Teria Kenny Florian acertado na mosca?

Renato Rebelo | 18/09/2012 às 02:33

Milhares de pedras foram atiradas para todos os lados no episódio que levou ao cancelamento do UFC 151. Para uns, Greg Jackson e Jon Jones são quase anticristos.

Para outros, Dana White e sua trupe foram os maiores responsáveis. Muitas criticas, como de praxe, e poucas soluções. O que poderia ser feito para que tal ”tragédia” fosse evitada?

Menos eventos – e, consequentemente, menos receita? Difícil. Concentrar os medalhões nos cards de pay per view? A Fox e suas afiliadas (Fuel, FX) certamente iriam chiar.

Então, alguma idéia do que fazer além de cruzar os dedos e rezar pela integridade física dos atletas? Logo no dia em que a bomba estourou, Kenny Florian pensou alto via Twitter:

Será que o UFC está indo na direção de ter sempre um lutador pronto na reserva para todas as lutas principais? Talvez possa ajudar, é uma idéia – disse o ex-lutador e agora comentarista esportivo.

Lembro que no fórum do Sherdog a iniciativa foi recebida com certo desprezo pelos fãs. Reconheço que nem dei muito bola – por soar inviável.

No entanto, uma declaração de Dana White nos últimos dias – que, provavelmente, não tem nenhuma conexão com o que disse “Kenflo”- fez a idéia parecer mais viável do que imaginava.

– O Chael Sonnen está treinando 100% agora. Ele vem treinando desde que recebeu a oferta pela luta com o Jones – declarou o presidente.

– Estou treinando agora por que o Vitor vai se machucar e se retirar da luta, então vai acabar sendo Jones x Sonnen de qualquer forma – analisou o ‘’Gangster de West Linn”.

Será que essa prática pode se tornar um hábito? Só o tempo dirá se Kenny Florian cantou a pedra.

Tags: , ,