Pensando alto: a análise
informal do UFC 214

Felipe Paranhos | 30/07/2017 às 03:59

Anaheim, na Califórnia, recebeu neste sábado o retorno triunfante do maior lutador de MMA de todos os tempos (aceitem), Jon Jones, que submeteu Daniel Cormier à segunda derrota e ao primeiro nocaute da carreira.

Quem foi ao Honda Center viu também a coroação de Cris Cyborg como campeã dos penas, o choro copioso de Cormier e uma apresentação chatíssima de Tyron Woodley, além de várias lutas interessantes no card preliminar.

Um card que valeu o hype (Dana White disse que as estimativas apontam para um milhão de pacotes PPV vendidos!), apesar de Woodley. Vamos, então, aos destaques do UFC 214:

Jon Jones x Daniel Cormier

Mesmo parado durante dois anos preciosos do seu auge físico e técnico, o americano continua mortal e se cobrando mais. Apesar de menos inventivo do que de costume (estranhei tanta confiança no boxe, inclusive com muitos golpes na cintura) e tão poucos chutes, outrora parte do feijão com arroz da manutenção da distância. Mas, amigos, depois de mais um ano parado, voltar nocauteando Daniel Cormier não é para poucos. É para nenhum além de Jon Jones. Fedor, Anderson, GSP? Esqueçam. Quem viu Jon Jones viu o maior lutador de MMA da história. E quem assistiu a esta luta viu o que de melhor este esporte pode entregar: alto nível técnico, humanidade no choro frustrado de Cormier e entretenimento no desafio de Jones a Brock Lesnar: “Se você quiser saber como é apanhar por um cara com 30 kg a menos que você, me encontre no octógono”. Apesar do grandalhão ainda ter que cumprir mais seis meses de suspensão, essa luta vai acontecer, podem anotar.

Tyron Woodley vs Demian Maia

Meu Deus, que luta chata. Woodley agora tem, como campeão, três das lutas pelo título menos interessantes de todos os tempos. Vaias merecidas à parte, Demian tentou até o fim, mas diante do wrestling do americano, ficava difícil a cada round. Talvez alguns chutes altos pudessem tirar um pouco a atenção de Tyron, é verdade, mas não há muito a pontuar. Não deu, não deu, é a vida. O que fica é que Woodley hoje é o campeão menos carismático do evento e menos querido pelo público (DJ, embora pouco vendável, é simpático e craque, e Michael Bisping pelo menos tem o Reino Unido a seu favor). Pessoal do UFC deve estar louco pra ele perder a próxima. Aliás, Dana White mostrou todo o seu carinho ao confirmar GSP x Bisping e mandar: “Quem quer pagar para ver o Woodley lutando novamente?”

Cris Cyborg x Tonya Evinger

Fiquei impressionado com a quantidade de danos que Evinger aguentou. Mas, a tal qual uma barra de life de videogame, chega uma hora que tanta porrada cobra seu preço. Com a superioridade ainda mais escancarada e a clara ausência de adversárias que a suplantem fisicamente (vide as “sobras” que Tonya mostrou no braço e no abdômen), Cyborg parece não ter mesmo adversária à altura. Enquanto a nova geração masculina se cria, o Brasil garante suas duas veteranas com cinturões femininos.

Robbie Lawler x Donald Cerrone

Primeira coisa que Joe Rogan disse a Lawler após a vitória foi “Bem-vindo de volta”. Discordo. Na luta de dois veteranos, a sensação que ficou foi a de que ambos já passaram do auge e não voltarão mais a ele. Lawler tentou se aproveitar do sempre lento início de Cowboy e, cansado e frustrado por não conseguir acabar a luta, pareceu poupar o gás pro último round, onde voltou a fazer o que sempre matou o jogo de Cerrone: pressão. Boa luta, mas menos do que eu esperava. Pra Cerrone, de quebra, veio a primeira vez que sofreu duas derrotas em sequência na carreira.

Volkan Oezdemir x Jimi Manuwa

E olha o Oezdemir aí de novo! Pela terceira vez, o suíço chegou como azarão, como o lutador tecnicamente menos brilhante, e saiu vencedor. MMA é isso aí. Que mão pesada tem esse rapaz, que encaminhou o nocaute com um cruzado curtíssimo, no clinch, com as costas na grade. Numa categoria tão rasa, e vencendo aquele que estava na bica de conseguir um title shot, Volkan assume essa posição. “Não sei o que acontece, mas acho que tem dinamite nas minhas mãos”, tirou onda ainda no octógono. Amigo Laerte Viana, sentimos cheiro de Gustafsson vs Oezdemir pelo title shot contra Jon Jones?

Aljamain Sterling x Renan Barão

A receita para vencer Sterling, cujo jogo é exatamente o mesmo desde que entrou no UFC é simples: boxe, defesa de quedas e cardio. Para o boxe absolutamente rudimentar de Sterling, Barão tinha o antídoto em sua trocação. A defesa de quedas intransponível, também. No primeiro round, tudo como dantes: Renan superior, vitória tranquila (que um dos juízes conseguiu dar pra Sterling). No intervalo, Barão nem ofegava. Depois, porém, embora tenha defendido com sucesso as quedas tradicionais, foi surpreendido e teve as costas dominadas. A isometria por quase cinco minutos minou  completamente o gás de Renan, que voltou um cadáver insepulto pro último assalto. Sterling era o adversário mais ‘vencível’ para Barão no top-10. Com 39 batalhas no cartel, a impressão é a de que o corpo do potiguar não é mais o mesmo. Por isso, lamentavelmente, não me parece que Barão vai voltar ao topo.

Menções honrosas:

  • Há muito tempo eu não lamentava tanto um resultado de luta como a vitória de Brian Ortega. Renato Moicano vinha claramente melhor, levando vantagem no infight e pontuando bem seu jabs, naquilo que, pra mim, seria uma decisão a seu favor. Mas aí resolveu levar Ortega para o único lugar em que ele é mortal: o chão. E nem o próprio Ortega fez isso. O brasileiro nem conseguiu concluir a queda e já estava preso na guilhotina. Vacilo grave do brasileiro, que certamente vai aprender e voltar melhor. É material de top-15.
  • Olho em Kelvin Cattar. Confesso que, quando vi a prévia do Sherdog apontá-lo como provável vencedor da luta apesar da cotação de 3.80 pra 1 nas bolsas de apostas, fiquei um pouco descrente. Mas o jovem (que, fazendo um mea culpa, eu nunca havia visto lutar) mostrou um jogo de contra-ataques muito bom e um boxe preciso, furando várias vezes a guarda de Andre Fili. Bela vitória e nada mal para uma estreia.
  • As 44 lutas da carreira de Josh Burkman já deixaram sua marca. Com corpinho de 36 e cerebrinho de 66, o “Guerreiro do Povo” de novo não aguentou muito. Bom pra Drew Dober, que, mediano e esforçado, afastou a possibilidade de demissão no caso da segunda derrota seguida. Dito isso, que Burkman vá descansar.

Para os demais resultados e a resenha antes, durante e depois do evento, é só dar um pulinho no tópico do UFC 214 no nosso fórum.

  • Lucas Venagas

    “Quem quer pagar para ver o Woodley lutando novamente?”

    Resposta: Ninguem

    Assim como ninguem que tenha o minimo de bom gosto quer ver Bisping x GSP
    Luta que fede a covardia,bisping quer lutar com o gsp pq tem vantagem de altura e acha que pode vencer e tambem e pq acha que o GSP vai vender como antigamente
    GSP quer lutar com o bisping pq sabe que ele é um limitado fazendo hora extra e chance mais facil de conseguir um cinturao sem ficar deformado

    Ou seja Dois covardes querendo se enfrentar,fariam melhor ao MMA aposentados e poderiam levar o Barao com eles,esse nao arruma mais nada no MMA

    PS: Lastimavel o woodley lutar com alguem tao fraco em pé por 5 rounds e nao terminar a luta

    • Gameplay Brasil

      Seria legal ver Woodley vs Lawler 2 ( embora o possível desafiante não tenha vitória suficientes para pedir uma disputa de cinturão ).
      Um boa redenção do Ruthless, lutar com o cara que tirou seu título, e de quebra ainda desbancar o campeão mais chato da história da organização.

