TJ Dillashaw: mordendo mais do que pode mastigar

Renato Rebelo | 15/01/2015 às 21:19
Cumprindo tabela contra Soto

Cumprindo tabela contra Soto

Não dizem que cabeça vazia é a oficina do Toninho?

Pois bem, TJ Dillashaw, campeão recém empossado, ficou à toa quando Dominick Cruz, seu virtual desafiante, voltou a fazer o que faz de melhor: lesionar-se.

Sem poder se dedicar muito aos treinos por não saber quando volta a campo (vai que dá um overtraining na criança), o loirinho da Alpha Male assiste os ponteiros girarem fazendo presenças vips em eventos, jogando conversa fora no Twitter e concedendo entrevistas.

Num desses bate-papos – com o site MMA Junkie-, TJ mirou alto ao analisar a luta principal do UFC Fight Night 60 deste domingo:

Sei que o José Aldo deve lutar contra o Conor McGregor, mas vou torcer para que o McGregor perca para o Dennis Siver e eu possa lutar contra o José Aldo. Seria muito bom ser o primeiro lutador a conseguir dois cinturões ao mesmo tempo”.

Alpha Males consolando Mendes

Alpha Males consolando Mendes

Da série “subiu no ônibus e já quer sentar na janela”, o que leva o sujeito com uma defesa de cinturão – contra adversário que aceitou a luta com menos de 24 horas de antecedência- projetar voo tão alto antes de varrer o próprio quintal?

Bom, começo pelo bom e velho corporativismo.

Pelo que escutei, TJ vai bem nos treinos com o poderoso Chad Mendes – questionavelmente, o número dois da categoria de cima.

Ao vê-lo sendo bastante competitivo contra o produto da Nova União, é até natural matutar tal ideia.

Outro fator preponderante para a audaciosa declaração é a falta de desafios compatíveis na categoria até 61kg.

O supracitado Dominick Cruz conseguiu a proeza de explodir o joelho direito – sendo que foi o joelho esquerdo e a virilha que o mantiveram fora de ação por mais de três anos.

Urijah Faber, capitão da Team Alpha Male, reforçou essa semana no programa MMA Hour que não tem nenhuma intenção de desafiar o companheiro de equipe.

Raphael Assunção, também lesionado, traz consigo problema crônico de carisma e não consegue reverter boas atuações em oportunidades.

Renan Barão terá sua chance de redenção na sequência – especula-se no UFC 186.

Pelo que vimos no UFC 173, o pupilo de Duane Ludwig obviamente está confiante que pode repetir a dose, certo?

Portanto, calçando os sapatos do americano, de fato, não há uma multidão o separando do campeão até 66kg do Ultimate.

Só destaco algumas problemáticas envolvidas na questão.

1- Ao contrário de TJ, Aldo limpou a sua divisão e, caso bata McGregor na sequência, deve olhar pra cima (peso leve) e não para baixo.
2- O tamanho. Assim como Ben Henderson entre os meio-médios e Johny Hendricks entre os médios, TJ, do alto de seus 1,67m de altura e 1,69m de envergadura, sequer é um galo grande. Aldo, mestre da distância, carrega 1,78m de envergadura – vantagem considerável pra striker tão hábil e contundente.
3- José não se chama Renan.

Sei que a confiança do cara tá lá no teto:

Não achei o Barão tão bem em sua última vitória (sobre Mitch Gagnon). Ele estava um pouco hesitante e lento, não estava tão agressivo como antes. Estou empolgado com essa revanche, acho que vai ser uma luta mais rápida”.

Agora, por mais que superlutas tenham virado lendas urbanas, no ano em que o UFC fará tudo pela audiência, é preciso ter cuidado com o que deseja…

Abraços.

  • Filipe

    Caralho Renato, não tinha visto aquela foto dos Alphinhas consolando o Chad, que hilário HAHAHAHA

    • Luiz Henrique

      KKKKK Dá pena.
      Mas não paro de rir

  • Deivis Chiodini

    TJ, TJ…Ainda bem que você é companheiro de equipe do Faber, por que se você enfrentar o Aldo vai precisar daquelas muletas que ele usou depois da luta no WEC emprestadas.
    Aldo não é o Barão, o caldo é bem mais grosso. Não tente dar uma de BJ Penn, porque você não tem um terço do carisma e nem do coração do havaiano. Fique na sua categoria e muito cuidado. Se você vai bem contra o Chad nos treinos, o Barão também pode estar indo bem contra o Aldo. Não fica confiante demais, por que pra acordar com a lanterninha no olho não custa muito…ou preciso chamar o Dodson pra te lembrar?

    • Ramon Reis

      Se um peso-mosca nocauteia ele, imagine o Barão com a cabeça no lugar e bem preparado, ele apanha feio certo.
      Agora imagine o Aldo, o melhor peso-pena de todos os tempos, o que faria com ele.

