Pensando alto: a análise informal do UFC FN 66

Renato Rebelo | 16/05/2015 às 18:00

Com discrepância técnica enorme entre card preliminar e principal, o UFC finalmente estreou nas Filipinas.

Na terra de Manny PacquiaoMuhammad Ali x Joe Frazier 3, muitas decisões apertadas (foram três divididas), uma despedida que levou muita gente às lagrimas e um quebra-cabeças de alto nível entre dois veteranos.

Cortando o papo furado, vamos à minha humilde leitura do que rolou de mais importante:

FRANKIEFrankie Edgar x Urijah Faber

31 vitórias e uma derrota. Esse é o cartel combinado de Urijah Faber e Frankie Edgar em lutas que não tivessem cinturões em jogo. Para o fã hardcore, o casamento do ex-campeão dos leves e atual desafiante dos penas contra o ex-campeão dos penas (no WEC) e atual desafiante dos galos fora sempre uma superluta. Engraçado é notar que o mais forte e lento deles atua na categoria de baixo, enquanto o mais esguio, ágil e resistente, na de cima. Ou seja, força x volume em outra performance brilhante de Edgar, que imprime pressão – graças a preparo físico no estado da arte- praticamente insuportável. Não vimos muitos golpes significativos em 25 minutos, é verdade, mas acompanhar o lindíssimo tripé footwork + movimentação de cabeça + combinações de mão de Edgar, pelo menos pra mim, basta. Quase o dobro de golpes aterrissados e cinco rounds na conta do desafiante número um das categorias até 61 e 66kg (é só uma questão de escolha).

Eu ganhei os cinco, mas ele é duro demais, cara. Ele é o cara que eu admirava quando entrei no esporte. É uma lenda. Agora, quero o título. Dana (White) não está aqui novamente. Acho que está me evitando porque sabe que me deve um title shot“, mandou The Answer.

MOUSASIGegard Mousasi x Costas Philippou

Versatilidade, amigos. Por mais que Mousasi não tenha levado um mísero knockdown em 42 lutas de MMA, pra quê rolar os dados trocando mão com um pegador nato cuja defesa de quedas, segundo Padre Quevedo, “non ecxiste”? Philippou foi vítima de sua própria limitação e não tem do que reclamar. Se em sete anos de estrada ele ainda não se adaptou à natureza multifacetada do esporte em questão, que tal migrar pra nobre arte? Quanto a Mousasi, três pontinhos moles conquistados juntamente com a primeira série de vitórias desde que migrou para o UFC.

Eu me senti muito forte. Ele estava se defendendo no chão, mas eu mantive a luta inteligente. Ele é perigoso, tem poder de nocaute, mas no chão eu sabia que tinha a vantagem”, mandou o iraniano/armeno/holandês.

MUNOZMark Muñoz x Luke Barnatt

Muñoz foi um ótimo lutador. Wrestler duas vezes all-american, campeão da NCAA, peso-médio do UFC cotado para enfrentar Anderson Silva em 2011, dono de ground and pound sísmico… Mas também teve muitas dificuldades para lidar com os pontos baixos da carreira. Em 2013, a derrota para Chris Weidman e uma série de lesões o levou a descontar suas frustrações na comida. Chegou a pesar 120kg o danado. Nos últimos anos, motivação para seguir no esporte também parecia ser um problema. Foi finalizado por um substituto de última hora (Roan Jucão) e até se desfez da bem-sucedida The Reign – academia que fundou na Califórnia. A incursão do UFC no santuário de seus pais (Mark nasceu no Japão e foi criado nos EUA) representou um último sopro de vida e o cara resolveu suar a camisa para se despedir de forma digna. Incorporando novamente a Máquina de Destruição Filipina, ele magoou o Professor Girafáles – que, a exemplo do Stefan Struve, não faz ideia do que fazer com a envergadura que Deus lhe deu- com poderosos overhands de direita, mostrou quem manda no meio-campo e desceu a lenha no chão. E o melhor ainda estava por vir. Seu discurso de aposentadoria foi, no mínimo, inspirador:

