Fonte:" /> Jessica revela mágoa com Nunes: “Vai tomar um c… da Cris” | Sexto Round
 

Jessica revela mágoa com Nunes:
"Vai tomar um c... da Cris"

05/03/2018 às 16:54

Fonte: AG. Fight

Maior nome brasileiro entre as pesos-palhas (52 kg) do UFC, Jéssica ‘Bate-Estaca’ está a um passo de garantir nova chance de disputar o título do evento.

Depois de vencer Tecia Torres em fevereiro, a atleta da equipe PRVT se colocou como favorita para enfrentar a vencedora da luta entre Rose Namajunas e Joanna Jedrzejczyk e valorizou sua caminhada na divisão, embora nem tudo a tenha agradado.

Afinal, apesar de ter superado Tecia no duelo que envolvia duas top 5 do mundo, Jéssica se sentiu desrespeitada com a forma como outra lutadora a tratou enquanto o confronto era realizado.

Também brasileira, mas parceira de treinos da americana, Amanda Nunes esteve presente no card realizado em Orlando e não se conteve durante a disputa, quando passou os 15 minutos disputados dando instruções para a atleta que terminou derrotada na decisão unânime dos jurados.

“Na minha luta deu para ver a Amanda torcendo para a Tecia em inglês. A luta começou e eu ouvi que ela tinha a Raquel Pennington como corner e tinha mais uma voz do outro lado. Quando vi era a Amanda na beira do octógono. ‘Ah, beleza. está torcendo para ela’… Não ligo, mas ela como campeã deveria ter dado exemplo e ter se contido. Ela me conhece, ela é minha amiga, ou achava que era pelo menos”, narrou a atleta durante conversa com a reportagem da Ag. Fight.

Direto da sede da academia PRVT na cidade do Rio de Janeiro, onde recebeu a reportagem para uma longa conversa, Jéssica garantiu que se incomodou com a falta de apoio da compatriota.

Em sua visão, apesar da forte amizade com a parceira de treinos, a intensidade com que a campeã dos pesos-galos (61 kg) demonstrou seu apoio ultrapassou a linha de respeito que ela esperava.

“Na hora da luta, ela ficou se esgoelando. Mas se é para torcer para alguém contra seu país, se contenha. A Tecia pegou as minhas costas e ela levantou, quando reverti [a posição], ela ficou brava. Não tenho intenção de lutar com ela, a Amanda vai lutar com a Cris e já vai ter o troco dela [risos]. Fico triste em saber que tem brasileiro que não torce para mim. […] A mulher dela [Nina Ansaroff] é da minha categoria, uma hora a gente se encontra e eu desconto [risos]”, provocou, descartando o interesse de subir duas divisões para medir forças com Amanda.

Até porque, como o próprio Dana White garantiu durante coletiva de imprensa, existe o interesse de que Amanda suba de categoria e enfrente Cris ‘Cyborg’ em maio, no card do UFC Rio.

Essa superluta por si só já serviria, na opinião de Jéssica, para ensinar uma lição para a campeã dos galos, que tomou a iniciativa de desafiar a compatriota para um duelo no octógono.

“Acho que a Amanda se precipitou demais em pedir a luta contra a Cris Cyborg. Ela poderia ter pedido na [divisão] 57 kg, que não é de outra brasileira. Ela poderia ganhar dois cinturões, seria legal e um marco diferente. Mas, não, ela quis lutar com a Cyborg [risos]. A gente pode ter confiança e querer lutar com os melhores… Mas acho que ela fez uma cagada gigante. Fiquei p… quando fiquei sabendo, sou muito fã da Cris, converso com ela… […] Em qestão de ter duas brasileiras lutando é horrível. Mas vai ser bom para a Amanda tomar um c… da Cris para aprender a se colocar no lugar dela”, analisou, arriscando um palpite da motivação de ‘Leoa’ em pedir tal duelo.

“Na última luta, deu para ver a Cris que a gente conhece. Acho que a Amanda viu a luta com a Holly e pensou: ‘Ganho fácil da Holly, então dou um c… na Cris’. Mas a Cris deste sábado é a Cris que conheço. Eu me arrepiava quando via ela batendo [risos]. Acho que ela voltou assim porque a Amanda provocou. Agora ela falou: ‘A Amanda que me chamou para a luta’ [risos]. Agora vai ficar bom, sou fã da Cris”, finalizou.

  • Lucas Zanotto

    A galera não entende que MMA é um esporte individual.

