Pensando alto: a análise
informal do UFC FN 111

Felipe Paranhos | 17/06/2017 às 12:50

Ah, vão dizer que vocês tinham algo melhor pra fazer de 6 às 11 da manhã deste sábado (17)? O UFC Fight Night 111, em Cingapura*, deu uma bela animada na minha manhã aqui em Salvador.

E, antes que eu vá a academia mostrar ao mundo como sou um cara fitness (radar apitando), vou contar a vocês o que houve de melhor no evento. Bonitos nocautes, muitas vitórias de favoritos e uma surpresa marcaram o dia.

* O Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa (VOLP), manual oficial da Academia Brasileira de Letras, registra os dois gentílicos para os nativos em Cingapura: com S e com C. Como o C sempre foi usado no Brasil, fico com a escrita consagrada.

Holly Holm vs Bethe Correia

Ontem, estava conversando com um amigo sobre um episódio que nada tem a ver com MMA. E ele disse algo que, na sabedoria popular, perfeitamente se encaixa a Holm vs Bethe: macaco tem que saber em qual galho pular. Se não dá pra você, é melhor ficar na sua. Pois. Depois do maravilhoso conselho do córner, que mandou Bethe “não respeitar essa rapariga”, a brasileira resolveu, de fato, não respeitá-la. Provocou, mandou vir, chamou pra briga. E ganhou um “instant karma” no rosto. Holm botou sua técnica pra jogo, iludiu Bethe numa finta e acertou uma canelada espetacular no rosto da paraibana. O soco final, também no rosto e em cheio, só fechou a conta — já que Bethe já havia sinalizado sua desistência. Bom final para um evento divertido, que ameaçava perder um pouco de seu brilho numa luta que foi, por dez minutos, bem chata. No fim, parece que a alma de Holm não foi sugada totalmente.

Marcin Tybura vs Andrei Arlovski

Olha, Arlovski não merece vencer o troféu Anthony Johnson de Melhor QI de luta, mas com certeza está entre os indicados de 2017. Depois de ser tratorizado no chão no primeiro round e de sobreviver graças ao cansaço de Tybura, o bielorrusso venceu o segundo round e tinha tudo para ganhar o terceiro e garantir o empate, quando tentou grudar em Tybura e levá-lo à grade, apesar de estar em condições físicas bem superiores. Resultado: foi levado ao chão e dominado novamente por um pesado mediano e sem gás. Ao contrário do que fez Mark Hunt semana passada, Arlovski mostrou que não tem condição de ser um bom porteiro dos melhores da categoria.

Colby Covington vs Dong Hyun Kim

Covington vem fora do radar há muito tempo. Apesar de não brilhar com nocautes espetaculares ou finalizações malabarísticas, o jogo do americano é bem justo e estratégico, o que ficou ainda mais claro diante de Kim. Apesar do judô do sul-coreano, Colby sabia que era melhor grudar no adversário do que se expor à potência dos golpes do Stun Gun. Foi o que ele fez e, apesar da falta de emoção, garantiu os três pontos. O rapaz ainda vai incomodar muita gente grande.

Rafael dos Anjos vs Tarec Saffiedine

Não foi fácil – mas ninguém disse que seria. Nas palavras do próprio RDA, foi um excelente teste para suas capacidades nos meio-médios. Com mais cardio, mais pressão e 79 golpes significativos contra 30 do belga, Rafael mostrou superioridade numa luta em que parecia, de fato, testar-se. Claramente dosando seus golpes, provavelmente por conta da primeira experiência em alto nível nos 77kg, Rafael fez o suficiente para não deixar dúvidas de que, pelo menos, estará no top-10 da categoria.

