Texto:" /> Priscila Pedrita defende equipe de críticas: “Aqui é PRVT” | Sexto Round
 

Priscila Pedrita defende equipe
de críticas: "Aqui é PRVT"

05/02/2018 às 11:26

Texto: Combate.com

Uma das personagens centrais do UFC Belém, a peso-mosca Priscila Pedrita, que foi finalizada pela quirguistanesa Valentina Shevchenko na co-luta principal, falou sobre as polêmicas que envolveram a sua derrota.

Diante das críticas ao seu treinador na equipe PRVT, Gilliard Paraná, tanto pela forma como se dirigiu a ela no intervalo do primeiro para o segundo round, mandando-a se calar quando a lutadora se queixava de dores no joelho, quanto por não ter jogado a toalha diante do massacre que a atleta vinha sofrendo – foram 230 golpes acertador por Shevchenko, contra apenas três acertador por Pedrita nos dois rounds.

Na postagem, Pedrita pede perdão aos fãs, amigos e familiares pela derrota, alega que a lesão no joelho – terá de ser operada – atrapalhou muito a sua performance e garantiu que está à disposição para enfrentar qualquer lutadora do seu peso.

“Eu lutaria com a Valentina mais dez vezes sem pensar duas vezes. Quem escolhe batalha fácil não é guerreiro”.

Sobre seu treinador, Gilliard Paraná, Pedrita escreveu que a relação dos dois é mais do que técnico-lutadora, é de pai e filha.

“Sobre o tratamento e a intimidade que tenho com o meu mestre, que está de fora não conhece nada para criticar. Aqui não é mestre e aluna, é pai e filha, e não será ninguém que irá dizer como ele deve me tratar. Sobre jogar a toalha, aqui é PRVT, e quem conheceos meus limites somos nós. Jogar a toalha jamais”.

  • Renato Rebelo
    • Duns Scot

      Renato, que tal um vídeo sobre o Yamasaki? Não é p/ tripudiar, mas está claro que ele não tem “talento” para a profissão. Ele simplesmente não tem senso de percepção de qdo uma luta deve ser interrompida (ou não). Não tem jeito, o cara não nasceu pra isso. Eu não consigo tocar instrumento nenhum, ele não consegue ser árbitro…

      • José Valter Alves Junior

        eu concordo com a sua ideia mas também temos que levar em consideração o outro culpado que pra mim tem até mais culpa que o proprio Yamazaki que é o Gilliard Paraná, o Yamazaki errou!? sim com toda certeza! mas a decisão de jogar a Pedrita no moedor de carne foi do Paraná, esse tema eu concordo pra um video mas eu tenho um em mente não sei se você vai concordar assim como concordei com a sua: posturas de tecnico com atletas tendo em foco a situação que rolou com a Pedrita como exemplo. o que se acha?

        • Duns Scot

          Sim, foi um erro generalizado, mas no caso do Yamasaki a reincidência é muito grande. Acho que chegou ao insustentável.

          • José Valter Alves Junior

            So que se a gente para pra pensar; ninguem obrigou ela a voltar pro segundo round, o Paraná sim! repercute mais encima do Yamazaki por ele ser o arbitro mas ninguem parou pra pensar: “pq a equipe não para a luta!?” esse negocio de “lutar até morrer” e de uma babaquisse enorme e é o que eu , como professor de educação fisica, reprovo pois isso é desumano.

          • Carlos Montalvao

            Até o Nick Diaz que é macho nível neanderthal (#hétero) já jogou a toalha pra salvar o irmão, não? O que o Paraná tava pensando?

          • KRS Porlaneff

            Pelo menos a galera aqui é sensata e não está culpando a Valentina… porque em alguns grupos de WhatsApp tinha gente falando da “colombiana” que quase matou a brasileira no UFC de sábado (frisando que não era nenhum grupo voltado ao MMA).

