Atacando de Joe Silva: lutas a casar pós-UFC 184

Renato Rebelo | 02/03/2015 às 12:28

Com o UFC 184 nos livros, chegou a hora desse pretensioso jornaleiro que vos fala vestir o chapéu de “matchmaker”.

Mantendo os pés no chão, dispensando confrontos improváveis e ignorando atletas já comprometidos, cheguei aos seguintes casamentos para os principais destaques:

NUM1Ronda Rousey x Bethe Correia

Depois de dizer que precisa ver Cris Cyborg lutando com 61kg antes de contratá-la – com grande chance dessa mudança de categoria ser no Invicta 13 de 10 de julho- e pedir mais testes para Holly Holm, Dana White praticamente selou o futuro de sua mais popular campeã. Da série “não tem tu, vai tu mesmo”, Bethe Pitbull teve, inclusive, passagem e estadia pagas para acompanhar in loco o UFC 184, dar entrevistas e aquecer o público para essa ideia. Não que existam outras meninas mais merecedoras da chance, mas entraremos na mesma situação do peso mosca masculino – onde promessas são cortadas pela raiz, abreviando o processo de desenvolvimento. Uma pena. Adendo: Ronda havia pedido a Dana um tempo após a luta contra Cat Zingano para gravar outro filme. Será que ela só retorna no final do ano? Nesse caso, faria Bethe x Holm e torceria pelo corte de peso bem-sucedido de Cyba

NUM2Holly Holm x Jessica Eye

Seguindo com a hipótese mais provável – que é o UFC espremer a popular Ronda pelo menos mais duas vezes em 2015-, daria essa Raquel Pennington evoluída para a Filha do Pastor. Digo isso porque Evil Eye também boxeia legal e é brigadora de curta distância (o que a diferenciada de Rocky é o polimento dos golpes e a movimentação). Veremos dessa vez se a ex-campeã mundial de boxe sofreu pesadamente com o nervosismo da estreia ou se ela realmente terá problemas para puxar o gatilho contra meninas mais completas no MMA.

NUM3Jake Ellenberger x Thiago Pitbull

Recordo que, pós-UFC 183, mandei um Pitbull x Don Hyun Kim. Mas tenho ideia melhor – já que boatos sopram na direção do Coréia ter a chance de se vingar de Carlos Condit em Manila. Em Alves x Juggernaut, um ex-wrestler cujas mãos foram bastante potencializadas por Edmond Tarverdyan cruza com um potente especialista em muay thai cearense/americano (ele conseguiu cidadania). Duelo de veteranos que não curtem muita enrolação costuma dar um caldo…

NUM4Tony Ferguson x Josh Thomson

Já que a lesão do Punk da AKA parece não ter sido grave (ele se retirou da luta contra Gilbert Durinho no Rio de Janeiro, mas foi flagrado treinando dias depois), que tal entubar um embalado El Cucuy? A demolição de Gleison Tibau dá grandes indícios que o ex-campeão do Strikeforce terá que suar a camisa para se manter no clube dos 10 mais…

Me ajudam com os destinos de Cat Zingano, Gleison Tibau e Roan Jucão, amigos?

  • Danyel P Lorenzo

    Também acho q agora não era hora p colocar a Bethe p lutar com a Ronda. Apesar da empolgação obvia da Brasileira é nítido a diferença de patamar entre as lutadoras.

  • Filipe C.

    Zingano vs Bate Estaca.

    Jucão vs Sam Alvey

    Tibau vs um lutador qualquer, num evento no Brasil.

    • Victor

      Acho q o junção vai descer de categoria… Mas eu colocaria contra uma striker pra ver como se sairia

  • William Amaral

    Mark Muñoz x Aposentadoria? rs

    • Renato Rebelo

      E o Koscheck?

      • William Amaral

        Aposentadoria – Sub – R1

      • victor

        Mas TB.. Tinha q dar um franco pro kos… O cara tem historia

      • Rodrigo Tannuri

        Koscheck x Bellator e Munoz x ONE FC kkkkk

      • bedotRJ

        Koscheck vs Akyiama em algum evento na Ásia. Não seria uma boa? o/

      • Felipe Lemes

        ambos no WSOF, fazendo Co e Main Event

    • bedotRJ

      Vai ter o evento das Filipinas em 16 de maio. O card tá um lixo, só tem mesmo a luta principal, Edgar vs Faber. Apesar da derrota, Muñoz saiu limpo da luta com o Jucão. Seria um desperdício não aproveitá-lo nesse card.

      • Renato Rebelo

        Afinal, o apelido do cara é “Máquina de Destruição Filipina”

      • Malk Suruhito

        Vai ter o Mousasi…

        • bedotRJ

          Sim, e também o “fenômeno” Neil Magny contra o ótimo prospecto coreano Hyun Gyu Lim. Melhorou bem, mas ainda dá prá meter o Muñoz e deixar o card principal com ótimo nível.

          • Malk Suruhito

            Munoz já acordou?

          • bedotRJ

            Muñoz tá ok. Ruim ficou o Koscheck, que quase engasgou na própria baba. /o

  • Naldyn Mesquita

    Eu faria o mais simples Pitbull x Holm quem ganhar leva a luta com a Ronda. Seria uma das melhores lutas de trocação feminina dos ultimos tempos.

    Cat Zingano x Sara Mcmann – Um show de luta agarrada.

    Gleison Tibau x Takanori Gomi – O japa tá sem par a um tempão e pro tibau qualquer coisa é lucro, ele luta só pra manter o emprego mesmo.