Filipinas, muito obrigado! Eu vou representá-los do fundo do coração. Desde criança, eu assistia desenhos animados e via os super-heróis, e tento reproduzir isso toda vez que entro no octógono. Eu represento as Filipinas, a minha família, os EUA e, com a minha campanha antibullying e outras coisas, tento ser um modelo para as crianças de hoje. Muito obrigado pelo apoio e pela confiança em mim. Sei que não consegui conquistar o que eu almejava dentro do octógono, mas eu investi muito do meu tempo em vidas e consegui mudar muitas vidas, impactando-as de uma maneira positiva e é por isso que estou aqui. Tenho uma história e quero conseguir ensinar as crianças e voltar aqui para as Filipinas para poder dar um pouco das minhas habilidades e do meu talento para vocês, podendo ajudar os filipinos no wrestling. Esse é o meu objetivo. E eu estou colocando as minhas luvas no centro do octógono, porque eu tenho tanto amor e admiração pelo esporte! Amo vocês!”, proclamou Muñoz (tradução: Combate.com).

MAGNYNeil Magny x Hyun Gyu Lim

Pessoal, meu computador foi hackeado ontem. O invasor, mal intencionado, mimicou o jeito de escrever do jornaleiro aqui e, pasmem, apostou contra o Magnyfico! Fiquem tranquilos, a delegacia para crimes virtuais já foi acionada e a dor de cabeça não deve se repetir. Dentro do octógono, tudo como mandava o figurino (no meu palpite que não foi ao ar): Magny passou perrengue com a envergadura e a agressividade do asiático, mas tomou contas das ações assim que o ímpeto inicial do Jon Jones Coreano se esvaiu. Passeio no chão e a sétima vitória consecutiva na conta do melhor lutador de 2014 – que deu o baita mole de mirar baixo demais quando o microfone lhe foi apresentado:

Vou ficar esperando ao lado do telefone. Quem o Joe Silva mandar… Meu treinador diz que o Rick Story (que já está casado com Erick Silva) seria uma boa luta para mim. Vamos fazer acontecer”, disse.

Outros Resultados:

Phillipe Nover venceu Yui Chul Nam por decisão dos jurados
Levan Makashvili venceu Mark Eddiva por decisão dos jurados
Jon Tuck finalizou (mata-leão) Tae Hyun Bang no R1
Kajan Johnson venceu Zhang Lipeng por decisão dos jurados
Li Jingliang nocauteou Dhiego Lima no R1
Ning Guangyou nocauteou Royston Wee no R2
Jon Delos Reyes finalizou (mata-leão) Roldan Sangcha-an no R2
Yao Zhuikui venceu Nolan Ticman por decisão dos jurados

Abraços.

  • Leonardo José

    Sinceramente acho que, só de ter superado a depressão e voltado a competir em alto nível, Muñoz já é um campeão. O cara é todo coração. Espero que tenha muito sucesso nos novos planos.

    Ademais, Neil Magny tá quase um RDA dos meio-médios. Rumo ao title-shot !!

  • Laerte Viana Venâncio Alves

    Tenho a leve impressão que o Magnyfico será um Raphael Assunção dos meio médios. Não comparo qualidade, mas sim as situações. Tudo bem que ainda é bem cedo para falar de disputa de cinturão pro americano, mas me fica a impressão que mesmo quando estiver credenciado para isso, vai sempre ter alguém furando o seu lugar na fila. Tomara que eu esteja errado.

  • RicardoVivas

    Sem querer fugir muito do assunto, só eu ouvi o Arthur Mariano falar Tarec SAFFADINE… ri incansavelmente… Enfim, esperava mais do Faber, Edgar como próximo desafiante e Magnyfico vence mais uma. Agora, pedir Rick Story com luta marcada?!?!?

    • bedotRJ

      Arthur Mariano é o rei das pérolas. Quando ele encasqueta com um nome errado, não tem quem o corrija.

      E também achei que o mestre Magny deu mole na hora do desafio. Se tivesse mirado o Demian Maia, que tá sem luta marcada, poderia facilmente acabar encaixado no card principal do próximo UFC Rio.