      • Nelson Junior Ticaum

        DO jeito que o Lawler lutou hj, vejo mais uma vitoria do Woodley… Que apesar de chato, eh mto efetivo e estrategico….

        • William Oliveira

          Cerrone não é luta fácil pra ninguém, não vi o Lawler lutando mal, vi ele lutando de forma inteligente.

          • Nelson Junior Ticaum

            Concordo em partes… até o próprio Lawler admitiu que podia dar mais na coletiva pos evento…

          • William Oliveira

            Ah, isso sim. Lawler tem que mostrar mais pra ganhar do Woodley mesmo, até porque, da última vez somente isso não foi suficiente haha

          • magnuseverest

            Kelvin,Masvidal,Lawler ou Cerrone,o Xente Boa corre por fora,se tiver mais uma vitória rápida seria o ideal.

      • Lucas Venagas

        Maior desgraca que podia acontecer pro MMA foi o woodley vencer o lawler,lawler so fazia luta boa,agora o woodley é justamente o oposto só luta chata
        Pior que ele é privilegiado fisicamente,tem boa trocação,sabe quedar,excelente defesa de quedas,o cara é bom,mas nao se ajuda
        Maia tava que era um zumbi,quase implorando pra ser nocauteado e terminar com o sofrimento dele e o cara conseguiu fazer a luta ir ate o fim sem nocautear

  • Renato Rebelo
  • Renato Rebelo

    Resposta do Lesnar ao Jones: “Cuidado com o que deseja, jovem”

  • abner albuquerque

    cara foi muito triste ver o choro o do Cormier. ele tava fazendo tudo certinho, o gameplan dele tava funcionando, ai entrou aquela pernada e ja era. da pra entender a frustação

    • Leandrinho

      tu ta maluco! o cara mal acertou um soco em quanto o jones desfilava porrada…na viaja na maionese, fera!

      https://www.youtube.com/watch?v=ZlU1gdh3VtA

      • Igor Bittencourt

        Cara, assiste a luta inteira que vc tá passando vergonha com esses comentários. O cormier tava ganhando a luta até o chute do Jones

        • Felipe Couto

          Não sr, VOCÊ está passando vergonha, pois TODOS os juízes deram o 1o round para o JJ. No mais, vai chorar debaixo do travesseiro que lá é quente. N-O-C-A-U-T-E-A-D-O com direito a beixinho de criança. GOAT.

          • Igor Bittencourt

            https://mobile.twitter.com/LaMonicaMark/status/891537498798772225/photo/1

            Empate majoritário e cormier ganhando o terceiro round. Com esse tipo de comentário eh melhor vc voltar pro combate pq lá vc vai se dar melhor.

            Abraços

          • Leandrinho

            Carinha..vc é um tipo de gente que aqui fica pisando em ovos, medindo as palavras como se fosse o entendedor, o especialista. Se toca, cara! Não tem papo de combate, nao. É a minha opiniao! Eu assisti ao vídeo! nao pude ver a luta..entao fica de boa, diferentão-sabedor-entendedor-de-mma…comédia demais!

          • Igor Bittencourt

            Eu não tô pisando em ovos, eu só não tô falando bosta baseado num vídeo editado da luta. O diferentao aqui eh vc que discorda do mundo baseado num vídeo de melhores momentos.

          • Felipe Couto

            “Baseado em fatos” meu peru. Aquele 3o round estava equilibrado, e, salvo engano, na 1ª luta aconteceu o mesmo: 1o round do Jones, 2o do Cormier. Como é que “a estratégia vinha dando certo”? Vc se deixou levar pelas palavras do Luciano Andrade, que nada sabe além de torcer. O mesmo cara que viu o Demian Maia ganhando rounds do Woodley só apanhando fazendo guarda.

          • Felipe Couto

            Foi o que eu disse. Empate majoritário agora é “vitória”? Que forçada de barra.

          • Igor Bittencourt

            Vc não disse nada disso, vc falou que o Jones ganhou o primeiro round e eu disse que o cormier vinha ganhando a luta pq no terceiro round ele estava melhor até ser nocauteado. Se tava empatado em rounds e o cara tava melhor no round até ser nocauteado quem tava ganhando a luta? Só fazer as contas pra perceber que não tem forçada de barra nenhuma.

            O Jones ganhou e eh fato, mas tava perdendo a luta.

  • douglas karpinski

    Jones realmente é foda, revanche ja para o Gustavão, e o para o suiço mais uma luta antes do title show;

    Vc viu vitória do Robbie lawler? primeiro round dele, segundo Round quase um 10 a 8 pro cowboy, se Lawler soltou 3 golpes foi muito, no 3 os golpes mais contundentes foram do Cowboy tambem, e ainda foi por decisão unanime, na boa viu um garfo ai….

    ja a Cyborg nem comemorou tanto, e que boxe o dela eim, kct de movimentação….

  • Hyuriel Constantino

    O Jones que assassinou Shogun reapareceu hj. O cavalo do cão em forma de gente é faminto por cinturão linear. Putz… Cormier foi completamente desmoralizado sofrendo uma tentativa de homicídio. É bem capaz de se aposentar (ele já tinha falado a respeito se perdesse pro Jones de novo) e não tem luta pra ele que remova o estigma de ser “o falso campeão que foi detonado duas vezes pelo Bones”.
    O mais curioso é que, se antes a categoria parecia completamente devastada tendo o Jones como campeão, tem pelo menos três match-ups que poderiam ser considerados pro ex-ex-campeão: uma revanche contra o Gusta que tem retornado do limbo, o surpreendente Oezdemir e até se cogita o retorno do Rumble (mesmo tendo sido vencido duas vezes por Cormier, batido duas vezes por Jon, ainda é um match-up atraente pelo casamento de estilos).
    A pedida por Lesnar soa interessante (particularmente para os patrõe$$$$$), contudo, na minha concepção, deveria se aproveitar o timing atual para promover o que seria uma superluta do naipe tão sonhado quanto Jones x Spider (no auge) ou este contra GSP (tb no auge): Jones x Miocic.
    O enredo é simples: Jones concorrendo a ter dois cinturões (inclusive simultaneamente) em duas categoria com um vão de 27 Kg de diferença. Miocic concorrendo a ser o primeiro campeão da categoria a fazer mais de duas defesas, e em cima do maior campeão do UFC e um dos GOATs do esporte. Por favor, façam essa luta acontecer no último UFC do ano.

    Entre Woodley e Maia não houve vencedores. Apenas perdedores.
    Começando pelo Demian, no receio de GSP tomar a vaga e correr o risco de nunca mais ter a chance, aceitou a oportunidade no espasmo e buscou fazer o camp de sua vida em um mês. A luta revelou que o brasileiro não precisaria deixar de ser grappler, porém se viu claramente que contra um Woodley acuado, poderia ter explorado mais setups de striking (pequenos jabs ou mesmo alguns pisões rústicos à la Royce Gracie) e abafar com clinches mesclados com dirty boxing. Tais táticas não poderiam ser assimiladas em um mês por alguém que engatou 7-0 fazendo uma coisa só.
    No entanto, se o brasileiro perdeu a chance de ser o campeão, Woodley apenas continuou sendo o campeão. Digo “apenas” pq, tirando o cinturão e a bolsa, de tanto brincar de milu sarrando na grade dependendo de seu One Punch, o negão torrou a paciência do careca de vez consolidando a “superluta” (bem diferente de uma SUPERLUTA entre Jones e Miocic) Bisping x GSP.
    Parabéns Chosen Boring. Forçou o Damião a gastar seu último cartucho de TS da carreira fazendo terrorismo com um aposentado, fez o público perder mais 25 minutos (já são 75 na sua conta de “campiaum”) com uma luta porca e teve suas chances de moneyfight soterradas por definitivo (acho que até o DJ tem mais credibilidade para cobrar uma moneyfight ou superfight). Vai defender a cinta a dinheiro de troco do McGregor até o fim dos seus dias (ou louvadamente perder), e o inglês cagalhão e o canadense prenho de um alien agradecem o match-up entre eles.