    • Tairon de Oliveira

      Isso é o que a mentalidade Globo/Combate de “futebolizar” os esportes, injeta na galera que acompanha.

      • Diogo Barbosa

        Isso é colisão de bolachas.

      • Thiago_NCO

        Nosso único esporte de fato é o futebol. Então, quando surge um esporte novo (MMA recentemente e tênis uns 20 anos atrás), a mídia força um modelo de torcida futebolístico. É foda, acho uma merda. No MMA, ninguém luta representando o país, e sim a si próprio e, no máximo, a própria equipe.

        • William Oliveira

          “No MMA, ninguém luta representando o país”

          Discordo totalmente.. N é pq o esporte é individual que a representatividade da sua origem não tá lá.

          • Iago Batista

            cara, levantar a bandeira pontualmente eu acho bacana. Mas a todo tempo ficar nessa de “copa do mundo” é chato cara. No final das contas são dois lutadores querendo ser o melhor e só.

          • Santiago

            É bem por aí. Torcida país contra país é inevitável. Sempre existirá. O que não dá é pra neguinho ficar reivindicando torcida pra si usando nacionalidade como critério. Cara no próprio UFC americano sai no tapa com americano o tempo todo e eu não vejo ngm levantando bandeira de nacionalidade.

          • William Oliveira

            Não vejo dessa forma, mas respeito sua opinião.

      • Iago Batista

        o MMA nacional cresceu em cima da rivalidade BTT x CB e teve o “boom” recente com AS vs VB e nego vem com esse papinho chato… Adoro luta entre brasileiros, gera comoção, movimenta torcida, cria um clima de rivalidade. Muito mais prós que contras

    • Evandro Reis

      As duas são brasileiras? Sao. As duas recebem dinheiro do governo brasileiro para defender a republica brasileira? Elas recebem apoio do governo brasileiro? Se ganharem uma luta terão patrocínio do governo brasileiro? Se a maioria das respostas for não, então que porra é esta!!!! Este negocio de não gosto de enfrentar brasileiras etc é uma imensa bobagem…Sao empresas privadas enfrentando empresas privadas e defendendo interesses privados, com um toque magico de nacionalidade para angariar mais torcida e publico e só! Respeitem uma a outra como lutadoras e só. No resto o que esperamos é que se digladiem e que vença e ganhe mais dinheiro a melhor.

  • Vicente Pontes

    Não entendi o choro da bate estaca.

  • Douglas Karpinski

    isso ai vai da pano pra manga, só esperem….

  • Lucas Oliveira

    Jéssica tá de sacanagem, só pode. BR agora só pode torcer, falar e treinar com BR. Agora vai dizer que ias desistir do cinturão se a Amanda fosse a campeã da tua categoria?

    • João Mário

      Ela não teve esse msm pensamento na hora de enfrentar a Gadelha… Engraçado

  • Marcel Rodrigues

    Porra, que pensamento escroto. Só porque um atleta nasceu no mesmo pais que eu, sou obrigado a torcer por ele? Curto a bate-estaca, mas ela tá criando uma polêmica desnecessária

    • Vinicius Menor

      Ah questão é que alem de ser uma compatriota elas eram amigas, ou pelo menos se conheciam… voce aplaudir ficar contente e torcer é uma coisa, outra coisa é ficar se esguelando e brava como a jessica disse. Como campeã a amanda deveria no mínimo se conter, adotar uma postura neutra, ainda mais por conhecer muito bem as origens da jessica e saber o quão é dificil se consolidar no topo do mma mundial vindo de um pais fudido e sem recursos igual ao nosso. Bom so acho … e entendo o ladp da bate estaca

  • Carlos Eduardo Reis

    Acho que o que pesou, como ela mesmo mencionou na entrevista, foi o fato de ela pensar que a Amanda tivesse uma amizade por ela, tal qual ela tinha pela Amanda. Mas, de qualquer modo, posicionamento exagerado da Jéssica, a Amanda, e qualquer pessoa, tem direito de torcer por quem quiser.

  • bedotRJ

    Amanda tinha dito em entrevista ao Combate antes da luta que torceria para a “Ti Ti”, como ela disse. Então não houve surpresa. A Jéssica deve ter se incomodado com a intensidade da coisa. E isso também me surpreenderia. Principalmente pelo fato dela estar torcendo para o velcro de sua potencial desafiante Pennington, que já lutou duas vezes com a própria Jéssica. Se a Pennington lutar com a Amanda, certamente a “Ti ti” não retribuirá a torcida. Elas que são fancho que se entendam.

