Kelvin Gastelum, feche a boca
e volte para os meio-médios!

Leo Salles | 24/07/2017 às 15:12

No bom evento de sábado (22), o UFC on Fox 25, vimos Chris Weidman se recuperar da má fase ao finalizar Kelvin Gastelum no terceiro round.

Apesar de dominar os três rounds, o ex-campeão do médios acabou levando um susto com um belo knockdown aplicado por Gastelum no fim do primeiro round.

Apesar da diferença de tamanho… Foto: Esther Linn / MMA Fighting

Mesmo tendo sido seu único highlight e conseguido evitar as investidas de Weidman no ground and pound e as tentativas de finalizações em quase 15 minutos de combate, a impressão que Gastelum deixou é que ainda pode evoluir mais. Isso aos 25 anos de idade.

Agora, com a terceira derrota no cartel (a primeira na categoria até 84kg), com a dilapidada que vem promovendo com ajuda de Rafael Cordeiro, cabeça da Kings MMA, o próximo passo que tem que ser dado, a meu ver é voltar para os meio-médios (até 77kg).

Fora sua habilidade com as mãos (principalmente seu cruzado de esquerda pesadíssimo e a evidente evolução na trocação à partir da Kings MMA) e ótimo grappling, o “Safadão” tem que cuidar do peso.

Já havia sido proibido pelo chefão Dana White de lutar na categoria até 77kg após a pesagem do UFC 181 em janeiro de 2015 contra Tyron Woodley.

Woodley também sofreu

Recebeu nova chance ao enfrentar Neil Magny no UFC Fight Night 78 (derrota), e Johny Hendricks no UFC 200 (vitória), porém, falhou novamente no corte de peso para o embate Donald Cerrone no UFC 205, em Nova Iorque.

Está na hora de mostrar mais uma vez ao patrão e com acompanhamento certo de sua equipe para já começar uma dieta fora de camp. A carreira de um atleta passa muito rápido e, mesmo com 25 anos, Gastelum teria muito mais chances de titulo nos meio-médios a meu ver.

Seria top 5 fácil e com a potencialidade que possui, poderia chegar um a title shot em pouco tempo.

Se levar a sério o que disse sobre a divisão dos meio-médios ser a ideal, o campeão do TUF 17 tem tudo para ser top 5 dos meio-médios:

Senti ele muito grande, muito forte. Acredito que (a divisão) 77kg é a minha casa. Acho que preciso reavaliar algumas coisas, mudar meu estilo de vida um pouco, já estou planejando ir à Las Vegas para o instituto de treinamento do UFC. Eles têm excelentes nutricionistas, que vou poder trabalhar. Acredito que minha próxima luta será nos 77kg”, afirmou Gastelum, após o UFC Long Island.

Sem sentido: a revanche pedida por Belfort

Se o que ele fez com os nobres lutadores citados acima e o knockdown que quase encerrou a luta contra Chris Weidman, que é muito mais pesado e tem 13cm a mais de altura, já foi estrondoso e o levou ao número oito dos médios, imagine nos meio-médios?

As aventuras nos médios foram divertidas para se testar e conseguir nocautes em lutadores que são mais pesados que ele (Tim Kennedy e Vitor Belfort, por exemplo).

A sorte de Gastelum é que ele é novo e pode sim fazer uma dieta adequada e não fazer um corte de peso absurdo, que o deixou claramente debilitado, como foi contra Tyron Woodley (ainda perdeu por decisão dividida e ainda não era dirigido por Rafael Cordeiro), hoje campeão até 77kg.

Um pouco de vergonha na cara vai fazer bem para o garoto em ser mais sério quanto à carreira.

O potencial do “Safadão” é enorme. Porém, ganhar combates nos médios e ser campeão de uma categoria com atletas mais pesados e maiores têm uma certa distância.

Mesmo assim, nos meio-médios, lhe renderiam adversários do seu peso ou menos pesados que ele e alguns do top 5 seriam bons adversários para um bom combate em pé, como Donaldo Cerrone, Robbie Lawler ou Jorge Masvidal, de inicio.

E as chances para o titulo se encurtariam. Basta que Gastelum, poliglota e carismático, queira estar na divisão até 77kg e se comprometer com a dieta off camp. Fecha a boca “Safadão”!

Concordam? Vamos bater um papo nos comentários!

Abraço!