    Na superluta do Invicta que rolou no UFC, somente uma manada de zebras colaboraria para que Tonhão viesse se tornar campeã Peso-Pena na organização. Pior: para os haters que costumavam dizer que uma adversária mais técnica poderia vencer a curitibana, hj se viu indícios de que seu estilo Wandy de sair trocando na porralouquice acabou. Se a Megan Anderson já não tinha lá grandes chances, com essa Cyba cerebral que seleciona metodicamente cada C4 a ser atirada na coitada do outro lado a australiana vai ter mais problemas pessoais obscuros para resolver (ah, e a Ran-From-Me se tornou deficiente física, tendo a mão que precisava de cirurgia espontaneamente explodida com a vitória da Cyborg).

    Lawler é realmente um demônio. Tanto que comprovou que até tridente tem, pois garfo foi pouco pro resultado nas papeletas. Nem com o poder do friendship e pontuando tecnicamente o Cerrone foi capaz de impedir esse roubo (deveria ter tentado tocar as luvas com os juízes laterais pra ver se dava um resultado). Por outro lado, tô gostando de ver a ascensão estonteante do mestre Volcano. Só a existência de uma dinamite em suas mãos explica como um cara que não é lá esse primor na trocação consegue apagar Circo9 e Manoár lutando exatamente um minuto em suas duas últimas lutas. Botem-no contra Gusta pelo TS (ou mesmo contra o Rumble, se esse quiser voltar da aposentadoria e tentar um novo TS agora que o Cormier pode ficar fora da jogada).

    Enfim, card dos mais excelentes da história da organização. Só não foi o ponto de virada da má fase do Brasil. Além do homem-mochila, tb teve o Moicano surpreendido pelo BJJ venenoso do Tarzan do Triângulo das Bermudas. Mas pelo menos ainda é uma boa promessa na categoria, diferente de Renan Barão que, mesmo com o Paraibation Power, segue o caminho inverso do Jon Jones: de #3 P4P do mundo (até considerado #1 pelo Dana no seu auge) para neutralizado pelo medianamente heterodoxo Mestre Funkeiro.

    PS: se beleza e sensualidade fossem sinais de fazer história no MMA, Alexandra Albu quebraria o recorde de McGregor contra Aldo vencendo a Joanna e conquistaria tb o futuro cinturão dos Moscas. Entretanto, pelo que vi dela lutando hj, se correspondesse aos seus atributos fotográficos, ela seria a Ediene Gomes da terra de Stalin.

    • William Oliveira

      Uma luta contra o Stipe seria uma burrice por parte do time do Jones por pelo menos uns 4 motivos, graças a deus ele já derrubou essa hipótese ahuauhhaua

      • Hyuriel Constantino

        Pq seria uma burrice?

        • William Oliveira

          1 – Pq ele não tem nome algum comparado ao Brock Lesnar

          2 – Ele não vende, logo não vai ser lá uma baita super fight

          3 – O jogo dele é super perigoso pro Jon Jones, ele é um cara que bate muito forte e defende bem quedas, seria um baita problema, estrear na categoria pegando ele seria um sinal de displicência da equipe

          4 – Mais vale a pena deixar o Stipe pegar o Cain antes e lutar com o vencedor, defendendo esse ano contra o Gus ou até mesmo pegando o Freak Lesnar, assim hypando essa luta

          • Hyuriel Constantino

            1 e 2 – Não discuto falando nesse sentido. Não tenho propriedade sobre os cofres da companhia.

            3 – Por isso que seria “o” desafio (e a recíproca vale pro Stipe).

            4 – Só creio no Cain voltando a luta depois do “Here We Go”. Até lá, pra mim é carta fora do baralho.

          • William Oliveira

            Mas não tem porque se desafiar assim tão cedo, ele tem muitas outras lutas boas antes, não tem porque arriscar todos recordes e sua invencibilidade (DQ não conta) tão cedo. Stipe não vai se aposentar nos próximos anos.

          • Hyuriel Constantino

            Cara, nunca se sabe. Inclusive, pq vc acha que não botaram logo o McGregor pra disputar a cinta dos Leves, com receio do bichão nunca fazer uma superluta?

            O que já foi perdido de timing para fazer superlutas não foi brincadeira.

    • Henrique

      Oezdemir e Rumble treinavam juntos se não engano.

      • Hyuriel Constantino

        Oezdemir é da ATT?

        • Henrique

          Combat Club, lá treinam tbm Lawler, Michael Johnson, Rumble entre outros.

    • Asisz Marco

      Não acho que o Rumble volte ao jogo, foi dominado fácil 2 vezes por um cara que foi dominado 2 vezes pelo Bones, então seria um desafio menor que Cormier para o Jones.
      Nos meio-pesados só o Gustafsson seria interessante para tira teima, de resto nada é animador para bones.
      Jones x Lesnar é interessante como cartão de abertura para Jon nos pesados, um wrestler monstruoso contra o GOAT, para ver como se sai contra caras mais pesados antes de um eventual title shot, que parece bem possível. Aposto no Jon contra qualquer um pesado.
      Sobre Demian x Wodley, não achei ruim no ponto de vista técnico, Demian foi rechaçado com maestria no wrestling e não tinha nada para fazer, ser unidimensional nessa categoria não rola, Demian foi até longe, facilitado por match-ups contra caras que não defendem quedas bem, desde sua derrota contra Mc Donald.

      • Hyuriel Constantino

        Jones x Rumble ainda se torna atraente pelo casamento de estilos. Jones não é um wrestler puro, tendo como primeira valência a trocação, e isso favorece o AJ que iria trocar sem medo. Se for olhar por esse argumento que vc diz, isso desfavorece o próprio Gusta que perdeu tanto pro Cormier quanto pro próprio AJ de maneira brutal.

        Eu não acho que Jones mereça um cartão de visitas. Se McGregor recebeu um TS nos Leves de mão beijada enquanto campeão peso-pena, pq não o Jones com toda a sua bagagem meritória?

        Tecnicamente Woodley x Maia só nos mostrou uma coisa: Woodley entende apenas de fazer anti-jogo. Quando ele pegar um cara mais sangue nos olhos, que não respeite ou dê a mínima pra aquele One Punch dele, vai perder, e o Dana agora deve tá atrás desse hitman pela saúde da categoria.

        • Asisz Marco

          Quer cara mais sangue nos olhos que o Lawler? acho que nem o Condit é tão violento igual o rutless.
          E vc sabe muito bem os motivos que levaram Mc gregor a fazer o qque ele quer no UFC né?
          Sobre Jones x Rumble eu discordo, Jones quedou cormier, e provavelmente quedaria o Rumble, além de ter envergadura e repertório técnico suficiente em pé para não ser ameaçado pela força do Rumble
          e Gustafsson em uma revanche contra o Rumblee eu apostaria nele, poie é melhor tecnicamente e eu creio que ele não sairia na mão com o monstro denovo.

          • Hyuriel Constantino

            O que Jones já fez dentro de sua faixa de peso supera qualquer cifra milionária que o McGregor faça com suas peripécias.

