Três lutas que fariam de 2018
um ano histórico para o UFC

João Vitor Xavier | 10/01/2018 às 19:47

O ano passado não foi nada fácil para o UFC. Sem seus maiores astros, Dana White e companhia precisaram apelar para o retorno de Georges St. Pierre de modo a dar aos fãs algo diferente, de apelo para o público casual. Porém, 2017 nos deu várias possibilidades que, se saírem do papel, podem fazer de 2018 um ano inesquecível.

Por exemplo, a superluta entre TJ Dillashaw e Demetrious Johnson passou por seus últimos percalços, com DJ quebrando o recorde de Anderson Silva e TJ retomando o cinturão peso galo.

Khabib Nurmagomedov também voltou de forma avassaladora, provando que é mesmo um dos maiores pesos leves do mundo e este ano promete também para o russo.

Finalmente, Conor McGregor conseguiu seu sonhado cheque de nove dígitos ao atravessar a barreira entre MMA e boxe e fazendo luta dura contra Floyd Mayweather.

A seguir, listo os três combates que quero muito ver em 2018. Tem alguma ideia de grande luta que não está na lista? Vamos debater!

Demetrious Johnson x TJ Dillashaw

Tenho bastante resistência em colocar Mighty Mouse no topo da lista de melhor de todos os tempos principalmente porque ele não desafiou atletas fora do seu peso e tampouco se aventurou para além do seu reino mais do que estabelecido.

Ainda que uma superluta com o campeão dos galos aconteça entre os moscas (Dillashaw garantiu inúmeras vezes que bate os 57 kg da categoria), essa é uma grande oportunidade para DJ fincar seu lugar entre os maiores.

Além do quesito histórico, esse duelo muito me agrada pelo estilo dos dois. O muay thai de primeira de Dillashaw será suficiente para parar a máquina DJ em pé, com seu footwork apurado e boxe alinhadíssimo?

Se tiver em apuros em pé, será que Johnson conseguirá botar TJ no chão? As possibilidades são imensas e a vontade de ver a luta também.

Johnson resiste em aceitar o desafio pela dúvida que paira em relação a Dillashaw bater o peso ou não. O campeão quer quer TJ faça uma luta entre os moscas antes de desafiá-lo.

Duvido que isso aconteça, mas acho que, eventualmente, DJ terá que aceitar que o campeão peso galo será o próximo a enfrentá-lo.

Tony Ferguson x Khabib Nurmagomedov

A performance da Águia russa perante a Edson Barboza foi impressionante. Khabib simplesmente descartou os golpes duros do striker brasileiro e colocou-o para baixo com grande facilidade, como fez com seus outros oito oponentes no UFC.

Um duelo com Ferguson me anima muito. Não pela capacidade de “El Cucuy” manter a luta em pé, mas pela sua habilidade nos scrambles, seu preparo físico quase inacreditável e sua guarda incrível.

Não vejo Khabib batucando contra Ferguson, mas acho que o campeão interino pode incomodá-lo de outras formas no chão.

Tony treina jiu-jitsu com Eddie Bravo, em um sistema inovador, que conta com a elasticidade de seus praticantes para conseguir raspagens, finalizações e posições inusitadas.

Tenho muita curiosidade para ver como essa luta se desenrolaria no chão.

Por fim, o preparo físico de Ferguson também é uma questão que pesa a seu favor. Contra Michael Johnson, vimos um Khabib sofrendo um pouco com a fadiga, principalmente por conta dos body shots que tomou no primeiro assalto.

Como Nurma se portaria diante de um atleta que se recusa a desistir, em uma luta de 25 minutos? Se o UFC quiser montar apenas um evento histórico em 2018, esse duelo poderia ser o aperitivo para a luta que vou citar a seguir.

Georges St. Pierre x Conor McGregor

Dentre todos os lutadores sob contrato com o UFC, esses dois são os maiores astros, sem dúvida. Aliam relevância esportiva com nomes fortíssimos dentro e fora do mundo das lutas.

Um duelo de titãs serviria para quebrar mais barreiras para o esporte e, só por isso, valeria a pena.

Porém, essa superluta é interessante também do ponto de vista técnico. Qual seria o approach de St. Pierre diante de um atleta com a mão pesadíssima e excelente defesa de quedas, cuja precisão chega a ser arrebatadora e deixou para trás outros grandes do esporte?

Pelo lado de Conor, como o irlandês impediria as quedas e lidaria com os jabs de GSP?

Assim como TJ x DJ, as possibilidades são imensas e essa curiosidade sobre como seria um desenrolar do combate, aliado a todo o apelo que os dois nomes trazem, fazem de Georges St. Pierre x Conor McGregor, a maior luta que o UFC poderia casar em toda sua história.

Menções honrosas

As três lutas citadas, sem dúvida, são as que mais espero para 2018. Porém, outros dois combates também chamam a minha atenção, ainda que em menor escala.

Primeiro, a superluta feminina entre as compatriotas Amanda Nunes e Cris Cyborg.

Sem muito espaço para manobras no peso pena, Cris está tendo a postura certa – quer ter certeza de que a divisão irá crescer antes de receber nova atleta da divisão de baixo.

Porém, acho que essa superluta tem tudo para ser histórica, principalmente para o esporte no Brasil. Afinal, são as duas campeãs do país no momento e, juntas, podem explodir seus perfis entre o público local e internacional.

Finalmente, espero ver ainda esse ano o fim do imbróglio no peso leve. Sei que, ao pedir um duelo entre McGregor x St. Pierre, estava prejudicando o andamento da divisão.

Mas se todos combinarem certinho, o vencedor de Khabib x Ferguson poderia tranquilamente enfrentar Conor pela unificação dos cinturões. Seria um fim perfeito para 2018.

