Sim, Bethe é a luta mais
perigosa da carreira de Holm

João Vitor Xavier | 14/06/2017 às 13:33

Antes de mais nada, quero dizer que a afirmação do título não é enganosa. Acho isso mesmo. Porém, não digo que Bethe Correia tem grandes chances de surpreender Holly Holm na luta principal do UFC Singapura deste fim de semana.

O perigo está justamente na disparidade técnica entre as atletas.

No boxe, uma das maiores da história

Holm foi campeã mundial no boxe, tem títulos no muay thai e, obviamente, foi dona do cinturão peso galo do UFC, quando chocou o mundo ao nocautear brutalmente a então invicta Ronda Rousey.

A mesma Rousey que, meses antes, havia apagado Bethe com apenas um soco. Não é que eu não goste da brasileira.

A Pitbull tem um bom nível de boxe e sabe usar a distância e o volume para sobrecarregar as adversárias.

E é carismática (popularidade não é sinônimo de aceitação), sabe se manter relevante independente dos resultados dentro do octógono.

Porém, vejo Correia com poucas chances contra uma lutadora maior e mais gabaritada na área onde ela é mais forte.

Não podemos nos esquecer que Holm foi eleita recentemente uma das 10 melhores boxeadoras de todos os tempos, junto com nomes do calibre de Lucia Rijker e Laila Ali, filha de Muhammad Ali.

Ou seja, a brasileira, cujo ponto forte é o boxe, vai enfrentar uma das melhores boxeadoras da história e, certamente, o grande expoente da nobre arte na história do UFC entre as mulheres.

Isso sem contar no nível dos chutes de Holm, que tem ótimos frontais e high kicks arrasadores – fora do UFC, ela tem alguns nocautes com as pernas.

E é aí que mora o perigo para a “Filha do Pregador”.

O risco é maior que a recompensa?

Mesmo vindo de três derrotas consecutivas, simplesmente não há jeito de Holly Holm sair de um duelo com Bethe com suas ações em alta.

Vejam bem: se ela atropelar a brasileira, com nocaute ou finalizações rápidos, irão dizer que ela não fez mais do que a obrigação, dada a disparidade técnica entre as duas.

Se Holm tiver problemas com Bethe, mas ainda assim conseguir um nocaute no fim da luta ou uma decisão confortável, já irão criticá-la, dizendo que era obrigação da ex-campeã acabar com a luta rapidamente.

E se Correia conseguir a vitória, o mundo cai em cima de Holly. Afinal, terá sido seu quarto revés seguido e pode sinalizar até uma aposentadoria para a norte-americana.

A derrota para Germaine De Randamie já foi inesperada, afinal Holm era ampla favorita contra uma kickboxer cuja grande vantagem sobre a norte-americana era o tamanho.

Isso significa também que a pressão por uma boa performance é ainda maior, já que ela vem de um revés onde era a favorita e não soube se impor.

Voltando ao main event do UFC Cingapura: o chão das duas permanece uma incógnita e, talvez, a brasileira possa ter sucesso levando o duelo para o tablado, mas tirando isso, Holly é superior no clinch, na luta em pé como um todo e na capacidade física.

Por isso, é difícil imaginar algo diferente de uma performance dominante da ex-campeã. E, por conta disso, a expectativa pode machucá-la. Já que todos esperam uma vitória esmagadora, se ela não vier, as críticas cairão em cima novamente.

  • Idonaldo Gomes Assis Filho

    Se não me engano a Randamie era favorita contra a Holm nas casas de aposta, e realmente vendo por seu ponto é perigoso pra Holm, se ela levar uma split ou não conseguir convencer diante da Bethe a imagem dela pode sair mais arranhada do que já está, perigosa só nesse ponto mesmo, pois acho que vai ser um baile 50-45…

  • Hyuriel Constantino

    Eu sinto que, se a Holm vencer, será uma vitória daquelas bem modorrentas. É complicado tirar uma performance estelar ou um KO digno de highlights com a corda bem apertada no pescoço.
    Não só é o job eliminator para a primeira algoz da Ronda, como tb a luta com 100% de riscos e quase 0% de ganhos.

    • Renan Oliveira

      Pois é. Também tô achando que vai ser uma vitória bem morna da Holly. Até porque ela também não vai querer se arriscar a sofrer uma 4ª derrota. Ficaria muito desmoralizada.

    • Lorenzo Fertitta

      Pois é, nem sendo otimista eu consigo imaginar que será um duelo de encher os olhos…
      Só acho que não é job eliminator pra Holly, acho que se ela perder ela se aposenta mesmo.