            Quanto ao Gusta, vc tá se deixando levar pela hype de sua vitória contra o Glover (outro, inclusive, que o Rumble deitou). A não ser que o sueco queira bancar o wrestler, ele vai deitar de novo lutando em pé contra o AJ, e não pense que é tão fácil quedar o Rumble. Cormier conseguiu isso pelo seu enorme pedigree enquanto wrestler olímpico e grudar como um carrapato. Jones é versátil, mas ele mais quedou Cormier pelo seu frame (a diferença de tamanho de ambos é enorme) do que por sua técnica na luta agarrada. Mesmo Phil Davis, outro com wrestling de ponta, não teve sucesso algum tentando quedar o AJ.
            Como eu disse, é casamento de estilos (e se for se orientar pela sua lógica, Gusta merece menos a luta do que o Rumble, já que não só tb perdeu pro Cormier, como tb perdeu brutalmente pro cara que perdeu duas vezes do Cormier, além de que seria um combate inédito).

            Sobre Lawler, do que adianta ser tão violento e acabar com um KO no R1? Pelo menos Thompson e Maia fizeram o negão sarrar no grade por 75 minutos no total.

          • Asisz Marco

            Você mesmo sugeriu um cara sangue nos olhos para enfrentar o Wodley, e nos 77 não tem caramais sangue nos olhos que o Lawler, se tiver apresente-me esse sujeito. só dei um nome para o que você pediu. Se vai ganhar são outros 500.
            Sobre Gusta discordo novamente, acho que ele tem movimentação em pé para evitar o infight com o Jhonson e ir pontuando até minar o gás do negão, ele não precisa virar wrestler para vencer.
            Jones qedou pelo seu biotipo beleza, mas quedou, e quedaria o Jhonson, pois tem wrestling suficiente para isso. Ele pode começar evitando a curta com o jhonson com os pisões nos joelhos e usando movimentação e envergadura, com um Jhonson cansafddo, ele pode partir para wrestling e ground and pound ou tentar finalizar, pois ele finaliza muito bem tamb´pem.
            Concordo com seu primeiro parágrafo, mas a luta contra o gigante albino serve mas para teste, para ver como ele se sai contra caras mais pesados. Independente do que MG faça, eu analiso o esportivo e por maais que jones seja GOAT, é uma categoria de peso completamente diferente do que ele está habituado. Então para mim é válido um teste antes de ele enfrentar o campeão, embora ele mereça, em nenhum momento eu falei que ele não merecia.

          • Hyuriel Constantino

            Lawler é o contender mais cogitado no momento pelo simples fato de ser o único do TOP5 com uma vitória. Mas por mim deveriam logo marcar Thompson x Masvidal e torcer pro cubano ganhar. É um match-up novo e o Gamebred tem um jogo mais encardido de trocação.

            Sobre o Gusta, subestima demais a movimentação do AJ dentro do octógono, colega. Antes do sueco passar de 15 a 25 minutos correndo, ele toma outra pedrada do Rumble de novo. Os únicos recursos confiáveis pro Jon ganhar do Rumble é sua versatilidade, envergadura e cardio. Para quedar tem que encurtar, e tem que ser muito safo pra encurtar sem tomar um upper mortífero do AJ. Sem contar que o negão é bem mais rápido do que os demais oponentes que o Jones enfrentou.

          • Asisz Marco

            Não falei para Lawler ser o contender, para mim não tem contender com grande sequência de vitórias, mas você levantou a característica “sangue nos olhos” e nenhum desses que você citou tem.
            Sobre Gustafsson novamente errado, ele numa provável revanche para mim manteria a distância, acertando golpes(que também são pesados) para minar o gás do rumble, que dura no máximo 2 rounds,
            vc fala como se ele tivesse que acertar somente UMA pedrada para ganhar, o que acho errado, para ele ter nocauteado o sueco na época ele teve que acertar dezenas de golpes, para mim o suéco é melhor lutador de mma que o rumble, e numa revanche venceria, se expondo menos e não caindo para dentro do Jhonson, seguindo essas estratégia, ele certamente sobreviveria aos rounds iniciais e ganharia nos finais, pois tem melhor condicionamento físico que o negão.
            Esses recursos que você citou do Jones para ganhar dp Jhonson já são suficientes, e para mim vai além, com um jhonson cansado(o que é bem provável em lutas mais longas) ele ainda conseguiria derrubar, acho que você subestima o wrestling de Jon Jones.

          • Hyuriel Constantino

            Masvidal tb tem sangue nos olhos. Pior ainda: é um sujeito com jogo encardido. Basta ele cravar a luta com o Thompson e vencer que o TS cai no colo dele.

            Não subestimo o Wrestling do Jones. Simplesmente não é a valência característica dele, e provavelmente ele mais lutaria contra o Rumble na manutenção da distância do que partindo pra luta agarrada.

            Quanto ao Gusta x Rumble, veremos se o negão voltando ao MMA o sueco se candidata a uma revanche ou se ele vai fazer de conta que não o viu. hehe…
            Até lá, as pedradas que o galego tomou serão o seu demônio interior. 😉

  • Anderson Tomaz

    Primeiramente, em relação ao campeão mais odiado, há controvérsias ein kkkk DJ segue intacto nessa posição na minha opinião (e de mais gente KK)

    Começando de baixo pra cima, Manuwa LITERALMENTE tava ali cumprindo tabela né? A declaração (desnecessária, como de costume) do Dana White de que iria colocá-lo pra lutar no card caso um dos protagonistas entornasse o caldo e essa luta caísse pela 100ª vez, fez o inglês menosprezar o adversário. Veja bem, não estou dizendo que o russo ganhou na sorte, jamais! Mas todo mundo tava no feeling de que Manuwa ia ganhar se a luta decorrente em pé, inclusive ele.

    Lawler pode ser fan favorite, e tudo mais, mas que cara chato. Transborda arrogância. Aliás, beneficiado mais um vez pelos juízes (pra mim Cerrone venceu o 2 e o 3 round)

    Tonya foi uma guerreirassa e nem entrevista pós luta teve. Uma pena. Aceitou a luta com menos de um mês, e apesar de não ter sido a adversária que mais trouxe problemas pra Cyborg (afinal, só apanhou), teve a coragem que a campeã de merda não teve. Espero realmente que o UFC não tenha usado-a como cordeiro assim como fizeram com a Smith e a Lansberg que depois de participarem de main cards só pra alimentar a Cyborg hoje tão aí perdidas nos fights pass da vida.

    Fiquei bem triste com a derrota do Maia. Mais triste ainda vendo o jeito que ele saiu (fisicamente). Meu lutador brasileiro favorito por todas as qualidade que possui e que cada vez mais são esquecidas em meio essa política de pão e circo não só do UFC, como do MMA em geral.

    Pelo visto não é só o público que torcida pro desafiante Bad boy. Sem dúvidas o UFC odeia o gordo porre mais do que a massa, já que foi praticamente forçado a permanecer no octagon kkkk
    Ronda saiu sem nem dar tchau, só pra lembrar, enquanto o Dana tava aos berros forçando o DC a continuar assistindo o seu fracasso.
    Não obstante, Rogan com a entrevistinha safada enquanto o gordo chorava porque ficou sem sobremesa.
    Patético!
    O choro, a falta de espírito esportivo, tudo.
    Aliás, mereceu cada um dos golpes levados.
    JJ podia ter tripudiado, jogado TT, mas preferiu matar com bondade.
    Na real Cormier é um chá do cacete. Só essa semana falou de Anderson, Machida, Shogun, se auto proclamou promitente GOAT, isso sem falar na promoção das outras lutas… Não aceitava as pessoas amarem Jon e não ele (o correto, o perfeito!), falou que ia fazer é acontecer, tripudiou do OSP na luta do ano passado, disse que o Gustafsson deveria “virar modelo”, e daí pra baixo… Teve que engolir merecidamente cada uma das porcarias que falou no decorrer desses 02 anos. Se a primeira luta tinha perdido, nessa perdeu pior.

    E em relação aos números, sabemos que Woodley não vende nada, e que na última vez que se enfrentam venderam menos que isso, correto? Seria utopia minha pensar que a Cyborg tem participação nesse milhãozao aí? Espero que sim, não por gostar dela, mas pro bem da categoria, que corre sério risco de não durar caso não se venda.