  • Renato Rebelo

    E a relação parece que era próxima: “Já tô com saudade @amanda_leoa pense numa noite divertida, estou esperando vocês no Rio @ninaansaroff comer churrasco kkkkkkk”
    https://www.instagram.com/p/BUhC8LsgpxH/?hl=pt-br&taken-by=jessicammapro

  • Honorato Neto
  • William Oliveira

    MMA feminino é cheio do drama kkk incrível, mas concordo q pelo menos mais compostura e neutralidade seria algo apreciável por parte da Nunes, nem tanto por serem ambas brasileiras, mas por conta do fato de que ambas eram amigas..

    Lembrando que a Nunes tá sempre envolvida nesse tipo de coisa, me recordo da Joanna falando que quando começou a treinar na ATT era vítima de fofoca e má vontade por parte de algumas meninas como a Nunes, Ansaroff e Tecia..
    Espero que, se rolar, a Cyborg surre mesmo, com vontade. Yamasaki de árbitro.

    • Cleo Lima

      Concordo. O desabafo da Jéssica foi pessoal, não esportivo. Claro que é natural, a figura era tua amiga próxima e, de repente, tá ali se esgoelando querendo que você perca a luta. Mas, de resto, segue o bonde.

  • Alisson Passos

    Viajou agora… A Amanda é companheira de treino da Tecia e amiga, logo iria torcer para ela. E mais, MMA é um esporte sem nacionalidade, você torce para seu lutador favorito! Eu torci para o Lawler contra o RDA mesmo sendo fã do brasileiro mas o Lawler é um dos meus lutadores favoritos! Pensamento besta este da Jéssica, só acertou ao dizer que a Amanda vai levar uma piabada da Cris! Kkk

    • William Oliveira

      A Tecia n tá mais na ATT, foi pra academia da Pennington..

  • Lyn

    Sniff Sniff somos brasileiras e não torceu pra mim. Sniff Sniff Desafiou outra brasileira para lutar pelo cinturão sniff sniff Ter duas brasileiras lutando é horrivel
    http://geradormemes.com/media/created/250/3g5oc4.jpg

    • Hyury De Carvalho Rabêlo

      Em um tatame vc compartilha frustrações, dores, superações e ensinamentos… Entendo perfeitamente a bate estaca, já treinou com a Amanda, eu também ficaria triste. Acho que não tem nada haver com futebolizar a parada, e questão de respeitar.

      • Lyn

        E vc pode compartilhar isso com mais de uma pessoa. Vc tambem pode treinar com mais de uma pessoa e tambem pode ter mais de um amigo na sua vida.

  • Vinicius Maia

    Idiotice do caralho. Amanda torce pra quem quiser. Na realidade qualquer lutador torce pra quem quiser e foda-se. Fica com esse mimimi é de cair o cu da bunda. Pra casa do caralho.

  • Leandro Chiaratti Ayres

    Pensamento bairrista. Os córneres tão lá pra ajudar os seus lutadores, imaginar o contrário por conta de uma relação pessoal é ser super antiprofissional. tsc, tsc…. Não xingou, não agrediu, só tava ajudando a adversária dela que por sinal tbm é companheira de equipe da Amanda…. realmente não entendo.

    • William Oliveira

      A Amanda n tava no córner e tbm n é mais companheira de equipe da Torres. A Torres saiu da ATT.

      • Leandro Chiaratti Ayres

        “Na minha luta deu para ver a Amanda torcendo para a Tecia em inglês. A luta começou e eu ouvi que ela tinha a Raquel Pennington como corner e tinha mais uma voz do outro lado. Quando vi era a Amanda na beira do octógono”

        Eu entendi que ela tava, falha nossa. Mas ainda assim, foi companheira de equipe, convívio diário e tal, acaba estreitando laços mesmo. Laços bem mais fortes que os de “nacionalismo” e “patriotismo desportivo”. Acho uma mentalidade tacanha (que aparenta ser recorrente na PRVT), bem a par do que a narração do Combate faz com os lutadores brasileiros. Pachequismo pesado e tal.

        Enfim, a Jéssica fala o que quer assim como a Amanda torce pra quem quer, mas querer “gozar com o pau” da Cyba, ou dizer que vai bater na Ansaroff como vingança (o.O profissionalismo!?) é sacanagem.

  • Bodhisattva
    • KRS Porlaneff

      Pois é, esse gif resume tudo.