  • Shotokan Karate

    Leo não acho que o Gastelum deva “fechar a boca”. A gurizada que implica com ele comendo parece alguns gremistas que implicam com o Douglas pq ele “gosta de umas geladas” kkkkkkk. Se o Gastelum continuar nessa pegada e dando excelentes lutas sou capaz eu de pagar um Big Mac pra ele (como falo pros gremistas xaropes que sou capaz de pagar uma gelada pro Douglas se ele continuar deixando os outros na cara do gol) kkkkkkkk. Sempre são legais esses gordinhos bons de briga que aparecem no mundo das lutas (Fedor – o maior de todos eles -, Cormier, Nelson, Hunt e agora nessa nova geração Gastelum) pois eles são exemplo pra que acreditemos em nossos treinos e que conseguimos superar a tudo.

    • Ele é um gordinho bom de briga sim! Hahahahah. Mas foi o que falei no final do texto: fazer lutas nos médios e continuar ganhando é uma coisa, outra é disputar o cinturão dessa categoria. Acho que vale a pena um esforço dele em descer novamente, pois mostrou ter poder de nocaute e é um cara extremamente competitivo, ainda mais com caras do seu peso ou menos. Além disso, absorve bem os golpes. Imagina se tivesse rolado a luta do Gastelum contra Cerrone no UFC 205? (Acho que ainda vai acontecer). Abs!

  • Malk Suruhito

    Essa foto da Ester Linn é linda: parece uma das fotos clássicas do Mark Hunt

  • Carlos Lima

    É inadmissível um atleta nesse nível de competição ser tão vacilão com uma questão tão básica

    • Shotokan Karate

      O Jon Jones é atleta top e cheira cocaína sem falar nos outros que ficam tomando boletas… Quer coisa pior ?

      • Carlos Lima

        Essa é uma constatação direta. Isto nada muda o fato da falta de profissionalismo.
        *A saber, alguém poderia imaginar em que patamar estaria JJones se fosse disciplinado como GSP?
        Talvez estivesse em lugares altos, por onde anda o irlanda, talvez mais até, por praticamente não ter ponto fraco. Aliás, o calcanhar de aquiles do negão é justamente este: falta de centro

        • Shotokan Karate

          Ponto fraco o Jones tem e o Gustafsson mostrou bem qual é… Pra mim e mtos outros o Gustafsson GANHOU a luta entre os dois… Só não quiseram dar a vitória pra ele pelo Jones ser tb queridinho do careca… Mas enfim não vejo problemas em o Gastelum comer … Outro gordinho bom de briga Cormier é confesso detonador de hamburgueres e luta em alto nivel…Acho mais feio ficar se emboletando…

          • Asisz Marco

            Exagerado, não foram tantas pessoas assim que viram vitoria do sueco, no MMA decisions apenas 1 site deu vitoria para o gus por exemplo. mas realmente o sueco fezz um grande trabalho.

          • Shotokan Karate

            Será mesmo que não ? Mesmo aqui no site vejo mtos que tb viram vitória do Gustafsson naquela luta e o próprio publico presente vaiou bastante o anúncio daquela luta… E sendo bem generoso com o Jones ele apanhou em TRES dos 5 rounds (mesmo o round da cotovelada que foi o 4 ele mto mais apanhou e só o que fez foi aquela cotovelada). O estado do negão no final da luta mostra bem o que foi…

          • Asisz Marco

            nao, se teve mta gente que viu vitoria do gustafssson, mais gente ainda viu vitoria do bones.
            e desde quando publico vaiar ou não serve de parametro para analisar a vitoria ou nao de um lutador?
            luta foi bem parelha, vc fala como se o jones tivesse tomado um pau doido, bem longe disso alias,
            por exemplo a luta jones x cormier, os rounds 2 e 3 foram muito parelhos e como o julgamento é subjetivo abre varias interpretações.
            jones e gustafsson, rouns 1,2 e 4 foram parelhos, o que abre diversos julgamentos, inclusive uma vitoria do sueco, mas as justificativas que vc usou para argumentar uma vitoria do europeu são fracas e sem respaldo técnico como essas por exemplo:
            “Só não quiseram dar a vitória pra ele pelo Jones ser tb queridinho do careca”
            “Mesmo aqui no site vejo mtos que tb viram vitória do Gustafsson naquela luta e o próprio publico presente vaiou bastante o anúncio daquela luta… ”
            “O estado do negão no final da luta mostra bem o que foi…”
            então o julgamento subjetivo que rege as lutas de mma abrem polemicas em lutas de alto nivel e parelhas, para se contestar um resultado tem que ter argumentação técnica cabível para tal.