    No fim, verdadeiro evento da IFW foi hoje ein hahaha
    Muito bom!

    • William Oliveira

      Não, não acho que o Manuwa tenha caído nesse papo, ele não é bobo, pelo que já vi nas entrevistas o QI tá em dia, o Volkan que é muito bom lutador mesmo, nada até agora foi sorte. E ele não é russo, é suíço kk

      E bom, claro que a Evinger tem que começar por baixo, em FightPass da vida, ela tava no principal por causa da Cyborg, sejamos sinceros, esperar algo diferente é loucura, não tem sentido.

      • magnuseverest

        Se DC continuar na divisão poderia pegar o suíço,porém pelo “timing” uma luta do Ozdemito contra Gusta na Europa pode ser legal de Main Event.

        • William Oliveira

          Cara, acho que o DC deveria se aposentar, mas se ele decidir continuar, talvez HW seja o lugar dele, não rola mais ficar no LHW junto do JBJ lá, o cara já quase varreu a categoria.

          Quem sabe uma última luta contra o Manuwa que também perdeu feio no mesmo evento, e aí aposentadoria? Sei lá.

          • magnuseverest

            Pelo perfil do DC chorão ele não vai ter paz nem mudando de empresa,porém subindo teria vários combates inéditos.

    • Diogo Barbosa

      Jamais cara.
      DJ tem gente que gosta, é carismático e faz lutas boas. Os haters dele vieram com a arregada pro Dillashaw. Não tem nem como comparar com Woodley que absolutamente NINGUÉM gosta.

      • Lyn

        “Ninguem” gosta do woodley pq ele derrotou dois lutadores amados pelos fãs que foram lawler e o thompson. No fim acho que o woodley ainda é mais popular por que ter haters é melhor do que ser irrelevante.

        • Diogo Barbosa

          Não. Ninguém gosta do Woodley porque ele é chato e luta chato.
          Cody venceu um lutador que os Fãs gostavam, TJ também, Hollaway também, nem por isso são odiados. O problema é a personalidade e o desempenho.

          • Lyn

            Mas eles eram desafiantes, obrigação de dar show para tomar o cinturão é do desafiante tanto que o Woodley nocauteou o lawler no primeiro round quando era desafiante.

          • Diogo Barbosa

            Não , Cara. TJ mesmo como campeão e após ter batido um cara querido não era chato, Weidman também, Rockhold tb.
            A treta contra o TWOOD é a personalidade e a forma com que luta.
            O desafiante não fica reclamando ser impopular, se ele quer ser mais reconhecido tem que fazer o dele, afinal o interesse é dele.

          • Lyn

            Obvio que há casos onde o campeão da show vide anderson silva e o proprio jon jones mas a OBRIGAÇÂO de tomar a iniciativa e dar show é sempre do desafiante. Se numa disputa de cinturão ambos fizerem pouco o cinturão tende a permanecer com o campeão

            Sua impopularidade começou quando ele passou o thompson no title shot e a galera ficou pistola porque geral gostava muito do thompson e ele vinha parado de não sei quanto tempo e amplificou quando ele deu a entender que não era popular por causa da cor da sua pele.

            Voce acha que o woodley não esta fazendo o dele!? Nocauteou uma fera da trocação, lutou duas vezes com um lutador de estilo pouco convencional e derrotou ontem o Jiujiteiro mais tecnico do MMA. Como já disse ele esta dando azar de pegar desafiantes que não tem plano B

          • Diogo Barbosa

            Não está fazendo o dele pra ter o apelo que quer dos fãs.
            Vários caras passaram outros no TS e nem por isso vieram a ser odiados como Woodley.
            Não tem esse papo de obrigação de desafiante, a obrigação é de quem quer apelo, o desafiante quer a cinta e faz o que é conveniente para isso. Se é ele quem quer o apoio ele tem que fazer por ter o apoio. Tompson não ficou reclamando por ter sido vaiado nas duas lutas.
            O que estou dizendo é que ele faz a luta pra vencer, isso não é errado, entretanto não adianta vencer fazendo as duas lutas com o menor número de golpes desferidos e reclamar que é impopular.

  • Gabriel Kalinowski

    Cara, JJones é bem maior que o Cain Velásquez, este que atropelou o Brock Lesnar.. Entao acredito em vitoria razoavelmente facil para o Jones.. Bem mais tranquilo que DC..

    • William Oliveira

      Maior em altura né, pois o Cain é mais pesado e provavelmente bate mais forte.

      • Igor

        Bate mais forte, sem dúvida. Cain nocauteia geral no pesado e JJ não tem tanto punch na LHW em golpes singulares. Quem dirá nos pesados. Mas ele deve passar o carro no gorila branco.

      • Gabriel Kalinowski

        Sim, mas lembra quando o Jones estava em suspensão, que ele tava pegando forte na malhação, estava ficando gigante, acho que tava com shape pra bater de frente com HW.

        https://uploads.disquscdn.com/images/a9b2ebcb9bab2dbb40c0bf8ad908c4a5bcbaae8d617da76c9a092178688596bf.jpg

        • William Oliveira

          ah sim, se ele focar no ganho de músculo durante uns meses ele deve conseguir tamanho pra bater de frente com os HW mais técnicos e menores, mas atualmente a força deve ser estar bem distante

  • Alexandre Rafagnin

    Quando é o Yamazaki todo mundo desce o cacete, mas ninguém vai comentar que o Big John deixou o DC levar 5 bombas limpas na fuça enquanto já tava apagado?!?

    • William Oliveira

      Ele errou mesmo, concordo, mas o DC até reclamou que a luta foi parada muito cedo lol

    • Thiago_NCO

      Verdade. O Luciano Andrade até berrou “acabou, acabou”. Os dois últimos socos foram gratuitos, baita vacilo do Big John.

    • Lyn

      Parar a luta antes sempre foi muito pior do que parar depois.

    • Felipe Couto

      Yamazaki é criticado pq interrompe as lutas, nao pq deixa alguém apanhar. Pare de vitimismo.

    • Lero

      Era a luta mais importante da vida do Cormier. De repente depois dessa ele aposenta. Então eu acho que quando tem tantos “high stakes” o referi pode dar uma chance para o lutador voltar para a luta. Imagina se parava a luta cedo? Cormier ficaria puto até o final dos seus dias.

  • Leandrinho

    O cornier…jesus! Tem certos caras que nasceram no ufc para serem segundo, nao adianta. A cara dele de medo…de assustado..pos caras mudam até a personalidade na hora que entram..parecem um amador! Foi simplesmente constrangedor…parecia que nao sabia o que tava fazendo ali.

    O jones realmente é o TOP

    O damian…tava na cara que nao ia ser campeao, como nunca será!

    • William Oliveira

      Que luta vc viu? Pois estava 1-1 em rounds e no terceiro o Cormier tava melhor.

      • Leandrinho

        VI ESSE VIDEO AÍ DE cima..nao assisti ela completa, nao. mas esse video ai..o que o cornier fez? NADA!

        • Diogo Barbosa

          Mas não é no vídeo que se pontua e sim na luta.
          na luta o Gordo tava vencendo sim, por pouco mais tava, isso é indiscutível.

          • Igor Bittencourt

            Juiz de highlight eh foda

        • William Oliveira

          Meu deus cara, você tá falando bosta de uma luta que não viu se baseando em um vídeo, que non sense.

          • Leandrinho

            o video tem mais de dez minutos..é só assistir, fera..o cara foi surrado

  • William Oliveira

    Baita evento, Volkan monstro demais, futuro algoz de Jon Jones, que devo admitir, já é o segundo melhor de todos os tempos. Anderson segue o primeiro, até que Jon Jones se aventure nos peso-pesados.

    Cyborg lutou demais, quero muito ver ela contra a Holly.

    Por fim, Ortega empolgou, top 5 agora, por favor!