Menções honrosas:

  • É… Provavelmente vimos a última luta de Takanori Gomi no UFC. A quarta derrota seguida só comprovou o que Myles Jury, Joe Lauzon e Jim Miller haviam escancarado: a capacidade de o Fireball Kid absorver golpes já se foi. Chutes frontais de Jon Tuck abriram o caminho pra mais uma derrota de Gomi, dessa vez por finalização. Mas fica aqui o desejo de que ele possa encerrar a carreira em outubro, no evento que o UFC fará no Japão.
  • Alex Caceres entregou aquilo que dele se espera: um belo show. Bruce Leeroy dominou Rolando Dy, fez sua festa, ganhou seu dinheiro e divertiu a gente. O UFC não pode deixar de tratar bem seus completa-card.
  • Jingliang Li mostrou por que é o melhor lutador de MMA entre 1 bilhão de chineses (Ok, não significa tanto assim): levou um sacode de Frank “Macho” Camacho no primeiro round — ok também, o apelido não é dele, mas o peso da mão me lembrou o Camacho mais famoso — e virou a luta com um cardio impecável.
  • Que passeio de Justin Scoggins diante de Ulka Sasaki. Em pé e no chão – especialidade do japonês -, o último algoz de Ray Borg não deixou o adversário respirar… Ih, rapaz. Bastou uma oportunidade. Sasaki, que tinha perdido o 1° round num claro 10-8 e vinha em desvantagem também no segundo, reverteu uma posição no solo e fechou a conta. Belíssima demonstração de resistência, técnica e força mental.

Demais resultados:

Para os demais resultados e a resenha antes, durante e depois do evento, é só dar um pulinho no tópico do UFC Fight Night 111 no nosso fórum.

  • wanderson

    sou o primeiro a comentar porra , valeeeeeu rda

  • Arthur Bernardo

    Ai vai dizer q tinha algo melhor a fazer? CLARO q NÂO! Evento animou legal!

  • Luis Coppola

    Holly Holm precisa urgentemente soltar o freio de mão, cisca mais que uma galinha!
    Mta finta, gritinho, movimentação lateral e pouquíssima agressividade. Mesmo hj contra uma adversária sem punch, sem wrestling e bem abaixo do seu nível. Goddard agiu certo ao chamar a atenção das duas no segundo round, a luta estava uma vergonha!
    Por mais que ela seja campeã mundial de boxe e kickboxing, tenha dado aquele passeio na Ronda, se continuar com apresentações fracas como as dos dois primeiros rounds de hj, uma hora o hype vai embora..
    Talvez treinar com um coach que a estimule a ser mais agressiva seja uma boa, alguém espirito chute boxe como o mestre Cordeiro.

    RDA teve uma boa estréia, mas pra manter esse jogo nos 77kg precisará sempre estar com o gás mto em dia. Arlovski não dá mais no UFC, talvez no Bellator consiga algo relevante!

    • Vinicius Maia

      Tirou as palavras da minha boca meu nobre. PQP. Eu fico nervoso com a falta de agressividade e senso de urgência da Holm. Pqp. Ela já mostrou que tem uma boa resistência (não fez menção de cair contra a Valentina e Germaine) e ainda assim luta toda travada temendo ir ao chão.

      • Luis Coppola

        Bixo, hj a luta tava caminhando pra ser uma versão feminina de Woodley x Thompson II, 5 rounds de só sombra e encaradas!
        A sorte é que a Bethe é fanfarrona, já tinha provocada no primeiro round, e estimulada pelor córner foi provocar mais e se deu mal..

        A luta contra a Rundamie conseguiu ser pior de gameplan da Holly, quis virar wrestler contra a holandesa, pqp!
        Enfim, se pegar a Pena na próxima luta, acho que a filha do pastor leva um atraso no chão.

    • Renan Oliveira

      Pior foi o Arlovski. Tinha mais chances na trocação e insistiu na luta agarrada.

    • Tairon de Oliveira

      Ainda fico intrigado quando se fala em “campeão mundial de uma determinada modalidade”, só que nunca se fala qual a organização na qual o lutador foi campeão… Tipo: Cro Cop foi campeão do K1 (certo?), Chris Weidman é um wrestler All-American e por aí vai… De qual organização o “super” Alberto Uda era campeão mundial de muay thai, por exemplo?