          • Shotokan Karate

            Quem critica a Valentina é jacu e otário. Valentina perdeu tanto quanto a Pedrita pois essa “luta” (se é que podemos chamar assim) não acrescentou em nada para ela.

          • Carlos Montalvao

            Como não? 50 mil de bônus pra dar um jeito no cabelo morto e nas unhas de pedreiro dela hahaha. Mas falando sério, o que vale são os highlights, mesmo quase assassinando uma semi-profissional, quase full amadora, fica bonito no vídeo como melhor desempenho dela, ou trabalhar num marketing tipo “Valentina 2.0 – a violenta”

          • Shotokan Karate

            Como lutadora não acrescentou em nada… Talvez sua próxima oponente ofereça um desafio maior a ela…

        • Shotokan Karate

          Em POA teve um caso que foi mto repercurtido sobre uma guria que com apenas 3 meses de treino em muay thai foi colocada a lutar em uma liga e enfrentando uma adversária com 10 anos de experiência e o resultado foi que a novata está até hj em estado vegetativo. Acho que esse retardado mental (único termo que dá pra adjetivar o técnico da Pedrita) não tem ciência que poderia ter passado o mesmo com ela.

          http://www.fgmtt.org.br/component/k2/item/64-materia-que-a-federacao-participou-no-rbs-noticias-jovem-vive-em-estado-vegetativo-no-rs-quase-2-anos-apos-se-ferir-em-luta-noticias-em-rio-grande-do-sul?Itemid=121

          • Diogo Barbosa

            O que mais me irrita é o fato do cara ainda usar isso como forma de “orgulho”.
            “Aqui é PVT”..”quem escolhe a batalha não é guerreiro”…”Jogar a toalha jamais”.
            Tomar no cu, por isso a mentalidade desses caras não evolui

          • Duns Scot

            É o típico boçal que pensa que o esporte é competição de “macheza”. Naquele antigo forum do VT estava lotado de espécimes assim.

          • José Valter Alves Junior

            Caramba! eu li essa noticia me arrepiei ein Shotokan, cara imagina o drama da mãe dessa moça, isso me faz pensar: será que a equipe que colocou essa menina pra lutar ajuda de alguma forma!? ou foda-se ela não nos serve mais bola pra frente? e isso que eu falo nego desumano do caramba não pensa nas consequencias.

          • Shotokan Karate

            Pois é… E o pior é que poderiamos ter testemunhado isso via TV com a Pedrita… Faltou um triz pra rolar com a Pedrita o que rolou com essa guria respeitando todas as devidas proporções … Alguém precisa avisar pra esse débil mental que não se brinca com integridade de pessoas (independente de serem lutadoras ou não)…

      • Marllon

        Ele é muito zoado hahahaha,para mim a luta do Browne contra o Lewis foi ainda pior.

      • Renato Rebelo

        Falamos bastante sobre o assunto no podcast. Opinião diferentes até. Já já sobe

        • Diogo Barbosa

          Eu acho que ele é ruim, mas a maioria dos árbitros são.
          Há um certo saudosismo com o Big John por exemplo , que pra mim fazia altas merdas tb.
          Como disse em algum post, árbitro bom é aquele que você não sabe o nome.
          recomento esse vídeo (o canal é excelente)
          https://www.youtube.com/watch?v=f1Isa3QOJio

          • Iago Batista

            Big John era um dos melhores. Todo mundo erra, são seres humanos, podem se equivocar, a diferença entre um bom arbitro e um ruim é a frequência dos erros e a gravidade deles

          • Diogo Barbosa

            Cara, pra mim não era, era carismático mas não um dos melhores ao meu ver, erros como o do Romero são grosseiros demais.
            Outro ponto é que ele tem muito mais chão como juiz que a maioria dos outros caras.
            O que diferencia um bom de um ruim não é só a frequência, mas a gravidade do erro.
            O Yamazaki, ao parar a luta do Maverick cedo, não cometeu erro grosseiro, agora ao parar essa da Pedrita tardiamente cometeu um dos piores, tão grave quanto o do arbitro que quase deixou o canadense morrer esses tempos atrás no UFC.
            Resumindo, tudo ruim pra mim.