    Roan Jucao voltou dando show, mais deve descer pro meio-médio, então eu daria pra ele o Yan cabral (boa luta pra um dos Fns do Brasil) ou o Zak Cummings que tá sem lutar a moh tempão tbm..

    Jake Ellenberger x Thiago Pitbull é interessante… eu gostaria de ver.

    Ferguson x THomson também é uma boa.

    • Naldyn Mesquita

      Derrick Lewis x Stefan Struve

      Massio Fullen x Rony Jason – Algum FN no nordeste

      Valmir Bidu x Rodrigo de Lima

      Tim Means x Kevin Lee

  • Castro

    Cara o ufc tem que “cultivar” adversarias pra Ronda o ideal seria ela da essa pausa pra Holly e Bethe faze mais uma luta cada se não vai se sempre esse baile da Ronda e a Cyborg também, na minha opinião ela primeiro enfrenta a Bethe depois a Boxer e a ultima cartada vai se a Cyborg se essa não ganha a Ronda pode se aposenta invicta como ela que ou só se aparecer um Conor de traças pra salva a categoria .

  • James Williams

    Tibau x Rustam Khalilov
    Chega de moleza pra o Tibau.

  • Maykon Douglas

    Ronda vs Bethe será uma luta de título tão competitiva quanto foi Cain vs Pezão 2 #ironia

  • Rodrigo Tannuri

    Renatão, há um boato informando do interesse do UFC em marcar uma revanche entre Ronda e Zingano. Li a respeito no MMA Junkie.

    Ronda x Cyborg (sim, vou pular etapas. Sei que não vai rolar agora mesmo kkkkk)
    Holm x Amanda Nunes (a brasileira vai massacrar a Bazler)
    Ellenberger x Magny (sim, o herói, o mito, a lenda fará o crime e vencerá mais uma)
    Ferguson x vencedor de Masvidal x Iaquinta
    Jucão deve descer. Vou colocá-lo contra o Tumenov.

    • Renato Rebelo

      Rapaz… Será?

      • Rodrigo Tannuri

        Eu acho injusto. A Zingano é competitiva e muitos esperavam que ela fosse uma adversária mais resistente pra Ronda. Se durou apenas 14 segundos, isso é mérito da campeã. E olha que não gosto dela. Pra mim, será um erro, mas vale lembrar que a própria Rousey se mostrou a favor de um tira-teima.

        • Felipe Lemes

          se der revanche para ela, também teria q ter dado para Alexis Davis, que durou 16 segundos e não lutou

          • Rodrigo Tannuri

            Pior que não é a mesma coisa. Contra a Davis, a Ronda tratorizou com enorme facilidade em todas as áreas, mesmo a luta tendo durado segundos. Diante da Cat, dá pra dizer que a mesma facilitou, indo igual a uma kamikaze. De qualquer forma, sou contra tais revanches.

          • Renato Rebelo

            Faz sentido!

          • Carlos Montalvão

            A Davis foi surrada e nocauteada (tomou uma camaçada de soco e ainda foi quedada), já a luta de sábado foi a primeira da história do UFC (pelo menos valendo cinturão) em que 0 (ZERO, repetindo, Z-E-R-O!) golpes foram encaixados, sem contar o armlock. Praticamente um W.O a favor da Ronda, a Cat perdeu em menos tempo, mas foi um caso bizarro, bem diferente.

        • Lucas Natan

          Injusto além de totalmente sem apelo. Fariam o que pra promover essa luta? Com que cara a Zingano faria encaradas com a Ronda?

    • Carlos Montalvão

      Eu torço pra Baszler, acho a Amanda tão unidimensional quanto a QoS hehe. Holm vs Eye é a luta perfeita, a Eye tá sem adversária, sabe que tá em segundo plano na fila e é uma ótima Striker. Essa luta seria decidida em pé mesmo

  • Ramon Reis

    Bethe x Holm

    Não Renato, as duas estão no “radar” para enfrentar a Ronda, se elas se enfrentarem terão que colocar outra lutadora fora do radar para lutar com a Ronda, há tempo para alguem aparecer, mas acho dificil uma menina se destacar.

  • bedotRJ

    Concordo com todos os casamentos de luta feitos pelo Renato neste post. Daria prá jogar ali no meio da mulherada algumas combinações de confronto envolvendo Sarah Kaufman e Marion Reneau, o que fatalmente ocorrerá caso a Ronda ganhe as férias que pediu. Mas não foge muito daquilo.

    Ellenberger vs Pitbull é ótimo. Bem melhor, na minha opinião, que Pitbull vs Condit – a propósito, não acho uma boa casarem Condit vs Kim 2. Tony Ferguson vs Josh Thomson também é uma boa – outras boas opções prá jogar o ‘El Cucuy’ no furacão seriam Edson Barboza, Bobby Green e Myles Jury.

    Quanto aos demais, eis minhas sugestões:

    – Cat Zingano: Alexis Davis ou Sara McMann.

    – Gleison Tibau: Danny Castillo, Jon Tuck ou Joe Proctor.

    – Roan Jucão: aí vai depender da categoria em que ele vai lutar. Se for nos médios, Derek Brunson ou Magnus Cedenblad. Nos meio-médios, Lorenz Karkin, Adlan Amagov ou Hyun Gyu Lim. Todos eles podem parecer um passo atrás em relação à vitória sobre o Muñoz, mas isso é perfeitamente normal com estreantes (ou reestreantes) que vencem grandes nomes em sua primeira luta.

  • Andy

    Ellenberger podia lutar com o vencedor entre Maia/Laflare, ou então contra o Thiago Pitbull mesmo.
    Tony Ferguson podia pegar o Josh Thomson ou talvez o Edson Barboza

Tags: ,