      • RicardoVivas

        Eu pensei mesmo no Demian e no Saffiedine que estão sem luta, mesmo achando que talvez ambos ainda sejam um passo grande pra ele… se bem que depois de sete seguidas ele tem mesmo é que ser testado contra os tops… Lembrei do Minotauro falando da vitória do Shane Campbell sobre o Makdessi…

        • Vinicius

          Demian é horrível pro Magny, sei lá, Saffiedine é melhor pra ele.

    • Renato Rebelo

      Hhahaha acho que ele mandou essa msm

      • RicardoVivas

        Mandou vei… pode ter certeza.

  • bedotRJ

    Meus palpites antes do evento:

    – Edgar def. Faber TKO R2
    – Mousasi def. Philippou TKO R2
    – Muñoz def. Barnatt UD
    – Magny def. Lim UD

    Ou seja, acertei todos os vencedores, mas apenas uma das formas. Paguei o preço por acreditar demais no Mousasi e no Edgar, que fizeram lutas muito abaixo de seus potenciais, e, PRINCIPALMENTE, por acreditar de menos no MITO Magny.

    As duas lutas principais, a meu ver, decepcionaram. Edgar e Faber ciscaram muito, se movimentaram absurdamente bem e acabaram achando pouco um ao outro. Se tomarmos como parâmetro a luta anterior do Edgar, um autêntico show de MMA em cima do Swanson, das duas uma: ou ele perdeu performance ou o jogo dele não se encaixa com outro lutador rapidinho como ele. Há uma terceira hipótese: admitir que o Faber, além de top3 nos galos, ainda é um top5 ou 6 nos penas.

    Mousasi fez o suficiente prá vencer. Lutou taticamente, derrubando e controlando. Está nítido que ele vai continuar sendo burocrático até chegar perto do title-shot.

    Muñoz vs Barnatt foi uma luta com bons momentos, deixando claro que o ‘filipino’, se quisesse, poderia continuar com a carreira. Não enfrentando os tops, mas emprestando seu bom nome prá melhorar alguns eventos em lutas adequadamente casadas pro seu estilo.

    Por fim, Neil Magny, que, fiquei sabendo, estendeu uma faixa pro Renatão no vestiário com os dizeres: “você não me representa!” A traição não podia mesmo ficar impune!! rsrsrs O espetáculo serviu prá que ninguém mais duvide do mestre!! o/

    PS: ponto baixo: juízes. Vitória pro Nover contra o Chul Nam foi um garfo de grande porte.

    • Shotokan Karate

      Edgar na verdade treinou, não lutou… Foi como a luta entre o Jon Jones e o Glover… Edgar sabia que era melhor e que não seria ameaçado pelo Faber… Do mesmo jeito que o Jones contra o Glover… Por mais que o Faber seja queridinho do UFC não tinha como apontar um round que tenha sido melhor tamanha a superioridade do Edgar…

  • Felipe Lemes

    e a Garfada do Roldan? e a quase garfada do Mark Eddiva?

  • Felipe

    O Frankie tem duas opções: ser obliterado pelo Mendes (infelizmente não consigo ser otimista), ou ganhar o TS direto. Pelos meses que ainda faltam para a disputa, e diante de uma possível revanche entre Aldo e Conor, prevejo os sonhos dele acabando na ponta das luvas do parceiro do California Kid.

    • Shotokan Karate

      Na verdade é mais fácil o Mendes tomar KO do Edgar do que o Mendes ganhar… Mendes evoluiu mto mas o Edgar é mais lutador…

      • Felipe

        Aham…Edgar que nunca nocauteou ninguem iria nocautear justo o chad.

        • Shotokan Karate

          Estás enganado o Edgar já deu KO no Gray Maynard… Foi inclusive em uma defesa de seu titulo das LW… Foi uma luta em que ele começou mal quase levando knockdown e ele reagiu e deu KO no 4 Round…

  • Vinícius

    Que issoooo, rapaz!!! Neil Magny!!! Não pode apostar contra o melhor lutador de 2014 e candidato a ídolo supremo da nova geração. Cadê o title shot do monstro?