    • Asisz Marco

      Viaja não, o cara que deu mais trabalho para o Anderson pré Weidman foi espancado pelo Jones e grandes coisas o Anderson ter subido, subiu só para pegar frango, exceção do Griffin que era bom lutador e nada mais.

      • William Oliveira

        Claro, o cara era um middleweight, o que você esperava? Haha que afirmação sem sentido

        • Asisz Marco

          Não interessa, se subiu para enfrentar o Jones, então estava apto, e Sonnen disputou grande parte da carreira de médio.
          Anderson subiu só para enfrentar tranqueira, Irvin horroroso, Bonnar em fim de carreira. No dia que o Spider ganhar do Lyoto machida pelo menos a gente conversa.

          • William Oliveira

            Forrest Griffin former champ?

          • Asisz Marco

            Se vc ver meu comentário acima vai ver que citei Griffin diferente dos outros.

    • Felipe Couto

      coitado do anderson, na idade do jones já tinha levado piaba de altos japoneses anonimos. tanto faz sua opinião, é consensual o GOATerismo do JJ. Ninguém vai se importar com brasucada.

      • William Oliveira

        Na real, nem é. Participo de 2 grupos sobre MMA no fb de 90%+ gringos e mesmo lá a galera é dividida, muitos tendem pro Fedor também. Outros pro Anderson. De consensual essa história não tem nada.

    • Thiago_NCO

      Cara, um GOAT é forjado, acima de tudo, pelos nomes que derrotou. Com o devido respeito à sua opinião, o cartel do JJ humilha o do AS. Spider pra mim é lenda, top 3 ever, mas o maior do esporte, mesmo, é Jonathan Dwight Jones.

      • William Oliveira

        Vou ter que discordar cara. A categoria do Anderson era rasa e isso não é culpa dele. Ele se aventurou no peso de cima e ganhou de former champ, pra mim ele fez o que estava a seu alcance, JBJ fará o mesmo? Só o tempo dirá.

  • Ranilson

    Agora não tem jeito, Jon Jones > Fedor > GSP > Anderson Silva
    E tudo indica que sua hegemonia, esta longe de terminar…………

    • disquseme

      Jon Jones = Anderson Silva > Fedor > GSP

      • Asisz Marco

        Coitado do Anderson Silva, no dia que ele ter um cartel semelhante ao do Jones, ou for tão completo quanto aí pode até ser, mas não é o caso, então menos fera.

        • Thiago_NCO

          Pra mim o que encerra essa discussão é o cartel. Não tem como comparar. Não tem Okami ou coisa parecida no cartel no JJ…

      • Felipe Couto

        coitado do anderson, na idade do jones já tinha levado piaba de altos japoneses anonimos.

    • Igor Martins

      sem contar que jones tem apenas 30 anos, e ainda perdeu 2 anos com problemas pessoais, mantendo a cabeça no lugar ainda vai longe.

  • Lucas Oliveira

    Tchau querido! Aliás, parabéns ao Jones pelo fairplay e pela ótima luta. Gordier, se deixou levar pela raiva e pela frustração, estava defendendo com o queixo, seu algoz cresceu nisso e deu no que deu.

    • Nelson Junior Ticaum

      Pelo que entendi na coletiva, o gordinho não sabia que tinha tomado o nocaute e tava puto com o big john por ter parado a luta prematuramente… tanto que na triste entrevista no 8 ele assume que não sabia o que tinha acontecido e provavelmente viu o replay no telão depois da atitude feia antes de anunciarem o vencedor… tanto que ele tava puto e quando caiu a ficha ele não segurou o choro….
      Foda ficar na sombra do Jones pq o gordo eh possivelmente o segundo maior lutador do meio pesado do Ufc e um dos tops de tds os tempos…
      Vale salientar a nobre e inesperada atitude do Jones pos luta….

  • Luis Coppola

    24-0 e contando!
    DC 2vezes, Shogun, Rampage, Lyoto, Rashad, Belfort (no suco), Gustaffson, Glover.. cartel impecável do maior de todos os tempos.
    Que faça a revanche com o Gustafsson no UFC 217 em NY, e depois suba para ser campeão dos pesados..

    • Thiago_NCO

      JJ GOAT. Sem mais.

    • Paulo de Tarso Lins

      Ryan Bader tbm

    • Nelson Junior Ticaum

      Não esqueça do AJ… soh falta ele pra “zerar” a categoria….

      • Thiago_NCO

        Depois de sua última atuação, pra mim, AJ se “auto-descredenciou”. Não o vejo com moral nem como casamento obrigatório. No meu ver, a categoria tá mais que zerada, vombora subir e matar o bombeiro no peito.

        • Luiz Henrique

          Rumble vai nocautear Oezdemir enquanto Jones luta com Gusta. Se Jones vencer, aí teremos Jones vs. Rumble.

          • William Oliveira

            Cara, eles são parceiros de treino, jamais lutariam. E o Rumble não volta mais, ele já ganhou peso e já falou que sem chance.

          • Lero

            Isso. Rumble vs Oezdemir é a luta a fazer. O momento para Gustavão vs Jones é perfeito.

    • Felipe Queiroz

      Moralmente ele perdeu aquela contra Gusta.

  • Ícaro Cavalcante Dourado

    Jones é privilegiado pra categoria, seu jogo é top e continua melhorando, nesta categoria não tem pra ninguém. Acho que ele deveria se aventurar nos pesados e defender na dele em simultâneo.

    • Hyuriel Constantino

      Particularmente sou a favor da superluta Miocic x Jones. Ambos estão sem contenders a curto prazo em suas categorias e ambos concorreriam a ganhos históricos.

      • Igor Martins

        ainda acho que nos meios pesados uma revanche com o gustafsson caia bem, foi a luta mais equilibrada e que teve a maior dificuldade, principalmente pela envergadura e boxe alinhado do sueco. de resto ai sim lutas no pesado..mas concerteza uma luta com o miocic é de animar qualquer um. mas acho que ele ja pediu brock lesnar já para testar com caras maiores.

    • douglas karpinski

      e o Gustavão? esqueceu o pau que o Jones levou? cabe revanche do Garfo, e olha que sou fã do Jones….

      • Ícaro Cavalcante Dourado

        Eu vi vitória clara de Jones naquela luta

  • Bernardo Oliveira

    No último lance da luta Maia fez o que achei que deveria ter feito: socou e continuou andando pra frente até clinchar. Outra possível aproximação poderia ser a partir do single leg, subindo pro clinch. Do clinch, as quedas de judô poderiam ser bem mais eficazes que as de wrestling contra um wrestler top, forte como um touro e centro de gravidade baixo. Uma pena.

    • Hyuriel Constantino

      Tb acho que o Damião vacilou. Clinch e dirty boxing à la Cain Velasquez seriam mais efetivos contra Woodley que só lutou acuado na grade.

    • Igor Martins

      tbm achei ele encontrou um wrestler top que realmente o traria problemas para quedar, comparando com o jaca demian até então vinha conseguindo com muita efetividade suas quedas de single e double leg, o jaca clinchado alterna mais com as quedas do judô na grade.

  • Daniel Piva

    O nocaute foi impressionante. Desmoralizador. Mas, tentando tirar ele, a luta esta muito, mas muito equilibrada. E dentro deste cenário eu via vantagem para o Cormier. Primeiro round na minha opinião cabia qualquer coisa e eu marquei para ele. Segundo round do DC. Terceiro round novamente muito equilibrado, eis que aparece a genialidade e resolve a parada. Simplesmente Jon Jones, o melhor é maior de todos os tempos.

    Sempre que acontecem lutas desta magnitude fico na expectativa do futuro dos envolvidos. Jones parece que o peso pesado, ou ao menos uma superluta com o Lesnar, o espera. Já o DC pode seguir na categoria, subir para o pesado ou parar. Espero que não seja a última opção.