    • José Valter Alves Junior

      o que eu mais achei ironico nisso tudo foi a declaração do tecnico dela junto com essa foto eu printei e coloquei no forum, nego ficou revoltado com a postura dele.

  • Diogo Barbosa

    Quando os caras vão começar a entender que assumir os erros não é uma fraqueza.
    PQP, que discurso chinfrim do cacete, continuem dizendo que “sou funcionário do UFC e luto com quem aparecer, não estava num bom dia,hoje foi o dia dele, …”” blablablabla.
    Enquanto fizerem isso vão continuar sem poder de barganha algum servindo pra eventos regionais ou pra tapar buracos.
    Deveriam seguir exemplos como o do discurso do Marreta no último evento, o cara soube se valorizar mas também sem exagerar.

  • Lucas Oliveira

    Não temos como negar que ela não mereça a alcunha de Zumbie Girl. Foi corajosa e aguentou o tranco. Conheço poucos que não entregariam a paçoca como ela fez. No mais, faltou sim a decência do Paraná jogar a toalha, um surra dessas pode ocasionar o fim da pequena carreira da Priscila. Agora é voltar para a acadêmia e ao menos tentar fechar aquela guarda, por que chão, vai demorar pra aprender.
    Sobre o Yamasaki, nem vou comentar muito, o cara tá se superando.

    • Marllon

      Zumbie Girl = Tomar 200 golpes sem resposta?
      Ta mais para Saco de pancada Girl.

  • Tairon de Oliveira

    Bom… Se ela tá defendendo, não tenho mais por que ficar revoltado com a postura do zé-mané que ela tem como técnico.

    • Carlos Montalvao

      Discordo, aí que é revoltante porque o sujeito fez lavagem cerebral, igual os Nogueira e o Pederneiras fazem.

      • Tairon de Oliveira

        É… Considerando a vida pregressa dela, não é nada complicado fazer uma lavagem cerebral nela. Concordo contigo.

  • Mauricio

    Se eu tivesse a historia de vida que ela teve, e tivesse tendo a oportunidade que ela teve de lutar no maior evento do mundo… acho que não desistiria tbm!

    • Iago Batista

      desistir de que? de apanhar?

      • Mauricio

        Você pratica algum estilo de luta? Porque é difícil explicar o que move a gente em um desafio desse tipo, não é questão de apanhar mano…

        • Iago Batista

          me explica que fiquei curioso

          • Mauricio

            Eu prático boxe, e tipo já lévei uma surra feia, e quando eu estava ali perdendo no começo eu estava achando que dava pra virar… Mas passou um determinado momento que eu comecei a lutar para chegar ao final, pois desistir tem um gosto muito amargo, da uma sensação de que a derrota é pior do que já é, não sei explicar ao certo esse sentimento, talvez seja burrice? Não sei… Mas é como uma derrota dupla ter que desistir.

            Perdi, perdeu como? Ao término da luta. .. É diferente de: eu perdi, como? Desisti

          • Iago Batista

            não vi sua, mas tenho a intuição que tua situação não foi tão feia quanto a da Pedrita. O resultado da luta dela não ia mudar se parasse no 1 round, ela ia ser derrotada de qualquer maneira. Se a situação tava difícil pra ele em condições normais, imagina com o joelho fudido. A diferença
            se parasse antes era que em um tempo menor ela poderia retornar e tentar de novo, agora vai ficar de molho um tempão pela lesão e dano acumulado.