  • Castro

    Rory Macdonald x Neil Magny sera a primeiro defesa de cinturão do canadense anotem minha palavras, e renato vê se agora não duvide do Jon Jones dos meio- médios kkkkk

  • Marquim

    Quería Neil Magny vs Matt Brown.

    • Renato Rebelo

      (2)

    • Tenho dó de qualquer adversário casado com Matt Brown (um dos meus lutadores preferido), mas já que estamos falando de alguém vindo de 7 vitórias, nada mais justo do que deixar de lado dó e piedade. 🙂

  • Nelson Junior Ticaum

    PELAMORDEDEUS casem o Edgar VS TJ. Pela movimentação dos dois, vai parecer luta de dragon ball Z!!!! Edgar mostrou que é leve pra categoria.
    A defesa de quedas do Phillipou é digna dos UFCs de VHS. Ridícula. Caindo em double legs sem preparação nenhuma. E só uma palavra me vem a mente sobre o Mousasi: apático. Mta apatia. Parece uma rola cansada, n vejo ele batendo de frente com os tops da categoria (espero não queimar a lingua).
    E que despedida do Munoz. Ameaçou morrer no gás no segundo round, mas tirou da alma o gás no terceiro. Irado ver um cara se despedindo se apresentando bem. Toda sorte do mundo pra ele em suas novas empreitadas.
    E pelo início do combate, o Magny não me impressionou muito. Mas tem futuro.

    • Renato Rebelo

      Edgar x TJ seria um lutaço msm. Take my money!

    • Shotokan Karate

      Pra mim dá o Edgar disparado, Edgar tem raça, queixo de concreto além de bastante técnica e movimentação… Se o Edgar está leve pra categoria então estamos diante de um megafenomeno pois foi campeão de divisão acima de sua atual (com direito a duas vitórias acachapantes sobre BJ Penn além de ter defendido o titulo por pelo menos 2 anos corrijam-me se estiver errado). O único que pode pará-lo é o Zé Aldo como já o fez antes.

    • Bruno Goes

      Sempre que vejo o Edgar em ação nos penas, fico imaginando quão dominante ele seria nos galos. Na minha opinião ele está desperdiçando uma oportunidade de ser campeão, coisa que não acredito que acontecerá nos penas, já que não o vejo batendo o Aldo, e nem me pega muito essa ideia que o Aldo subirá de categoria.

  • Mαykon Douglαs

    atualmente, apostar contra o Magnyfico chega ser um crime imperdoável, espero que quem apostou contra dessa vez, tenha aprendido a lição haha

    • Anderson Gonçalves Vieira

      cara essa sua foto ta me dando medo rsrsrsrs

  • Mαykon Douglαs

    um dos momentos mais incríveis que eu vi no mundo do MMA desde que acompanho o esporte, foi a despedida do Muñoz, muito bacana o discurso dele.

  • Gefferson Nesta

    Frankie Edgar x Urijah Faber, já sabia.

    Gegard Mousasi x Costas Philippou, tudo certo.

    Mark Muñoz x Luke Barnatt, nada de mais.

    Neil Magny x Hyun Gyu Lim, Magnyfico! By: Rodrigo Tannuri

    • Rodrigo Tannuri

      Esse apelido vai pegar. O mito merece kkkkk

  • Gefferson Nesta

    Simplesmente Magnyfico esse evento. Hehheheheheh

  • thetigereyes

    O grande problema do TS do Edgar, é que ninguem quer ver Aldo x Edgar 2, seria melhor ele descer

    • Shotokan Karate

      Depois que o Zé Aldo der aquela surra no Bobo da Corte ele deverá subir de divisão então Edgar deverá disputar o titulo contra o Chad Mendes e pra mim deve ganhar. Mendes evoluiu mto mas Edgar é mto mais lutador.

    • Bruno Goes

      Esse é um dos pontos que eu coloco pra defender o title shot do irlandês. Não consigo acreditar que alguém esteja louco de ansiedade por um Aldo x Edgar 2, e não esteja animado com o bobo da corte.