  • Gabriel Nicacio

    Cara, eu tô bolado ainda com a derrota de Renato Moicano e Demian Mais. O Renato, eu ainda o acho melhor que o Ortega em pé, e apostaria nele numa revanche, pra mim, venceu claramente os 2 round por 10/9, e num unico relance, foi pego. E o Demian, achoque o camp curto não foi o suficiente pra ele montar uma boa estratégia. O seu double+single leg não estavam funcionando, então deveria tentar clinchar, e se embolar na grade até cair. Mas enfim. O Renato é novo, uma promessa, vai ter muitas lutas, e é um top 5 no futuro certo. Já o Demian está velho, vamos torcer pra algo de muito, mas muito bom acontecer

  • Felipe Pereira

    Acho que o que tá fazendo o DC tão emotivo deve ser a sensação de que aquele cinturão nunca pertenceu a ele.
    Primeiro ele perde indiscutivelmente na primeira disputa pelo cinturão da LHW. Depois retiram o cinturão do JJ devido ao acidente e ele pega um cinturão vago. Defende contra o Gustavão (cara que o Jones já bateu) e AJ (que na segunda luta tava totalmente sem foco). E finalmente qdo ele tem a oportunidade de convencer (inclusive a ele mesmo) de que merece aquela cinta, JJ varre o chão do octógono com ele na Rematch.
    Com honestidade, acho que fica um sentimento de q o DC apenas tapou um buraco na ausência de JJ. Embora o JJ tenha feito todo aquele discurso (não dizendo que não foi honesto, mas é bem mais fácil fazer esse tipo de discurso quando se ganha), acho que todo mundo percebeu que aquele cinturão, na verdade, nunca saiu das mãos do verdadeiro campeão.

  • Vinicius Maia

    Eu achei que o Maia iria perder mas nunca por decisão. Achei que o Woodley conseguiria levar por TKO. Cruz credo, que luta chato, PQP. E o pior, Woodley tomou vários golpes limpos de um boxer do calibre do Maia. Cruz credo.

    • Thiago_NCO

      Também notei isso… cara, um trocador do nível do Demian achar a cara do Woodley é o fim. Uma merda de luta, sem dúvidas. Mas, é como dizem, Woodley joga feio mesmo, regulamento embaixo do braço e etc, mas o cara defende a cinta 3x ao ano e é efetivo, então, quem sou eu pra criticar?

      • Vinicius Maia

        Mano a questão é oque o Dana falou e eu concordo. Ele pode bater o recorde de defesas e todo mundo vai ta cagando por ele. Como um cara que faz uma luta dessas vai pedir um aumento? Ta doido veio. Pragmático pra mim ele não é, ele é cagão. Pragmático era o Aldo, GSP e etc. PQP né veio.
        Ele defendeu todas as quedas, Maia morto no gás e ele não apertou o gatilho nenhuma vez. Cruz credo.

        • Diogo Barbosa

          Acho que se somar o total de golpes das ultimas três lutas do Woodley não dá um round de Moicano vs Ortega.

          • Vinicius Maia

            Exato veio. Coisa ridícula mano. Maluco anda mais pra trás que o Michael Jackson treinando o moonwalk.

    • thai verdadeira

      ate entendo seu ponto de vista amigo, mas woodley balançou o brasileiro varias vezes, mas nao tinha como se arriscar no GaP, havia o risco de ser finalizado, e na trocação, woodley levou alguns golpes sim, mas era nitido o motivo disso, woodley nao podia relaxar na trocação, estava bem preocupado com sua defesa de quedas, e sabendo que maia tem mão de alface, fez um gameplan baseado nisso e fez o certo ao nao sair dele, amigo, Maia era perigoso ate no ultimo minuto do 5 round, nao dava pra arriscar, foi chato foi, mas eficiente

      • Vinicius Maia

        Eu concordo com vc sobre o gameplan e o Woodley ter sido cauteloso. E concordo que ele não precisava ir no GNP. Mas ficou mais que na cara que ele podia sim ser mais agressivo. Apesar daquele monte de firula que ele fez na trocação acertou 57 golpes. E mandou 153. Acertou 37% do que lançou e o Maia acertou 31%. Ainda acho que ele poderia ter feito mais. Ganhou o ódio do patrão e poucos fãs gostam dele. Eu ainda acho que se seu contrato tiver no fim o UFC não renova por que não é vantajoso. Vai ser o primeiro campeão do UFC que vai sair por que o UFC não quer renovar.

  • Igor Martins

    dc é um grande lutador, provavelmente sem o jj dominaria a categoria, o problema é sua boca maldita, desmerecendo outros lutadores como machida, shogun e As, sendo este último que lutou com ele praticamente salvando o evento e sua bolsa sem preparação nenhuma é uma questão até de respeito, dc mostrou sua falsa humildade,e o incomodo que tem pelo jj,acabou pagando pela boca, a questão é que na cabeça dele não aceita o jon jones campeão e sim ele, e sabe que jj é um cara diferenciado dentro do 8 e o verdadeiro campeão, blz, mas dentro do octogono realmente não conseguiu, perdeu a primeira luta no wrestling para o jj, sendo quedado 4x e agora numa luta mais solta em pé(apesar de equilibrada, senti um pouco a falta de ritmo do jj), mas jj sabe o que faz ali dentro, talentoso tratou de dar o desfecho que queria para a revanche, nocaute brutal, que dc até nunca tinha levado em sua carreira e acabou destronado sem dó nem piedade, não tem o que falar..quem manda nos meios pesado é ele. JBJ.

  • Diogo Barbosa

    Cara, veja a soma de golpes das ultimas três lutas dele.
    Esse é o motivo de reclamarem.

    • Tarley Guimarães Ferreira

      Diogo, ele é o campeão, é o desafiante que tem fazer por merecer, o cara é o campeão, está guanhando dinheiro, status e ainda está se preservando, saindo sem nenhum arranhão, se preservando como muitos dizem que os lutadores teem que fazer para prolongar sua carreira e evitar sequelas no fim delas.Ele está mostrando um senso de estratégia excepcional, quando errou na estratégia contra Rory McDonald rlr perdeu e foi muito criticado.

      • Diogo Barbosa

        Está ganhando o status de que e de quem?
        Nem os fãs nem o patrão estão mostrando gosto pelas lutas dele.
        Como campeão está mantendo o cinturão . Quem tem que fazer por merecer é quem quer o apoio dos fãs.
        Maia não reclamou ter sido vaiado na luta, Tompson também não. O único que reclama é ele, então quem tem que movimentar alguma coisa é ele afinal o interesse é DELE.
        Não tem nada excepcional , salvo nas defesas de queda, no que ele está fazendo.
        Ele simplesmente não luta, é tão podre que o critério para o desempate contra Wonderboy acabou sendo o fato de ser campeão.

        • Tarley Guimarães Ferreira

          Você status maior do que o de ser campeão?De ter derrotado o Ribie Lawler que vinha assombrando todo mundo e por ko?De ter passado ter vencido o melhor striker da divisão que era apontado como favoritíssimo para vencelo(Thompson)?De ter vencido o maior grappler que é o Demian?De ter aumentado em muito sua bolsa antes e depois de ser campeão?De ter defendido 3 vezes o cinturão?De ter um jogo que até agora ninguem aponta um cara que seja amplo favorito contra ele?Sinceramente, muitos lutadores queriam estar no lugar dele, mas respeito sua opinião é muito nha como você pode ver é totalmente diferente, por isso o debate é muito legal.Abraço.

  • Lee

    A minha visão é que tudo aconteceu da forma como era esperada: maia perdeu em uma luta chatíssima, Jones ganhou e se firmou como um dos melhores e a cris nem precisamos comentar porque nem dá onda.

    • William Oliveira

      Nessas 3 sim, mas Manuwa sendo nocauteado em menos de 1 minuto e Lawler ganhando uma decisão controversa foi inesperado kk

      • magnuseverest

        O Lawler já tem algumas lutas complicadas na pontuação,contra Condit foi assim tb.