    • Fernando Ribeiro

      “quase 0% de ganhos” ai vc pegou pesado com a Bethe, ela não é essa Brastemp toda, mas ao menos é conhecida e ranqueada. Foda mesmo é perder pra algum estreante desconhecido, como o St. Preux perdeu pro Oezdemir, Lettorneau perdeu pra Sucuri e o Jeremy Stephens perdeu pro Moicano, por exemplo.

      • Hyuriel Constantino

        Falei no sentido de que essa luta não trará mudanças significativas na condição da Holm na categoria. Ela não terá grande projeção com essa vitória conforme a análise do relator que tá correta.

  • Tairon de Oliveira

    Holm tem que panguerar demais pra perder essa luta. Vi uma live da Bethe no facebook, fazendo manopla e meu chapéu… É ruim de dar dó.

    Se a Holm perder por pangueragem, vai fazer por merecer.

  • Carlos Lima

    Dá pra bunduda não
    Gata Holm vai levar na técnica
    Tomara que seja divertido pra nós do sofá

    • Renan Oliveira

      Bunduda? LOL

    • Asisz Marco

      bota bunda nisso, mas é so isso q serve nela msm

    • Eduardo Kovasc

      Qual das 2 bundudas?

      • Carlos Lima

        Oloko, a filha do Pr é mais estilo fitness

  • Binho Vianna

    Título sensacionalista hein, me fez acreditar que vc acreditava que Beth poderia vencer… Só uma correção, contra Germanie ela não era ampla favorita, nas casas de apostas a Germanie era favorita inclusive.

    • João Vitor Xavier

      Não é sensacionalista. Nunca disse que era a luta mais difícil, mas a mais perigosa, simplesmente porque não tem como Holm sair bem na fita dessa. Há uma diferença entre um título provocativo e um sensacionalista.

      De fato, a GDR era favorita nas casas de apostas, mas na minha opinião a Holly era e é mais lutadora e, a meu ver, deveria ter vencido aquela luta.

      Abs.

      • Carlos Lima

        Mantém ‘não há como a Holm sair bem da fita dessa’?

      • Binho Vianna

        não

  • Felipe Oliveira

    Só discordo de um ponto. Acredito que em caso de vitoria da Holm ela tem muito a ganhar sim. A Bethe é conhecida, e ganhar dela de forma convincente não traria um sentimento de “não fez mais que a obrigação” e sim de “realmente a Holm esta em outro nivel” e renovaria a moral dela SIM. Mas de um modo geral entendi a ideia do texto. Só acredito que essa é a luta certa pra “filha do pastor” (adversária bem vencível e com nome). A questão de ter mais a perder do que ganhar se da muito mais pela fase dela – 3 derrotas seguidas – do que pela adversária.

    • João Vitor Xavier

      Entendi seu ponto, Felipe, mas mantenho que uma vitória arrasadora da Holm não faz muito pra sua carreira!

      Abs

      • Felipe Oliveira

        Com certeza não pro “legado” mas é uma excelente direção pro momento da carreira. Abs!

  • Emanuel

    Cara, não concordei com o texto. Quando se é muito favorito e a vitória traz pouco crédito, não significa que a luta é perigosa. Pelo contrário, a luta tende a ser um passeio pra filha do pastor. Exemplo disso foi DJ e Wilson Reis. Acho q seu texto se aplica ao caso do Demin vs Masvidal, onde o favoritismo era PEQUENO e o risco ENORME pro Demian.

    • João Vitor Xavier

      A situação da Holm também pode ser colocada em questão. Vem de três derrotas seguidas, com pressão para uma PERFORMANCE ótima, não só por uma vitória. É bastante perigoso sim!

  • Lorenzo Fertitta

    Bom texto, concordo (quase que) totalmente. Discordo do título, pois nem com todos os argumentos apresentados consigo acreditar que é a luta mais perigosa da carreira da Holm. Sem desmercer a guerreira Bethe, que ainda é uma aprendiz no esporte, mas a disparidade técnica é tão evidente que não tem como ser a luta mais difícil da carreira da Filha do Pastor.
    Sabe-se que a HH é muito emotiva, já afirmou que fica muito nervosa, chora muito antes de suas lutas e com certeza não será diferente desta vez. A pressão por não ter conseguido render o esperado após destronar a Ronda aumenta cada vez mais, porém acredito que, em menos de 2 minutos do primeiro round, a americana perceberá que a Bethe é bem inferior a Shevchenko, Miesha e Randamie, o que fará seu desempenho fluir naturalmente, sem lutar de modo travado, como anteriormente.
    Quanto ao desfecho da luta, acho que ou a Holm atropela até o 2º round ou ela consegue uma vitória tardia de maneira burocrática (e tranquila). Para a esforçada Bethe, restam as mesmas chances que o Lobov tinha contra o Swanson.
    Torcendo por uma luta movimentada e divertida (não precisa ser “just bleed”), acima de tudo, cravo em 80%-20% o favoritismo da Holly, já levando em consideração os fatores “zebra”, “inháca”, “azar”, “pressão” e demais urucubacas que perseguem a querida HH.

