Resenha do UFC 226
#jornaleiroresponde

Renato Rebelo | 08/07/2018 às 03:01

Pessoal, lancei uma resenha ao vivo no nosso canal do Youtube para comentar o explosivo UFC 226, em Las Vegas, e as suas principais consequências.

Venham comigo!

  • Mauro

    Vimos uma lenda se concretizar. Parabéns DC! Mas se ficará nos pesados, abdique da outra categoria. DC x Brock já era esperado, já sabíamos que Brock pegaria o vencedor.
    Miocic deve pegar o blaydes, vencer, e disputar o cinturão de novo. Borrachinha pegar o Chris pode ser uma boa pro americano, surfar no hype do brazuca, e cavar sua chance no ts após Kelvin. Raphael Assunção deve aceitar apenas um top 5, menos que isso, nem luta. Saki teve dia de Edgar, nocauteado por alguém inferior em pé. Durinho mostrou ser molinho e burro também.

  • bedotRJ

    Pelo visto Cormier já poderia ter feito história há mais tempo não fosse pelo amigo Velásquez ficar nesse ‘chove-não-molha’ sobre retornar ou não ao MMA. Agora já pode pedir pro parceiro se aposentar de vez.

    • Douglas Karpinski

      não faria por causa do Bones

  • Leandro Luz Moreira

    Nada mais constrangedor que a luta de Lewis e Ngannou.

    Perai, tem sim. O teatro entre Lesnar e DC no final.

    • Douglas Castilho

      Tem sim. Seu comentário.
      Poderia reclamar do teatro se fosse pagar um puto de pay-per-view pra essa luta.

      • Leandro Luz Moreira

        Hã?

  • Doniel Porter

    Impressão minha ou Ngannou mudou o fornecedor de way?

    • Gabriel

      Pois é, veio bem mais em forma. Se não me engano, em comparação com a luta contra o Stipe, ele perdeu cerca de 10 pounds.

      • Doniel Porter

        Nesse processo, visivelmente perdeu muita massa muscular.

    • Douglas Mol Resende

      Acho que ele percebeu que lutar muito pesado não é uma vantagem. Na luta contra o Stipe ele declarou que perdeu 7 pounds pra bater o peso, ou seja, deve ter lutado pesando 272 libras. Nessa ele bateu 253lb. Imaginava ele com um gás melhor, mas infelizmente esqueceu de lutar e não deu pra isso ser avaliado.

  • Eduardo Almeida

    Excelente vídeo. Parabéns Renato! Já esperando o podcast.

  • Sergio Araujo

    DC é uma sensação. Cravou definitivamente seu nome entre os melhores de todos os tempos.

    Agora aquela palhaçada com o Brock Lesnar foi foda. Só vive falando que o Jones é dopado, trapaceiro e tal… daí o kra vai cavar uma luta com Brock Lesnar? Dá licença! Pra mim isso tá cheirando a medo de enfrentar os contenders pesados.

    É a nova moda do UFC. Lutar pelo cinturão todo mundo quer, agora defender contra os legítimos contenders… Esse é o legado do Conor Macgragor!

    • Tairon de Oliveira

      Ele simplesmente legitimou a 2a luta entre ele e o Jones com essa presepada do Lesnar.

      • William Oliveira

        lol

    • Alan Freire

      Medo de enfrentar os contenders? Pra mim, me parece muito mais uma maneira de ganhar dinheiro. Ele lutou contra o peso-pesado de maior sucesso da historia do UFC. Quem taria na fita ai para um TS….Curtis Blaydes e Lewis? Você acha mesmo que o Cormier tem medo deles? Por favor, né. A categoria do peso-leve na época do Conor tinha o Ferguson e o Khabib, essa tem o Blaydes, Lewis e o Volkov. Situações bem diferentes.

    • Douglas Castilho

      Ah, não fode vai.
      Jon Dopado Jones vai pegar uma suspensão grande (1 ano no mínimo). Brock Lesnar em 6 meses estará disponível para lutar. A curto prazo é a luta a se fazer.

  • Ton lima

    Dc sem comentarios, é um baita cara e merecesse tudo o que tá acontecendo com ele, e depois de critica-lo eu parei e pensei “depos de ter vencido tantos caras e com essas 2 cartegorias arrasadoas, por que não deixa-lo ganhar seu dinheiro???” Lembrando que jones não esta liberado pra lutar.

