacota na boca das pessoas… aquele monstro que assombrou os ringues no passado… triste.
        Se for o corpo que não da mais, ele podia tentar parar tbm… se nao da pra treinar direito… ele ta podre de rico já… Agora é só pra legado mesmo 🙂

        E foi naquela luta com o Gustafsson, tem 6 anos, que percebi que seria dificil pro Mauricio jogar o MMA com essa geração de gigantes q habitam os 93kg atualmente, mesmo lutando legal… o Machida fez o certo em descer eu acho… Shogun podia tentar, uma ultima cartada pra tentar ser campeão de novo. O Glovão, fiquei triste por ele tbm… será q se ele subisse (se bem q com esse queixo dele…) se daria bem? Abraço!

        • Laerte Viana Venâncio Alves

          Absorção de golpes do Glover já foi pro espaço, balançou pro Corey Anderson, que está muito longe de ser um pegador. Subir pros pesados não seria uma boa ideia.

          Abraço.

          • Sidra

            Tem uns caras que melhoram a absorção quando sobem… mas realmente, seria arriscado 🙁

        • Juan

          A última cartada pra ele no UFC foi queimada domingo agora.
          Shogun já vinha pra pegar um oponente duro, então já teria de estar bem treinado, com o desafio do Cornier e a troca para um adversário vindo da categoria de baixo, era um cenário ainda mais interessante. Mas pelo visto, só o Rafael Cordeiro pra “motivar” o cara. Não o culpo, ganhou tudo cedo, muitos de nós faríamos o mesmo.
          Na 84Kg (utopia), com 37 anos, ele ficaria como o Rashadinho ou como o PettisCazuza, sem pujança e sem queixo.
          Pro Shogun é só curtir a família e no máximo algum desafio do Rizin/Belattor no Japão pra matar saudade de Tóquio.

          • Sidra

            Com certeza ele estava bem treinado… para o Oezdemir, que é um pouco diferente do Smith. Respeito sua opinião, mas ainda acho q o sunga possa ser campeão 🙂

          • Laerte Viana Venâncio Alves

            É isso ai, concordo contigo.

    • Igor Martins

      Foi tenso o Shogun ficou apagado em pé na grade…

  • Daniel Piva

    Para o Glover, pensei no Cirkunov. E para o Shogun, o ganhador de Cutelaba vs Antigulov, que lutam neste fds. O que parece?

    • Sidra

      MEDO do Sunga enfrentar o Cutelaba… Aquele camarada é um cavalo… nao é muito tecnico mas a porrada dele, sai de baixo… gostaria q o Shoga tentasse uma descida de categoria 🙂 e O Glover venceu o Cirkunov já em sua penultima luta 🙂 abraço!

      • Daniel Piva

        Verdade! Esqueci que já rolou o Glover vs Cirkunov.

    • Laerte Viana Venâncio Alves

      Eu gostaria que o Shogun não lutasse mais, digo isso como fã. Ele visivelmente não tem condições de permanecer na elite, e ser escada de novos talentos não é uma boa opção. Esse Antigulov é uma carne de pescoço das bravas.

  • Douglas Karpinski

    Bom ja que o Smith pediu o Gustavão e pelo jeito o sueco ta machucado, daria esse descanso pro smith esperar o sueco, mas depois só lamento, Gustavão sem dó nem piedade acaba com ele….

    • Laerte Viana Venâncio Alves

      Gustafsson jantaria o Smith, realmente.

  • Igor Barbosa

    Maurício Shogun x Khalil Rountree (luta de aposentadoria)
    Glover Teixeira x vencedor de Sam Alvey vs. Minotouro
    Vitor Miranda x Karl Roberson
    Stefan Struve x Blagoy Ivanov
    David Zawada x Keita Nakamura
    Marc Diakiese x Clay Guida
    Damir Hadžović x Gilbert Durinho
    Nick Hein x Felipe Silva
    Bartosz Fabiński x Jesse Taylor
    Emil Weber Meek x Alex Garcia
    Nad Narimani x Dennis Bermudez
    Khalid Taha x Kyle Bochniak
    Justin Ledet x Marcel Fortuna
    Manny Bermudez x Alejandro Pérez
    Davey Grant x Andre Soukhamthath
    Darko Stošić x Devin Clark
    Jeremy Kimball x Magomed Ankalaev
    Liu Pingyuan x Guido Cannetti
    Damian Stasiak x demissão

    • Laerte Viana Venâncio Alves

      Gostei de Nick Hein x Felipe Silva. Luta valendo o emprego para os dois.

      • Igor Barbosa

        Intenção foi justamente um RH eliminator mesmo rs.

    • Sidra

      MEDO do Shogun contra o Khallil… cheirinho de ver o Shoga apagado mais uma vez 🙁 Aliás, ta foda de casar luta pro Shogun… Se for na 93, quem sabe um Cirkunov no Canada, ou um Pat Cummins… Sei lá… esses cavalos da 93kg são todos truculentos demais, huehuehueuh!

      • Igor Barbosa

        Po, Cirkunov é encrenca também hahahaha… Rountree é perigoso mesmo, mas queria testar algum nome em ascensão contra o Shogun, e não ranqueado. Foi essa logica que usei mesmo.

    • William Oliveira

      Jeremy Kimball se aposentou. Taylor tá suspenso por doping.

      • Igor Barbosa

        Acho que Taylor pode voltar em agosto se não me engano. Po, fiquei sabendo depois da aposentadoria do Kimball. Meio que surpreendeu.

  • Pedro Oliveira

    Mauricio Shogun vs Scott Coker

    • Laerte Viana Venâncio Alves

      Se não decidir pendurar as luvas, é uma opção viável.

  • Igor Martins

    Se o Shogun não.parar vai fazer igual o Belfort entre outros veteranos fazendo fiasco, ele ate pela categoria estar rasa ele só precisaria dessa vitória pra disputar o título, mas depois do que aconteceu foi igual o Rebelo falou , imagina ele hoje contra o DC….

Tags: , , , , , , , , , , ,