      • Luis Coppola

        não faço ideia, sei que no mma esse cara é fraquíssimo kkkkk
        nem está mais no ultimate!

        • Tairon de Oliveira

          Sim, o que quis dizer é o seguinte: Fala-se muito em “campeão mundial de uma determinada modalidade”, como se fosse grande coisa… Mas será que é mesmo? No caso da Holm, em quais organizações ela foi campeã (apenas como exemplo)?

  • Gabriel Nicacio

    Melhor foto de capa de tds os tempos

  • William Amaral

    Impressionante como o Scoggins não consegue deslanchar. Sempre parado pelo jiu-jitsu.

  • Álvaro

    Tomou uma bica na cara e pediu pra sair.

    • Bolsomito2019

      tu nunca tomou uma dessa na cara hahahah por isso tu fala assim, trouxa

      existem golpes que levamos, que ao sentirmos um estalo da nuca, começamos a pensar na vida, com medo e tal, e entendemos que cabeça não foi feita pra levar bica…

      • Álvaro

        Tomou uma bica na cara e pediu pra sair

  • Gabriel Nicacio

    Holm vs Correia: A luta foi bem chata durante 10, mas teve um desfecho lindo. Por mais que Holm tivesse técnica o suficiente pra passear tds os rounds como fez com Ronda, parecia temerosa depois de tantas derrotas, e isso me preocupa quando for enfrentar lutadoras mais tops. Gostaria de ve-la numa revanche com Randamie, quando ela voltar ao peso-galo, caso ela vença, vou poder fazer uma análise se ela pode voltar a competir no topo. Pela última atuação, acho que não.

    RDA vs Saffiedine: Foi uma luta divertida pra mim, achei que RDA se soltou legal, deu pra ver que claramente ele estava um pouco comedido, mas é normal numa nova categoria. Acho que com seu bjj justo, e o seu striking, possa competir ali tranquilamente no top 10. Agora só não sei o que vão fazer um o Saffiedine, o cara luta de maneira chata, e ainda perde. Creio que vai ter mais uma luta de recuperação, porém uma derrota a mais e da-lhe RH.

    • Renan Oliveira

      Quanto a Holly, pode não ser mas campeã, mas creio que ela tem condições de se manter no TOP 5 sim.

      • Gabriel Nicacio

        Olha, se manter no top 5 com certeza, até porque ser do top 5 feminino não é lá grandes coisas. Mas gostaria de ver se ela tem qualidade pra dar jogo em lutas como Pena, Valentina, Nunes, Penignton etc. Eu daria na próxima luta pra ela uma Sara MacMann ou a própria Randamie

        • Renan Oliveira

          Ela acabou de lutar com a Randamie agora. E que essa revanche não seja ME, hahaha

          Sara mais pra frente, pois agora seria queimar uma contender. Quando a Holly vencer mais algumas lutas, quem sabe? Raquel já foi vencida (Contestável) e creio que seria de novo. Contra a Juliana, apostaria na Holmusa.

          • magnuseverest

            O chão da Sara anularia a Holm,vejo a Holly pegando algumas iniciantes e olhe lá.

          • Renan Oliveira

            No chão. Em pé não. E seria difícil derrubar.

          • Idonaldo Gomes Assis Filho

            Seria nada, McMann é a melhor wrestler da categoria… acho o casamento terrível pra Holm

          • Renan Oliveira

            Claro que ela não ficaria lá estática esperando a Sara derrubar. Lógico que seria mais difícil.

          • Idonaldo Gomes Assis Filho

            Não precisa ficar estática pra ser quedada, a Holm realmente tem boa defesa de quedas, mas a McMann é wrestler com medalha olímpica, contra uma boxer/kickboxer, eu vejo que ela quedaria sem problemas quando quisesse.