  • Hildelano Delanusse Theodoro

    Depois dessa declaração, sabe o que penso sobre ela, o técnico e para completar o PÉSSIMO Yamazaki? Se merecem. Que pessoal perda amador…

  • Carlos Montalvao

    Acho muito legal o trabalho do Paraná com as meninas no MMA, mas o cara faz uma lavagem cerebral. Continue na PRVT então, sofrendo. O cara não te prepara direito, tira você do Shooto, FLC ou sei lá de que evento (vi as lutas mas não lembro o nome dele) e te coloca com uma lutadora top 5 p4p, top 2 peso-galo e melhor lutadora do planeta atualmente no mosca, sem estratégia, sem técnica, sem nada além da esperança de acertar mão safada no queixo da gringa. Parabéns, você é um excelente mestre. Vale de aprendizado, esse choque de realidade que já era previsto (porém, não com tanta violência).

  • Lorenzo Fertitta

    Fico imaginando o Mario Yamazzagatti mediando luta do Toquinho… só interrompe quando ele arrancar o pé do oponente.

  • KRS Porlaneff

    “Sobre seu treinador, Gilliard Paraná, Pedrita escreveu que a relação dos dois é mais do que técnico-lutadora, é de pai e filha.”

    Ronda Rousey e Edmond Tarverdyan mandam lembranças viu, Pedrita?

  • Iago Batista

    fiquei puto atoa então

    casa com a Cyborg agora, pra ter mais 10 anos de vida jogada fora por ser “guerreira”

  • João Lucas

    Eu fiquei puto e pasmo também, mas certamente era um bom contrato com boas condições pra terem aceitado. Foi uma loucura fazer isso com uma atleta de nível tão baixo indo literalmente para o abate, mas acredito que não vale a pena ficar cavando mais isso. Eles todos concordaram afinal de contas. Uma hora dessas algum atleta vai morrer no UFC, por causa dessa coragem que tem que encarar qualquer um independente do nível. Pra mim não está certo, mas quem sou eu pra discordar né?

  • Jonas Greco

    Acho que os colegas já falaram tudo sobre o tema. Um ponto que eu acho interessante frisar sobre essa lavagem cerebral que algumas academias fazem também é o grande responsável por praticamente não existir trocas de experiência entre os membros aqui no Brasil e por muitas vezes até fora mesmo. Enquanto isso vemos atletas com um potencial enorme sem evolução alguma, como o Thominhas, que apresenta o mesmo defeito no jogo desde a sua carreira no MMA Nacional, mas tudo bem, né? Na Chute Boxe todo mundo é forjado no fogo, não precisa buscar outros treinos não, pode confiar.

  • Nathan Dreak

    O casamento das lutadoras acho que foi o pior erro. O treinador também. A filosofia da lutadora também. E o árbitro. São 4 erros.

    E o Mario Yamasaki claramente está na profissão errada. Interrompe luta antes da hora, deixa carnificina rolar solta. O cara não tem dom para aquilo, só isso. Parte para outra.

    O pior de tudo é que aquele erro bizarro que desclassificou Erick Silva, na verdade se revelou uma grande visão. Já previa que seria espancado futuramente. Acho que foi seu único acerto, embora de forma bizarra.

    • Antônio Damacena

      Eu teria vergonha de ser chamado de “matchmaker” se tivesse casado uma luta dessas, isso não foi um casamento de luta, foi uma pena de morte, velho!

  • Honorato Neto
    • KRS Porlaneff

      Bem por aí.

  • Lorenzo Fertitta

    Declarações do Gilliard Paraná:

    – Ela não chegou até aqui entregando as lutas nas primeiras dores de golpes ou lesões, mas isso só entende quem é do nosso perfil mesmo.
    – Pegou a Valentina que ninguém queria pegar e olha que sei de nomes fortes que fugiram dessa luta , mais aqui é PRVT e sempre vamos aceitar o desafio é se der um revés vamos de melhorar.
    – Assim como já fiz com Jéssica vou fazer com a Pedrita podem esperar! Já já os mesmos que criticaram vão elogiar e os invejosos vão se calar com nosso sucesso.

    Enfim, espero que não seja mais um Tarverdyan da vida, que faz a fama treinando uma atleta naturalmente talentosa e chama toda a atenção para si. No fim acaba orientando mal suas vulneráveis atletas e as impede de trilhar um caminho mais adequado dentro do UFC.