  • Cristiano Junior

    Faltou a Gabi Garcia vs Dama de Eapada…

  • Jonas Greco

    Eu me animaria demais pra ver Georges St. Pierre x Conor McGregor, não existe maneira melhor para os dois se retirarem do esporte, se Khabib x Ferguson fosse a luta co-principal valendo o cinturão linear então, seria perfeito.

  • Mauricio

    Otimas lutas JVX, porem eu discordo da “otima” defesa de quedas do Conor…
    O Chad limpou o 8 com ele com uma semana de preparação, imagina o que um GSP pode fazer

    • Filipe Anjos Menti O.o???

      Conor n treinou defesa de quedas pq sabia q Aldo n iria partir pra queda nunca,e isso se concretizou de forma rapida.Sobre o Chad,depois vimos q td seu “vigor” era a base de doping,ou da lendaria desculpa do “creme de pele”!

      • Rodrigo

        indiscutivelmente o chad perdeu muito rendimento sem o creme de pele, esse cenário pós usada ainda vai mudar muito!!

        • Mauro

          Na verdade ainda não o vimos lutar sem o creme. Ele foi pego após ser nocauteado pelo Edgar. Deve voltar em breve, vamos ver se volta sem o creme também.

      • GRMN0

        caraio o cara teve 5 dias pra se preparar

      • Baixista Loko

        E quando o Connor pegou um Westler alto nível? Diaz tem otimo Bjj mas queda mal pra caralho, o Eddie foi com o Gameplam mais inteligente da história, na unica hora que pôs na grade ele mesmo se afastou por conta própia e n instistiu na queda ‘-‘

  • Weslei Alvarenga

    GSP tem que mais uma vez colocar a capa de salvador de divisões e conquistar o cinturão dos leves.

    • Nelson Antônio

      Acho q não bate os 70kg não…

      • Weslei Alvarenga

        O próprio garante que bate. Aí, só acredito vendo.

  • Duns Scot

    GSP vc McGregor seria, sem dúvidas, o maior PPV da história do UFC

  • Ribamar Júnior Cavalcante

    Acho que Woodley x RDA seria uma luta interessante com potencial histórico para o Brasil. RDA campeão de 2 categorias distintas

    • Silas K

      Boto fé também no RDA, Woodley não enfrentou um lutador completo como ele depois que conquistou o cinturão.

  • Minirott

    Excelente defesa de quedas, perae que vou no fightstats e já volto.

    • Silas K

      73% é uma porcentagem boa, mas não o suficiente para parar em pé contra o GSP, na minha opnião. Barboza com 83% não parou em pé contra o Khabib.

    • Rodrigo

      GSP quando está treinado tem o timing perfeito pra quedas acho até melhor do que o do khabib mas o russo quando gruda não tem como não ser quedado

    • Baixista Loko

      Foi tipo o ” luta de boxe dura ” , só se for dura pro connor que viu estar a kilometros de distancia do niveo da nata do boxe.

    • Lero

      Se o anao do Mendes quedou o Conor a vontade até cansar, agora imagina um cara maior, mais forte, com melhor estrategia, melhor sicologico e melhor mistura do jogo como o GSP

  • Nathan Dreak

    Deveria ter separado o lado comercial do técnico. Acabou ficando misturado. Khabib x Fergusson, do ponto de vista técnico, a melhor luta. Já deveria ter acontecido várias vezes e gostaria muito de ver. TJ e DJ também seria muito interessante. DJ já deveria ter lutado contra Cruz e TJ antes. Demorou muito e não por questões de lesão. Mas, ainda sim, uma grande luta. Essas duas eu concordo.

    Agora GSP e Connor é besteira, só pelo lado comercial mesmo. Deve vender muito mas não tem sentido ténico algum. Duas divisões entre eles. GSP já entregou duas vezes o cinturão para não lutar com os melhores. Desde 32 anos quando apanhou bastante do Hendricks não luta com alguém relevante. E Connor, duas divisões abaixo, foi para o boxe ficar rico. Não tem nada que um acrescente ao outro fora o dinheiro.

  • Yosvani bolt

    Ufc fez história a me ter três lutas pelo cinturão em Nova York. Gostaria de ver 4 lutas pelo cinturão num card
    Se eu fosse um match maleta eu colocaria:
    Conor x Khabib/Tony
    Dj x Tj
    Cyborg x Amanda
    RDA x Woodley

  • Mauro

    Se o Holloway vencer o Edgar, poderiam procurar uma revanche com Conor, com certeza o povo gostaria de ver. Se Edgar vencesse, seria bacana uma luta com TJ.

  • Carlos Ximenes

    Eu queria ver Ferguson x Khabib no primeiro semestre com o vencedor pegando Conor para unificar a cinta. GSP contra Whittaker(sei que não vai acontecer, mas queria ver mesmo assim). RDA tirando a cinta do Woodley.

  • Igor Bittencourt

    Histórico só se for tecnicamente né, pq comercialmente nem khabib x Ferguson e nem DJ x TJ seriam sucessos

    • IMPERADOR

      Pois e.
      Seria ótimo o merito esportivo voltar a valer alguma coisa.

  • Nelson Antônio

    Campeão linear vs Campeão Interino.
    Soh isso. Conor vs Tony, o vencedor pega Kabib.
    Georges St. Pierre x Conor McGregor, não faz sentido, a não ser se forem embora, como o broder comentou abaixo.

  • Xizou

    Opa queria ver um tópico sobre a entrevista do Edson dizendo que o Khabib o surpreendeu com o gameplan, pra mim faltou inteligência por parte da equipe

Tags: , , , , , , , ,