      É a mesma coisa que o Davi Luís não querer passar a bola pro Neimar num jogo da seleção só porque duas semanas antes o Neimar fez um gol passando a bola pelo meio das pernas do DL.

  • Victor Martins

    Holly Holm venceria a Amanda.

    • Igor

      Então tá né

    • Audrey Bonney

      fácil

  • mario

    mulheres….

    • Nathan Dreak

      kkkkkk

  • Idonaldo Gomes Assis Filho

    Mas que coisa sem sentido, falando que em ter duas brasileiras lutando é terrível mas lutou com a Claudinha sem mais nem menos, e a Amanda torce pra quem quiser uai…

  • Wellington Luques

    Parece novela mexicana!
    Vai bater na mulher da Amanda pra descontar?
    Que papo de idiota velho namoral.
    Da mesma nacionalidade não pode se enfrentar? Então acabou o evento. Tem mil americanos se enfrentando toda hora, russo alemão e etc mas, brasileiro não pode enfrentar brasileiro.
    E se uma brasileira fosse campeã da tua categoria, tu enfrentaria ela ou abandonaria a oportunidade do cinturão para não enfrentar um brasileiro?

  • Marcelo

    Amanda tem o direito de torcer pra quem quiser, e Jéssica tem o direito de se sentir chateada pela suposta amiga torcer para sua adversária. E viva a liberdade.

  • Jonas Greco

    “Acho que a Amanda se precipitou demais em pedir a luta contra a Cris Cyborg. Ela poderia ter pedido na [divisão] 57 kg, que não é de outra brasileira. ”
    A Amanda bate 57 kg nem se cortar uma perna fora.

    • Vinicius Maia

      Pra lutar com a Claudinha ela não falou nada disso.

      • William Oliveira

        Mesma categoria e a com a Gadelha falando bastante, inevitável..

        No caso da Nunes é diferente, estará indo pra categoria da Cris quando podia mt bem ficar na sua como campeã, quieta..

        • Vinicius Maia

          Por que ficaria queta? Se ela tem ambição deixe ela ir.

          • William Oliveira

            Ela tem um cinturão pra defender e duas desafiantes legítimas esperando a chance delas. Pouco me importa a sua ambição..
            Por mim super lutas era um negócio que tinha que acabar, só pra casos extraordinários como DJ-TJ mesmo.

          • Vinicius Maia

            E ela teoricamente já aceitou defender a cinta com a Raquel e já defendeu uma vez contra a Valentina. Agora se o patrão dela ta cagando pra ela defender a cinta e quer que ela vá lutar com a Cyba é estupidez achar que ela vá ficar queta. Ainda mais pra ganhar talvez um cheque bem gordo pra fazer o que ela sempre faz que é lutar.
            Perdendo ou não ela vai continuar campeã, vai ter ganho uma bolada e vai ter enfrentado uma lutadora muito talentosa.
            Cormier e Miocic então não entra nesse seu casos extraordinários??
            Pra mim o UFC tem que fazer lutas interessantes. Eu como fã curto o mérito esportivo mas também tem que ter lutas interessantes. Cyba e Amanda é uma luta interessante.

          • William Oliveira

            Não, gostaria de ver DC-Gus II e Miocic-Werdum II, enquanto tiver contenders gostaria que cada um ficasse na sua, que o DC vagasse o cinturão se queria lutar com o Miocic, indo pro pesado e pegando um title eliminator, sem pular a fila.

            Interessante até DJ x Artem Lobov é, mas sendo um esporte prefiro q esse tipo de coisa n aconteça.

          • Vinicius Maia

            Eu sou fã de gustavão mas ele só veio de uma vitória até agora. Nem merece TS. Werdum passando do Volkov blz. Besteira o Miocic e DC ficarem parados esperando os conterders sendo que podem garantir a aposentadoria ganhando mais alguns milhões. Numa janela de oportunidade tão curta como MMA deixa os caras ganharem dinheiro.
            PS: Se for olha assim foda-se os contenders dos galos né? Uma das melhores categorias atualmente. Cheia de lutadores tops.
            Cara se tu acha interessante Artem Lobov x DJ eu nem preciso continuar argumentando. Uma luta entre um Zé Ninguém e o P4P do mundo. Deve ser por isso que tu quer ver a Cyborg batendo nessas lutadoras medíocres.

          • William Oliveira

            Duas vitórias, uma sobre o Jan B e dps sobre o Glover. Pra mim, merece sim. Até pq ele perdeu por decisão dividida numa luta mt apertada contra o Cormier.