      • Shotokan Karate

        Na verdade quem não quiser ver Aldo x Edgar 2 não entende de luta. Por um lado um sangue nos olhos por excelência e pra mim o melhor peso por peso (mesmo com o UFC empurrando o Jones goela abaixo pra mim o melhor peso por peso sempre foi o Zé Aldo) e de outro um guerreiro que aguenta todas e que já foi campeão uma divisão acima. Como luta prefiro Zé Aldo x Frankie Edgar. Bobo da Corte só vai ser legal ver ele apanhar hehehehehehe

        • Bruno Goes

          Não é não querer ver a luta, e sim dela não ser a prioridade do momento.Tenho certeza que todos pagariam para ver um Velasquez x Cigano 4, mas no momento uma luta com Werdum, causa muito mais interesse, já que não sabemos como ela irá se desenrolar. Dificilmente uma revanche com o Edgar seria diferente da primeira,já que o americano não mostrou nada de diferente ainda(não que o que ele já tenha apresentado não seja espetacular, só não é suficiente contra o Aldo), enquanto o McGregor é um desafio inédito, e diferente do que a maioria pensa, pode sim ser um grande desafio ao campeão.

  • Maxsupremo

    Evento mais ou menos com finalizações e nocautes, me diverti mais vendo o card preliminar do que o Co e o Main event que decepcionaram demais! Esperava uma guerra de Mousasi e Philippou mas o Mousasi não estava errado em fazer a estratégia pra ganhar com folga,o Phillippou que não fez por onde, foi passivo em pé e no chão.

    Frankie Edgar e Urijah Faber foi uma luta chata (que me perdoem os entendidos de plantão que admiram as nuances técnicas.) o que vimos ali foi um Faber lento e despreparado, que foi jantado pelo Edgar! e pensar que o Faber poderia estar melhor na trocação treinando com o Duane Ludwig, Mas perde por ficar em uma briga de ego com o cara, Faber tem uma boa trocação,Mas é um grappler e precisa melhorar muito na trocação se quiser se apresentar melhor.

    Já a luta do Muñoz foi emocionante, deu um show de quedas e emocionou bastante no final,Desejo uma boa sorte pra ele.

    Mais um grande lutador se aposenta, isso é sinal de que estamos ficando velhos,amigos!

  • Shotokan Karate

    Edgar foi bondoso com Faber nas declarações A luta foi pra lá de desigual como eu imaginava. Edgar simplesmente ganhou brincando a luta foi um treino de luxo tal qual a do Jones contra o Glover. depois do Zé Aldo, Edgar sobra na divisão e para mim será o futuro campeão após o Zé Aldo subir de divisão.

    • Vitor MacGruber

      Aldo nunca vai subir (ele diz isso desde 2010), acho que vai ficar sempre no papo que nem o Jones; ele sabe que na LW a coisa é mais pesada. E além disso o Dos Anjos 2.0 é o campeão da LW, acho que o Aldo não sobe enquanto isso acontecer.

      • Bruno Goes

        Pois é, também acho que esse papo do Jones e do Aldo vai ficar só na conversa. No máximo devem fazer como o Anderson, e pegar um top 20 da categoria de cima, só pra se testar.

  • João R. Magalhães

    Vendo o nível técnico monstro, e o cárdio perfeitmente insuportável do Edgar, é que você percebe o patamar do atual campeão dos penas. E o choque ainda aumenta, quando você constata e compara as condições do camp da Nova União e dos demais camp´s gringos.

  • Iago Silva

    Rapaz e o Dhiego Lima ein? Até agora to me perguntando onde ele anda escondendo o talento natural dele. Será que passa no RH?

    • Renato Rebelo

      Pois é, tá feia a coisa pro lado dele. Não sei se resiste a mais uma derrota nao

  • Gefferson Nesta

    Rick Story Magnyfico? Poxa, fiquei PUTO! 7 vitorias em sequencia, pede logo a porra do title shot Magnyfico.

    • Renato Rebelo

      Podia pedir o GSP logo!

      • Gefferson Nesta

        PQ não! hehehheheh pro Magnyfico tudo é possivel. hheheheheh

Tags: , , ,
Instagram