          • Shotokan Karate

            Desculpa Asisz mas o Jones tomou mesmo um pau doido do Gustafsson… Jones mal conseguia ficar em pé no final do combate (e isso que ele ganhou o 5 round pra mim o único que pode-se falar pra valer que ele ganhou) num dos rounds Jones chegou inclusive a levar knockdown… Pra avaliar uma surra não precisa mto reparar em detalhes técnicos a quantidade de petelecos dados em uma luta não expressa supremacia em combate…

          • Asisz Marco

            em sua opinião………………………………………………

          • Carlos Lima

            Com ilações do tipo “não perdeu por ser queridinho” não tem conversa, mano. Let it be!

          • Carlos Lima

            Pô irmão, este é um espaço democrático de opiniões, mas esse tipo de ilação “Só não quiseram dar a vitória pra ele pelo Jones ser tb queridinho do careca” brocha qqer dialética

          • Shotokan Karate

            É minha opinião… És livre pra concordar ou não… E passa muito isso em lutas em geral com o agravante é que infelizmente o MMA não é um esporte federado ficando na mão de organizações privadas que podem ou não manipular conforme seus interesses… Uma outra boa prova que o Jones é queridinho ainda do careca é o fato de sair de suspensão e ir direto pra disputa de titulo… Se o UFC fosse sério o mandaria pro final da fila pra conquistar novamente esse direito…

  • Felipe Lemes

    tetudinho

  • Vinicius Maia

    Não lembrava que ele foi casado pra lutar com o Donald Cerrone no 205. Nem que tinha falhado em bater o peso.

  • Leozin Oliveira

    Excelente texto. Realmente a sua divisão de fato é a dos meio-médios, lá ele realmente seria o candidato ao título. Vale lembrar que este é o momento ideal para descer, visto que parece estar com mais moral que outrora.

  • Gabriel Nicacio

    O que mais me impressiona, é que, por mais que ele seja troncudo, dá pra ver claramente uma camadinha de gordura que poderia queimar facilmente, ainda mais que ele é baixo. O mesmo vejo com Hendricks. Eu acho assim, se o cara é grande demais, e luta numa categoria muito baixa pra seu peso, é frouxo por querer levar vantagem em cima do seu corpo, mas tbm é frouxice não ter uma dieta regulada, como o Gastelum devia ter. O Lawler é mais alto, mais velho, e ainda assim consegue bater o peso tranquilamente.

  • Luis Coppola

    Pode até bater o peso na primeira luta quando voltar aos 77kg, mas uma hora ou outra voltará a falhar, como falhou tantas vezes. Além de poder deixar uma luta em cima da hora por passar mal, o ideal pra ele seria se abrissem a categoria 175lbs..

    • Vamos ver se Gastelum vai levar a sério o corte de peso. Fato é que vai ser a última chance para lutar nos meio-médios e não poderá falhar em hipótese alguma na balança.

    • magnuseverest

      Não confio que vá se manter com 77kg,mas Dana deve dar mais uma chance pra ele,e se falhar volta para lutar com Romero,rss.

  • RicardoVivas

    Ficou claro a desvantagem de tamanho, bem como ficou claro o potencial dele. Aquele knockdown foi lindo… A questão é que ficou difícil confiar que ele bate o peso…

    • Se o que ele falou nas aspas que coloquei na coluna for levado a sério, o Dana não terá mais problemas. Mas certamente está devendo e quero ver convencer o patrão.

  • Jason Araujo

    Esse duelo pareceu luta de irmão mais velho contra o mais novo.

  • William Oliveira

    Enquanto ele não bater os 77kg ele é um peso médio, essa é minha opinião. Não podemos ficar julgando apenas o tamanho dele, bater o peso é obrigação do atleta. Agora que ele tem potencial, é fato, vamos ver se consegue aproveita-lo.

  • Marcelo

    Se a larica deixar…

  • Tiago Nicolau de Melo

    Não pode andar por aí com 90tão, Safadão!

    Ganhado duas ou três na WW já pode ir pro TS, nos Médios vai sempre bater na trave quando chegar no Top4.

Tags: ,