          • magnuseverest

            Bethe vs Macedo,Holm vs Dandois.

  • José Valter Alves Junior

    Foi estranho essa apresentação da Holm, eu entendo o lado da Bethe “respeitar” jogando em safe area em vista da envergadura da americana, porem, a postura da Holm foi muito estranha, circulando bastante, não achando distancia, tomando uns golpe estranho. Eu particularmente não gostei dessa apresentação, não pareceu nem de perto a mulher “agressiva” que conquistou o titulo do UFC, o Renato poderia fazer um jornaleiro responde sobre o futuro da Ex-Campeã, um assunto interessante pra abordar sendo que a mesma vem depois de 4 lutas com apenas uma vitoria.

  • Hyuriel Constantino

    Esta é a única dança permitida no MMA.

    http://fat.gfycat.com/GlitteringZealousLaughingthrush.gif

    #VoltaBigBenDançarino

    • Idonaldo Gomes Assis Filho

      Ele dançou, só que não da maneira como queria… com a USADA kk

  • Idonaldo Gomes Assis Filho

    Rafael foi bem na estreia dele, não comprometeu, e venceu um adversário sem volume, mas até que resistente, como foi uma luta morna embora dominante, não sei se podemos ainda tirar uma certeza dele nos 77kg, acho que uma luta de 5 rounds seria boa, dependendo até o ME de São Paulo…

    Arlovski já era, não pode nem culpar o queixo, ele pareceu um amador no chão, nem pareceu que é velho de sambo e que tem chaves de perna no cartel, foi montado umas 3 vezes, Belfort dos pesados

    Só vi o nocaute do ME pois minha TV deu umas fraquejadas na luta, mas pelo que disseram foi chata então não perdi nada.

    Covington é um lutador MUITO chato, efetivo porém, é bom lutador e tem condições de subir nos rankings, mas pelo menos tinha que melhorar o ground and pound, amarração na grade não dá. Jingliang subindo o nível ele vai perder, é resistente e tem cardio ótimo, porém defesa aberta demais, ele sempre sofre nos inicios de round em todas as lutas. E o Scoggins é burro, ele tava dando knocdown ate de chute rodado, ai vai bancar o grappler e se fode legal, trofeu Antony Johnson é pra ele e não pro Arlovski

    • Renan Oliveira

      “Belfort dos pesados”

      LOL. Tá mais pra BJ Penn dos pesados, hahaha

  • Mateus Elias

    Mano. Eu detesto a bethe fora do 8, mas lá dentro eu acho legal o jeito dela de lutar. Ela apostou em tentar tirar a atenção da holm e se deu mal, mas não tinha muito o que fazer.
    O arlovski me deu angústia de ver ele vacilando no terceiro round

  • Hildelano Delanusse Theodoro

    Que final de semana lindo! Antes foi o Erick Sujo e agora a Bethe Marginal! Os dois mais desprezíveis do MMA nacional. Bons tempos a vir!

  • RWillians

    Não vou bancar o demagogo,mas se Bethe não dá aquela provocada naquele momento estaríamos assistindo essa luta até agora. Não foi por causa daquilo que ela perdeu, mas sim devido a habilidade da Holm, q driblou e guardou um golaço, pena q passa maior parte do tempo escondida no meio da zaga, não chama a responsabilidade.

  • Caio Abreu

    Achei que o Rafael reagiu bem a essa subida de peso, apesar de o seu adversario ser um cara bem tecnico em pé as vezes que foi golpeado parecem que nao incomodaram o brasileiro, quero ver quem sera o proximo a ser escalado contra o brasileiro.

  • William Oliveira

    Bah, quantos lutadores que falam mais que lutam nesse card, meu deus..
    Colby, Bethe, Scoggins..

    Eu só vi o evento principal, e fora a luta do RDA achei bem fraco e entediante, então pra mim foi um dos piores UFC do ano, pelo menos nas lutas principais.