    • João Vitor Xavier

      Luta perigosa é diferente de luta difícil!

      • Lorenzo Fertitta

        Realmente João Vitor, são duas coisas bem diferentes. E eu acredito que a luta não será nem perigosa, tampouco difícil para a Filha do Pastor. É esperar pra ver.

  • mario

    perdendo ou ganhando, quero ver a dancinha da Raimunda com uma bela rebolada!

    • KRS Porlaneff

      Sem essa, espero que essa reboladinha medonha tenha sido a última vez que um(a) lutador(a) brasileiro(a) tenha me feito passar vergonha (alheia) por ser brasileiro.

  • Luis Coppola

    Concordo em partes com o texto, mas é por isso mesmo que casaram ela com a Bethe.
    Bethe além de ser um nome conhecido, não tem chão nem mão pesada, ou seja, traz pouquíssimo risco pra filha do pastor emendar a quarta derrota. Casaram essa luta justamente pra Holly vencer e tentar sair dessa má fase, pra ela foi um ótimo casamento, se dessem alguém mais perigosa para a Holpumzel seria burrice!

  • Saulo Henrique

    Uma dúvida. No caso de derrota, uma das duas deve sair? Por que acho que se saírem, o Bellator está já ali de olho. Haha. Mais um texto interessante. Parabéns.

  • Fernando Ribeiro

    Olhando as lutadoras que ambas já enfrentaram nós temos:
    Ronda Rousey- Massacre e performance da vida da Holly; vexame de 38 segundos da Bethe.
    Marion Reneau- Vitória por decisão unanime da Holly, não vi essa luta portanto não posso opinar; empate majoritário da Bethe, levou os dois primeiros rounds e foi espancada no terceiro.
    Raquel Pennigton- Vitória por decisão dividida da Holly; derrota por decisão dividida da Bethe. Não vi essas duas lutas, novamente não posso opinar.
    Tudo leva a crer que a Holly leva essa, acho que o único ponto a favor da Bethe é seu coração, já demonstrado nas lutas contra a Marion Reneau e a Shayna Basler. No entanto, a Holly também demonstrou muito coração na luta contra a Miesha, preferindo apagar a dar os três tapinhas. A Filha do pastor também aguentou os socos em cheio da Randamie quando abaixou a guarda após o soar da buzina ao término de dois rounds, considerando que a holandesa é maior e estava na divisão de cima, fica difícil de imaginar que a bethe que é menor, lutando na divisão de baixo, e ainda tem pouco power punch, vá conseguir um ko ou tko sobre a Holly. A Holly também não tem tanto power punch, no seu único nocaute no Ultimate ela precisou aterrissar trocentos socos na Ronda antes de finalizar com um chute alto, porém, como serão cinco rounds, e tendo em vista que a Bethe nunca lutou por 25 minutos, as chances da Holly obter um nocaute aumentam bastante nos rounds finais quando a Bethe cair de rendimento. A movimentação e o cardio serão decisivos, ambas valências onde a Holly é superior, não acho a Bethe carta fora do baralho, mas acho que dá Holly por tko no quarto ou quinto round.

  • Eduardo Kovasc

    A Holm “””””””””””””””””””””””””””””””””””””””””””””””””perdeu””””””””””””””””””””””””””””””””””””””””””””””””” do Ronaldinho Gaúcho.

  • Anderson Tomaz

    A Holm era zebra pra Rundaime em TODAS as casas de aposta…
    Holly era bem favorita na luta contra Miesha e Valentina, mas na última ela era azarona

  • Roger Oliveira

    Com os gritinhos da Holm e olhando a bunda da Beth, nem vou precisar entrar no xvideos. hehehe

  • magnuseverest

    Se a Holm vencer creio que empurrem algumas novatas pra ela,até chegar no TS novamente,já a Bethe creio que lute com Veronica Macedo no futuro e fique no meio da tabela.

  • Lucas Venagas

    “A derrota para Germaine De Randamie já foi inesperada, afinal Holm era ampla favorita ”

    Não,nao era nem nas bolsas de apostas,ate pq quem entende sabia que seria uma luta dificil para ela,mas ainda assim muita gente naquele momento ainda se levava pelo hype de sua vitoria contra a ronda e esquecia todas suas outras lutas horriveis dentro do ufc

Tags: , ,