    • Jonas Greco

      Preocupante, ainda mais tendo em vista que a Jéssica é uma fortíssima candidata ao título, já que a Joanna Violência deve subir de vez logo, logo

    • KRS Porlaneff

      Queria entender o que esse povo tem na cabeça (na verdade eu até entendo, mas enfim) onde qualquer crítica é inveja. E ainda tem pelêgo aplaudindo isso como “ter atitude”.

      Ou sou só eu que vivo num mundo paralelo onde o certo é pensar assim?

      • Lorenzo Fertitta

        Espero que esse discurso dele seja só para o público, e que o Mestre Paraná repense sua atitude.
        Que isso sirva de aprendizado para que ele saiba diferenciar “atitude de guerreiro” de “atitude que pode pôr em risco a continuidade da carreira de sua atleta”.

    • Vicente Fernandes

      Dado o nível da Pedrita,se esse treinador continuar fazendo isso com ela,infelizmente poderemos ter o primeiro caso de morte de lutador dentro ufc em decorrência de uma luta,é o impressionante é que esse doente tem uma convicção de que ele ta certo por fazer isso e quem fala o contrario é invejoso,e ainda usou a Jessica como base de comparação Jessica top 5 SW é com experiencia e armas suficiente pra não passar por uma situação dessa,é se um dia a Jessica tiver numa situação dessa o pensamento é o mesmo tem que jogar a toalha.

  • Renan Dalmaso

    Não sei qual a ‘melhor’ entrevista, a dela, não vendo a maldade e a ganancia clara, ou o “técnico” dela declarando não ter visto irregularidade na atuação do árbitro

  • João Lucas

    Vai nessa onda Pedrita que você vai “longe” https://www.youtube.com/watch?v=AF22AbkhWOs

  • Iago Batista

    daqui a pouco vira Priscila “Tijolinho” com essa atitude

    https://www.youtube.com/watch?v=urBIs2Qmbm8

    • Diogo Barbosa

      Mano
      Eu to rindo, com um pouco de peso na consciência, mas n consigo parar de rir.
      porra
      Ri p kct……..

    • Vinicius Maia

      Piada veia mas muito boa kkkk.

    • Paul Kersey

      PQP… Ri aqui que nem uma foca fanha. kkkkkkkkkk

  • RWillians

    Já dizia meu tio, antes um covarde vivo do que um corajoso morto. Essa esta concorrendo ao top 10 bizarrice do ano, e o ano mal começou. Sinceramente, o pior que várias pessoas viam aquilo é deixaram rolar, infelizmente ali se mexe com vidas, e deixar uma vida na mão de um árbitro central é covardia demais. Ser PRVT não garante imortalidade, essa menina pode ter acabado com o ano dela, por causa de 15 min de fama.

    • Carlos Montalvao

      Estourou o joelho. Isso mais recuperação da luta + recuperação da cirurgia = só em 2019

      • Mike Martin

        Para mim o erro maior é do matchmaker como você disse uma top 5 p4p contra uma lutadora iniciante e regional tipo Messi vem passar férias no rio de janeiro vamos marcar um Barcelona X Bangu nao é ki o evento foi no Pará é obrigatório ter lutador regional bem abaixo do nível do UFC

    • Baixista Loko

      Rlx , eu acho que ela ja ficou maluca das porrada na cabeça por isso falou isso.

  • Victor Martins

    É essa mentalidade que está prejudicando também o Thominhas.

    Mas fazer o que ? Não somos nós que estamos lutando lá…

  • Thiago de Carvalho

    Eles (Pedrita e cia) fizeram o que acharam certo, estão falando ainda com o calor do momento. Espero que revejam tudo que aconteceu para esse erro não se repetir. Todos erram, a galera curte ficar na internet só descendo o pau…

    Na minha opnião quem errou foi o UFC em casar essa luta.

Instagram