    PS: Arlovski tem que aposentar, não tem mais jeito.

    • Marcelo

      O card preliminar foi bem legal.

  • Weslei Alvarenga

    Na moral, eu ri quando a Bethe levou o confere, eu sei que é errado mas foi engraçada a situação.

  • Fernando Ribeiro

    Perdi o evento, só vi a luta principal no Youtube com uma qualidade sofrível, procurei no mma core mas não tinha. Enfim, o casamento favorecia demais a Holly, uma striker não muito técnica, com não muito power punch e sem nenhum jogo de chão, a Bethe era a oponente perfeita pra Holly se reerguer, ainda assim a Filha do pastor decepciona. Em todas as lutas a Holly tem tamanho medo de ser atingida que a impede completamente de mostrar do que é capáz. Ela aguentou os socos em cheio da Randamie quando abaixou a guarda ao término de dois rounds, comparado a isso, qual era a chance da Bethe nocautear? Esta que possui menor poder de nocaute, e ainda lutando na divisão de baixo. E mesmo assim a mulher fica num medo de ser atingida como se tivesse lutando com o Anthony Jonhson. Ah, mas eu sei quem é o culpado, é o corno do Greg Jackson, aquele que levou o conservadorismo a um gráu extratosférico. Parece que o homem tem aversão a ataque, só pode. Se vc falar a palavra “nocaute” dentro de sua academia, é capáz de ser expulso. E todo mundo fala que foi ele que transformou o Jon Jones no fenômeno que ele é, certamente o Greg tem sua parte, mas acho que seu sucesso é muito mais pelo seu próprio talento do que pelo trabalho do Greg. Aliás, foi o Greg que não deixou o Jones lutar com o Sonnen no 151 quando o Henderson saiu, fazendo com que o evento fosse cancelado, pois ele dizia ser muito arriscado. Também disse ser muito arriscado enfrentar o St. Preux(WTF?!) quando o Gordier saiu da luta, foi o Jones que optou por lutar contra a vontade do Greg. Fico imaginando se o Dillashaw fosse púpilo do Greg, e ele chegasse e dissesse pro seu treinador que o Barão saiu da luta e que ele aceitou enfrentar o Joe Soto com menos de 24 horas de aviso, era capaz do Greg ter um infarto. Tinha até um video bem divertido sobre o “estilo Greg Jackson de luta”, mas foi deletado do Youtube. Encontrei no Dailymotion, segue o link, as palavras de Dana White no final é a melhor parte. http://www.dailymotion.com/video/x2njbmu
    É uma pena, pois a Holly tinha e ainda tem potencial pra ser a cara do mma feminino, mas enquanto estiver sob a tutela de Greg Jackson, suas lutas serão sempre duelos de encarada. A não ser que alguma outra lutadora faça a estratégia Tarverdyana de ir pra cima dela sem se importar com os contra golpes como a Ronda fez, não vejo a Holly tendo outra performance de gala como ela teve no 193. Seu jogo já está bem decifrado, não cola com o topo da divisão, aliás, fiquei até surpreso com o desfecho da luta, ela já tinha ganho outras lutas com esse mesmo chute alto de esquerda, não pensava que a Bethe iria cair nesse manjado golpe da Holly.
    Sobre a Pitbull, que sina essa mulher tem… se já não bastasse todo o hate que ela recebe, agora dá um jeito de ser nocauteada segundos após provocar kkkkkkkkkkk pqp que azar da porra.
    Mas que bom que a Filha do pastor pois um a fim a má fase, com esse jogo atual dela acho difícil voltar a disputar o cinturão, mas estou na torcida.

    • Vinicius Maia

      Esse vídeo é muito bom kkkk. Nem acho que o Greg Jackson seja ruim mas a Holly precisa de novos ares. Vc mesmo comentou se não me engano, Cordeiro a tornaria uma matadora.