  • Thiago Felix
  • Malk Suruhito

    Gosto muito do Big John, mas prefiro muito mais um Yamazaki como foi na luta do Chinesa do que o Big John ontem para interromper a luta do Jones.

  • Luiz Henrique

    O que me deixa bolado é nego zoando o Cormier como se fosse uma Bethe Correia da vida. O maluco é o melhor meio pesado da história, perdendo apenas pro GOAT do esporte. Sem falar que é boa praça pra caramba. Deixa pra zoar o cara depois

  • Luiz Henrique

    Imaginem tamanha frustração do DC. Gameplan funcionando perfeitamente, tudo ajustadinho, não tava errando nada e vencendo o maior da história. Em um lance, foi tudo por água abaixo. Nocauteado, 2° derrota pelo mesmo cara, pelo cara que se você vencesse, seria lembrado pra sempre. Agora Cormier viverá como um eterno número 2, nunca será merecidamente reconhecido.

  • magnuseverest

    Francis e DC treinam juntos,então JJ já tem outros rivais …Cain ou Francis nos pesados,rsss.

    • William Oliveira

      JJ tem luta pro resto da carreira ainda kkk

      • magnuseverest

        Pois é,mas nos pesados acho Francis e Cain lutas mais complicadas pra ele do que Miocic ou Cigano.
        Mas o cara quer grana por isso pediu Lesnar,só acho que pode demorar um pouco,prefiro ver JJ logo em ação,todos querem ver o cara lutar,hoje Volkan seria o que menos cansou,mas JJ deve pedir uns 3 meses de descanso.

        • William Oliveira

          Cara, eu diria que a luta a se fazer agora é contra o Gus. Assim acabam todas as dúvidas sobre aquela outra luta deles, e peso pesado deixa pra depois, em 2018. Lesnar seria a primeira luta, de teste, pois ele estaria se adaptando. Miocic, Cain e Francis são os bosses finais, ele precisa estar preparado, é uma aposta séria, os riscos serão reais.

  • William Oliveira

    É um pouco dos dois. Excesso de parcialidade/patriotismo e ao mesmo tempo a galera não curte muito grappling, o Woodley deu um show como você falou, a maestria dele na defesa de quedas foi brilhante.

  • Lero

    Se eu fosse o Woodley, eu estaria fazendo exatamente o mesmo que ele está fazendo. Os fãs não vão pagar as contas dele quando ele esteja fora do auge. O importante são os 3 pontos.

    • Savio Cardoso

      Ai é que tá, são os fãs que pagam a conta dele sim, comprando ingressos e ppv das lutas, souvenirs e tudo mais.

      • Renato Rebelo

        Claro que os fãs pagam a conta dele. O UFC é intermediário entre um e outro. Sem fã, não tem evento.

        • Lero

          Se os fã médio pagasse para assistir lutas empolgantes, Lawler, Pettis, Cain (excetuando a luta com Lesnar) e Anderson pre-Sonnen (porque depois começou vender bastante) seriam os maiores vendedores de PPV da historia do MMA. Mas as vendas deles são medíocres. Mas ainda comparado com o potencial de entretenimento que eles fornecem. O Woodley não é uma gostosa finalizadora, um mocinho branco canadense ou um cara marrento e carismático ao mesmo tempo como Lesnar ou Conor. Ele nunca vai ser um vendedor nato de PPV, não está no seu sangue. E fornecer lutas empolgantes não vai ajudar nada em melhorar seus números e sim a perder seu cinto por excesso de empolgação. Ele está certo na dele. Luta constantemente, se expõe menos, ganha sua bolsa de campeão e aproveita seu auge físico e técnico. Duvido que o Conor ou o GSP lutem contra ele sabendo que ele vai fazer exatamente o que tem que fazer para ganhar deles. Sem ser burro como o Alvarez

        • Anderson Tomaz

          A bolsa do Woodley ontem foi de 540k.
          Enquanto era campeão, pra se ter ideia, o Lawler levou 590k naquela (que pra muitos) foi a melhor luta de 2016 quando defendeu contra o Condit, isso porque ganhou o bônus de luta da noite, caso contrário teria levado a MESMA bolsa (depois de ter deixado a vida ali no 8) que o Woodley levou pra não fazer nada, ter uma defesa safe e não se prejudicar fisicamente.

          Ontem o Lawler levou METADE do que ganhava enquanto campeão, mesmo sendo fan favorite, tendo muito mais apoio do público e da organização do que o atual campeão, e etc…

          É CLARO que exigir que o cara ganhe a mesma bolsa do atual campeão é nonsense (caso contrário, a cinta não seria objeto de desejo da maioria dos lutadores), mas mesmo depois de todas as guerras o cara ta aí, ganhando bolsas menores do que muita gente, então criticar o Woodley por ser pragmático não faz sentido algum.

          Não sou fã dele nem nada, na real tava torcendo pro Demian tirar uma finalização da cartola até o 3º round (depois disso tava mais do que claro que a luta tava perdida), mas entre manter o cinturão e continuar ganhando meio milhão de trumps e lutar como brawler, perder anos de vida e não ser nem ao mínimo compensado financeiramente pelos danos (extra e intra octagon), não tenha dúvida que qualquer um vai preferir lutar fazendo o mínimo possível, ainda mais no caso das 03 ultimas defesas em que os desafiantes nada fizeram pro caldo entornar pra cima dele.

          • Diogo Barbosa

            Mas Anderson, não há que se falar em erros do Woodley nos aspectos como campeão, a critica vem principalmente do cara reclamar um monte e (não) fazer aquilo dentro do octógono.
            Se ele quer viver como o campeão que não luta, tudo ok, azar de quem é desafiante, no entanto simplesmente não reclame que é impopular e blablablá.
            Se juntar as quatro lutas pela cinta dele não teve um ou dois rounds de Jonson vs Cormier. O cara é horrível.

      • Lero

        Lawler foi tal vez o campeão mais empolgante da historia do UFC e as vendas de PPV dele sempre estiveram vários patamares embaixo de qualquer PPV da Ronda, do Lesnar, do GPS ou do McGregor. O dano na sua saúde não foi equivalente a grana que ele fez quando foi campeão. Alias, GSP não tivesse feito toda a grana que fez se não tivesse jogado sempre com o regramento embaixo do braço.

  • wushu

    SOBRE ONTEM DEIXO MEU HUMILDE COMENTARIO

    Cyborg – mostrou pq é a Melhor lutadora de MMA da galaxia kkk
    Woodley – mostrou a eficiencia do BJJ contra alguem que sabe defender quedas
    Jon Jones- mostrou que genialidade esportiva nada tem haver com genialidade intelectual.

    um extra

    DC- mostrou coração de campeão e aquelas lagrimas dizem muito mais “eu queria muito ganhar” a “eu perdi denovo pra ele”, nao gosto dele mais passei a respeitar como atleta,

  • Leandro Reis Carrera

    Fiquei com pena do Cormier mas depois lembrei das besteiras que eles falou dos lutadores brasileiro então que se lasque!

  • Márcio Martinele

    Justiça seja feita. Pela estatura e ainda “meio gordinho”, esse cormier ainda consegue ser um monstro… Tiro meu chapéu.

  • Asisz Marco

    concordo

  • Lucas Venagas

    se vc luta com o damiam maia e a luta fica em pé
    e vc temprovavelmente o maior punch da categoria,vc tem que nocautear,qualquer coisa fora disso ele fracassou na luta no momento que ela foi toda em pé contra um cara que so sabe BJJ

    • Tarley Guimarães Ferreira

      Lucas, é o Demian o desafiante, ele precisa buscar a superioridade e iniciativa da luta, se T-Wood vai pra cima ele se expõe para uma luta agarrada, e outra, quantos caras nocautearam o Demian?

  • Andhré Lannes

    Anderson Silva é o GOAT

Tags: , , ,