    A declaração do borrachinha me surpreendeu, disse que não podia mecher a cabeça pra não levar os golpes rodados do Hall e por isso aceitou os jabs, o que é mais pura verdade já que o Mousasi levou esse golpe no movimento de cabeça e caiu…

  • Álvaro

    Borrachinha se consolidou como um contender perigoso contra qualquer lutador da categoria. Tem um jogo com que intimida qualquer um.

    • Daniel Henrique

      Kkkk risos. Mano deve ser um sonho um Wrestler tipo Weidman , Romero , até o Branch pegar o Borrachinha afobado do jeito que ele está . Ele é perigoso pra quem entra no jogo dele , ou não tem outra faceta de jogo , como o Hall. Pra falar a verdade eu apostaria contra ele até numa luta contra Cara de Sapato e Mutante. Precisa melhorar e muito o chão , defesa de queda e variação de jogo. Não caia no hippie não meu amigo .

      • Shotokan Karate

        Permita discordar. Borrachinha é um lutador interessante. Ele consegue ter sangue nos olhos e ao mesmo tempo se manter fiel a uma estratégia de luta sem correr do pau. Se ele vai ser campeão é outra história mas Eraser tem sim tudo pra integrar a elite da divisão.

      • Álvaro

        Falei que é perigoso para qualquer um, com efeito. Agora, vencer os nomes que você citou são outros quinhentos. Tem que ler direitinho e saber separar as coisas

        • Daniel Henrique

          Eu li mano, só não concordo que ele seja perigoso ou intimidasse esses caras que eu citei. Quem pode intimidar é Romero , o Borrachinha ainda tá muito atrás da fila , se abre demais e tem muita brechas no jogo. Lá na elite quem tem falhas visíveis no jogo fica pra trás , Borrachinha nem testado no chão foi pra intimidar alguém. Acho que ele pode sim ser da elite , mais a medio- longo prazo, isso se ele não acreditar no que ele próprio diz, que é que está pronto pro título . Abraços

  • Wadson

    Brock Lesnar … até quando ?

  • Santiago

    De boa pessoal, todo sucesso e energia positiva pro Borrachinha, mas no MMA moderno dificilmente ele terá vida longa como atleta. Atletas dependentes de força e explosão não conseguem ir muito longe. Basta um Jhon Ficht da vida pra neutraliza-lo e faze-lo amargar derrota atrás de derrotas. Mas como disse, desejo muito ao jovem brasileiro.

    • William Oliveira

      Tyron Woodley tá aí. Campeão.

      • Leonardo Saraiva

        Um wrestler estratégico como woodley, tem nem comparaçao cara, Woodley não explodiu contra o Maia por exemplo

      • Santiago

        Nunca. Não mesmo. Woodley além de ser um ótimo wrestler, tem uma trocação ortodoxa, bem técnica. A trocação do Borrachinha é pura pedrada.

  • Paulo Zanchet

    Renatão sempre apavorando nos comentários. E nós tendo que engolir Kyra Gracie e cia… Gostei da atuação do Borrachinha, apesar dos pesares. Acho que um bom wrestler, como Weidman, tem tudo pra anular seu jogo, contudo não tem como não curtir suas lutas. Cara vai sempre pra cima, punch
    de outro mundo, nocauteia… Curti também as performances do Pettis e do Raphael Assunção. Ngannou nos enganou nessa última aparição. Cormier é o cara, ganhou do adversário sem botar pra baixo. Baita atleta!

  • FabioH

    É uma pena o UFC abrir as portas para esse teatro puramente WWE do Lesnar, mas… o dinheiro fala mais alto, e nesse caso, não tem como criticar o DC por buscar sua money fight, mas se as 2 últimas dele forem Lesnar e Jones na HW, espero que abra mão da cinta dos meio pesados.

  • Dory Lannister

    Sinceramente, nao vejo nada de mais no Borrachina. Na minha opinião, não passa de um lutador mediano com punch.

    So é motivo de materia aqui no forúm por ser brasileiro, e na busca desesperada do pessoal aqui, de um lutador brasileiro que alimente as esperanças de ser campeão. Mas eu nao acredito que ele se crie entre os tops da categoria.

  • Shotokan Karate

    Baita orgulho do Gordinho Bom de Briga Daniel Cormier. Desde a semana passada eu vinha apostado nele contra o Miocic. A vitória em sim não foi uma surpresa mas sim a forma como ela rolou. Com o gordinho indo na mão contra o bombeiro e arrancando um belo KO. Com essa façanha o gordinho se consolida entre os maiorais do UFC ao lado de GSP e Randy Couture (bombadões não entram nessa lista).

Tags: ,