            Galos não tem nenhum contender legítimo. Ninguém vindo de vitória sobre outro top 5. O vencedor de Rivera-Moraes vai ser um baita contender, mas por enquanto n tem ngm.

            E DJ-Lobov é interessante pela diferença de tamanho, a curiosidade de tamanho x habilidade nos dias de hj seria intrigante pra mim. Repito que n sou a favor desse tipo de coisa, só digo que é interessante.

            Por fim, gosto de ver a Cyborg lutar, contra quem não importa pra falar a real.

  • Lorenzo Fertitta

    Certamente a Amanda tem todo o direito de torcer para quem quiser, mas entendo o ponto de vista da Jéssica. Ela achou que a torcida da Amanda pela Tecia seria mais discreta, pois elas (Amanda e Jéssica) também já tiveram uma amizade.
    Mágoas e ressentimentos a parte, acho que nenhuma está errada.
    Só não pode a Amanda achar que receberá a torcida da Tecia caso tenha que defender o cinturão dos galos heheheh

  • Niko Oliveira

    A Amanda esta insuportável, se acha americana já, Werdum ja falou que o caráter dela mudou e realmente na luta da Tecia ela estava torcendo muito, enfim, lutadora fraca que logo perderá seu cinturão e tomará surra da Cris .

  • Leo Corrêa

    Resta saber o que é o “c…” ao qual ela se referiu. Espero que essa censura não tenha sido para encobrir uma possível caioribeirisse… :v

  • Evandro Reis

    As duas são brasileiras? Sao. As duas recebem dinheiro do governo brasileiro para defender a republica brasileira? Elas recebem apoio do governo brasileiro? Se ganharem uma luta terão patrocínio do governo brasileiro? Se a maioria das respostas for não, então que porra é esta!!!! Este negocio de não gosto de enfrentar brasileiras etc é uma imensa bobagem…Sao empresas privadas enfrentando empresas privadas, com um toque magico de nacionalidade para angariar mais torcida e publico e só! Respeitem uma a outra como lutadoras e só. No resto o que esperamos é que se digladiem e que vença e ganhe mais dinheiro a melhor.

  • Rafael Filipe Fonseca Menezes

    Mais uma que além de não ter apelo comercial nenhum não se ajuda nas declarações. Não existe problema nenhum no fato da Amanda Nunes poder torcer para quem quiser. Depois fica na geladeira, vê a disputa de cinturão cair no colo de outra e não sabe porque…

  • Esquerda Valente

    Pior que a Cyba vai passar o trator por cima mesmo. É melhor que ela ficar aonde está.

    Vai querer mexer no formigueiro? hehehe…

  • Xizou

    Chorona, quer se vingar volta pra categoria e desafia ela, melhor q ficar terceiruzando o ódio

  • Santiago

    Entendo perfeitamente a Jéssica. É uma situação muito decepcionante ver um amigo seu de bastante tempo torcendo contra vc, em favor de uma outra pessoa que conheceu a pouco tempo. É tipo aquele amigo seu que quando arruma um amigo novo se comporta como se não te conhecesse. Se acontecesse comigo de dois amigos meus tivessem que se enfrentar eu torceria apenas discretamente sem me comprometer com nenhuma das partes

  • Renan Augusto

    Durante a luta comentei com a minha esposa que era muito estranho o comportamento da Amanda. Principalmente pq eram “amigas”. Mas existem muitos fatores ai que faz a situação ficar menos cabulosa.

    Ser parceira de treinos da Tecia, e pelos rumores da Joanna, Tecia e Amanda são proximas.

    Outro fator importantíssimo, Nina é da mesma categoria, oq coloca a Jessica em rota de colisao com a mulher da Amanda.

    Mesmo assim pelo passado acho q a Amanda poderia se conter um pouco, assim como a Jessica nao precisava ficar chorando pelos cantos.

  • Lucineia Cardoso

    Bom,pra quem desconhece Amanda é amiga próxima do casal Tecia/Raquel, treinam na mesma academia, frequentam a casa uma da outra, dividem expectativas profissionais e pessoais e a Amanda deu entrevista antes da luta dizendo que torceria pra amiga TECIA. Muito mimimi da Jessica, eu vi centenas de Brasileiros torcerem pra Joanna quebrar a cara dela e aí? A Amanda é a campeã e isso não tora dela o direito dela vibrar e torcer pra quem tem peso na vida dela. Eu nunca soube que Amanda viesse ao Brasil visitar a Jessica e a Jessica fosse ao Usa visitar a Amanda. Eu hein….