      • Fernando Ribeiro

        Não cara, não fui eu quem sugeriu que a Holly fosse treinar com o Cordeiro. Mas é uma ótima sugestão, ela na Kings podia dar muito certo.
        A Holly tem muito potencial, não pode ser desperdiçada de jeito nenhum. O Rafael pode lhe dar um sangue-no-zóio que ela tanto necessita.

        • Davi Souza

          Infelizmente isso não vai rolar chefe. A chance da Holly sair dessa academia é quase nula. Não por causa do greg, mas sim pelo michael winkeljohn. Esse cara é para a Holly o que o Dedé Pederneiras é para o Aldo. Foi ele que descobriu a Holly e a treina desde sempre.

        • Vinicius Maia

          Pensei que tivesse sido você chefe. No mais concordo com seu pensamento mas como o Davi falou coisa que não tinha conhecimento é uma coisa muito difícil de ocorrer. Abraços.

    • William Oliveira

      Mas eu não vi a Holly falar que almeja ser o rosto do MMA feminino em lugar algum, ela quer ser a campeã e vencer lutas, é esse o plano e obviamente funcionou, no fim das contas é o que importa, o UFC que está completamente errado em colocar uma luta dessas como main event e deixar a volta do RDA ofuscada.

      • Fernando Ribeiro

        Mas ser a campeã peso galo do UFC é ser a cara do mma feminino.
        Também acho estranho o pouco caso com o RDA, abrir card principal enquanto Tybura vs Arlovski é o co-main event. Espero que esteja em uma melhor posição na próxima.

        • William Oliveira

          Não necessariamente. Durante muito tempo foi por causa da Ronda e agora está sendo porque a Amanda venceu da Ronda e vem muito bem, mas é bem possível que no futuro a nova face do MMA feminino seja a JJ ou a futura campeã da divisão dos 125 lbs.

          A Holly não parece ligar muito pra isso, ela liga mais pra parte esportiva, pelo menos é assim que eu a vejo. Isso explica o pragmatismo dela.

  • Igor Martins

    se as chances da bethe eram minímas..com anistávio gasparzinho de córner,ai fudeu de vez!

  • Andhré Lannes

    Bethe pediu e levou.

  • magnuseverest

    Holm deve deixar de ser luta de ME,pois as últimas atuações estão abaixo das expectativas…Já a Bethe é divertida,deve continuar, quem sabe Zingano acerta ela,rsss.

  • Andhré Lannes

    Rafael do anjos lutou muito bem, ele esta com o muay thai tinindo.

  • Renan Augusto

    Holm é daqueles lutadores(as) que a gente enxerga muita qualidade mas luta tão travado que a gente passa raiva. Desde a luta com a Ronda nunca mais vimos a Holm brilhar como naquela luta.

    Quando falta gás, falta raciocínio, e foi o que aconteceu com o Andrei nessa luta contra o Tybura, levantou depois de ser passageiro da agonia por 4min, encaixou uns 3 cruzados bem dados com menos de 30s pro fim do primeiro round, estava ali estampado o caminho para vitoria. O que o Bielorrusso fez? Grampeou e tentou levar pro chão. Quando vi aquilo só pensei, really?? É serio isso? Ele não viu que ele tinha que boxear com pança de banha? Sou fã do Arlovski, tão fã que na época de orkut eu tinha criado a maior comunidade de fã do Pitbull que na época era o campeão pesado do UFC. Mas com o QI moribundo de luta e depois de tanto tempo de estrada continua sendo fraquíssimo no chão. Bellator ou Rizin é o caminho. E se eu fosse ele ia para o evento japonês.

    Colby x Kim, que luta de estilos, o Wrestler All American contra o Judoca 4º dan. Belas defesas do coreano e o americano teve que usar todo seu repertorio e conseguiu. Dominou, acertou mais golpes e levou ate um juiz dar a vitoria de 30×25 pra ele( um absurdo), mas Covington mereceu essa vitoria e mostrou que o wrestling dele pode ser o melhor da divisão. Mas pedir uma disputa de cinturão? Ai não né.

    Dos Anjos mostrou que pode se criar nos Meio-medios, mas cinturão? top 5? Duvido mto, lutou bem contra o Safadinho mas não sei se ele aguenta se criar contra esse top 4, talvez somente contra o Magny. Gostaria de ver Dos Angels x Usman

  • Carlos Lima

    EU VOLTAREI MAIS FORTE DO QUE NUNCA! Podem me aguardar!!!!”
    escreveu Beth Pitbull no insta.
    Agora a p#*@ ficou séria!!!

  • Carlos Lima

    Rapunzel defendendo seu estilo:
    “Um dos meus objetivos nessa luta era que não fizesse parecer uma bagunça. Muitas vezes esse é o estilo dela, ela quer ir lá e fazer uma confusão. Eu não queria que parecesse uma bagunça, queria que fosse limpo. Queria acertar um golpe limpo. Queria fazer isso certo e o plano de jogo era não apressar nada. Sabíamos que a torcida poderia vaiar, porque esse é o tipo de jogo que os fãs talvez possam vaiar e assim que eu ouvi (as vaias), pensei: ‘sou eu que estou aqui lutando, vou continuar com meu plano e vou acertar aquele golpe.
    “Eu queria acertar o chute certo no momento certo e queria ouvir meu time, que era o que estavam falando para eu fazer. Eles viram isso aberto e pediram isso. É uma das coisas que quero fazer, ouvir meu time. Eu falhei em não fazer isso nas minhas duas últimas lutas e me custou as vitórias”.

  • Leo Corrêa

    “Não respeita essa rapariga.”
    – hello darkness my old friend… ♫

  • Shotokan Karate

    Pareceres sobre as lutas que mais me interessaram:

    Holm vs Correia : Bethe não aprende. Segue na prepotência e tomou mais um castigo. O mawashi que acertou em cheio a cara dela na hora que foi chamar a Preacher Daugther valeu a luta. Holly me parece um tanto travada depois de perder 3 seguidas (uma delas altamente contestável). Mesmo assim até rolar o mawashi (Acho que cabe a ela explorar mais seu mawashi gueri já é a segunda que ela apaga com ele antes pôs a Ronda pra dormir com ele) decisivo ela estava sendo melhor na luta mesmo travada. Dominava o centro do octogono e os golpes mais convincentes até então tinham sido dela.

    Arlowski vs Tybura : Se existe várzea no MMA podemos chamar essa luta. Na minha opinião não deveria ter tido vencedores. No 1 Round Tybura se saiu melhor, no 2 Arlowski deu um pau nele e no 3 só enrolação no chão sem nenhum dos dois fazendo nada de produtivo. Na verdade estou sendo generoso ao atribuir um vencedor pra cada um no 1 e 2 round pq a luta foi de péssimo nivel técnico. 2017 está tendo a manha de ter 2 das piores lutas que vi na vida. Como abri o comentário, se existir várzea no MMA podemos considerar essa luta como uma várzea do MMA.

    Rafael vs Saffiedine : Rafael estava diferente nessa luta. Não vi a raça que é particular dele. Talvez um pouco de ansiedade por ser a primeira luta na nova divisão. Apesar disso tecnicamente e taticamente ele foi perfeito. No round 1 mesmo sendo quedado e estando por baixo Rafael teve amplo dominio da luta no solo quase inclusive finalizando. Nos demais Saffiedine não deu nem pra saída. Rafael tem desenvolvido em suas lutas uma inteligencia pra lutas fora do comum conseguindo ler seus adversários em meio ao combate como poucos os fazem (tops de categoria inclusive). Foi uma pena o que rolou com a luta com o Alvarez, se aquela luta tivesse ido pro 2 round a coisa poderia ter sido diferente.

Tags: , , , , ,