      • Bart Simpsons

        Dois detalhes: O primeiro é que esse papo de chamar o dodson, chamar o dodson, isso é papo antigo. O dodson ganhou naquele tempo, mas hoje em dia o papo é completamente diferente. O dodson não conseguiu nem ganhar o cinturão dos moscas e pensa em se aventurar nos penas… heuheuehuehuehuhe.. vai dar nem p cheiro;
        Segundo detalhe é que Aldo não só é o maior peso pena de todos os tempos, mas já é um dos maiores lutadores da história. Pra mim, já é o melhor lutador da história do UFC, melhor lutador pós Fedor Emelianenko, e talvez ultrapasse o russo mais lá na frente. Aldo é um fenômeno absurdo. Pena o cara ser tão desvalorizado só pq não é falador, pq se preocupa apenas em lutar, aí Dana acha ruim pq americanos gostam é de showzinho estilo WWE. Com a qualidade que Aldo tem, era p o mundo inteiro parar p assistir o cara lutar, assim como paravam p ver anderson silva e gsp.

        • Deivis Chiodini

          Quando eu falo chamar o Dodson, é só pro TJ lembrar que ele também perde, é “nocauteavel” etc…
          Vc já viu a postura dele nas últimas entrevistas? Ele se coloca em lista dos melhores, fala do jogo de pé dele como se ele fosse o Anderson Silva, etc.
          A verdade é que de renome o TJ só venceu o Barão, mais ninguém. Pra ele se colocar como invencível e tão superior como tem falado, tem que provar bastante ainda.

          • Lucas Rezende

            Só para lembrar que aquela interrupção na luta contra o Dodson foi bastante prematura.

            http://cdn2.sbnation.com/imported_assets/910106/1.gif

          • Junior

            cara, ele caiu 2x e tava totalmente tonto.

          • Lucas Rezende

            Ele caiu o tempo todo agarrando a perna do Dodson, buscando o single leg, cara. Tava de joelhos quando o Herb Dean interviu.

          • mazzaropi

            Dodson mitou com os mortais no final… kkk!

          • Lero

            Depois de se aposentar, o Dodson pode trabalhar no circo dos anões

          • Bart Simpsons

            E olha que o Barão mesmo semi nocauteado desde o primeiro round, quase que consegue ir até o final da luta contra o TJ. Tj ainda vai ter que mostrar muita coisa p se achar alguma coisa.

  • Regis Nogueira

    Isso me pareceu falta do que falar Renato. Só a ideia de manter os dois cinturões é maluca se pensarmos que o Aldo, muito mais estrada rodada, teria que largar o dele pra subir e lutar com o Pettis. Não me faz sentido. É só pra pensar: TJ passaria por Frankie Edgar?

    • Renato Rebelo

      Boa pergunta. E tem outra que esqueci de citar no texto: não há mais essa de ostentar dois cintos simultaneamente. Dana já disse que pra ir atrás de um, tem que largar outro. Virou regra pra não travar divisões inteiras.

      • bedotRJ

        Corretíssimo não acumular cinturões. Falta agora determinar uma regra que garanta ao desafiante campeão da categoria mais leve o direito de manter seu cinturão caso perca do campeão da categoria de cima. Esta é a única forma de estimular esportivamente os desafios entre campeões de categorias diferentes.

        • Pedro Duarte

          Ao mesmo tempo que seu raciocínio é interessante, acho que o campeão teria muito pouco a perder e automaticamente todos vão querer encarar o campeão de cima. Isso pode ser perigoso, além de tirar direito do #1 contender de disputar a cinta. Pra mim, o privilégio do campeão é furar a fila direto, mas tem que largar a cinta da categoria inferior. Se perder, ele volta como o #1 da sua categoria de origem.

          • bedotRJ

            Pode ser. Mas nesse caso, acredito que quase nenhum dos campeões mais leves irão se interessar em fazer esse tipo de desafio. Do jeito que sugiro, como eles teriam pouco a perder, haveria um estímulo mais natural prá que topassem o risco. Na outra ponta, da parte do lutador mais pesado, seria uma defesa de cinturão como outra qualquer, apenas com o apelo especial de estar enfrentando outro detentor de cinturão.

  • Rodrigo Tannuri

    Eu confesso que gosto de ver um lutador tendo essa postura destemida, ainda mais quando este é campeão. Contudo, concordo que o TJ está indo além e procurando um combate extremamente perigoso. É muito mais jogo ele permanecer nos galos, vencer o Barão de novo e esperar a recuperação do Dominick. Assim ele teria uma imagem realmente consolidada. A rivalidade TAM x NU está mexendo muito com a cabeça dos envolvidos (mais do que deveria até). Aliás, estamos vendo quadros bem engraçados. Jones falando em ir pros pesados, Hendricks pros médios, Bendo pros meio-médios, Dodson querendo vencer novamente o TJ e, pasmem, se testar nos penas. Essa galera está doidona! Mais loucos que o Dana em semana de luta do McGregor. Muita calma nessa hora, pessoal.

    • Renato Rebelo

      Sempre complementando com classe, Rodrigão!

    • Jonas Angelo

      Rodrigo, acho que estão falando demais somente por falar mesmo, não acho que 20% dessas mudanças se concretizem de fato.

      • Rodrigo Tannuri

        Com certeza é mais falatório mesmo. É que, geralmente, os lutadores costumam descer de categoria e não subir. No cenário atual, quem sobe, pode sim ser chamado de louco. A tendência é não ir bem. A não ser que o atleta seja um excepcional, caso do Jones.

        • Raphael Seiji

          Anthony Johnson é o último caso bem sucedido de um atleta que subiu de categoria. Mas creio que a questão do Rumble era que ele cortava muito peso pra chegar nos médios.

          • Rodrigo Tannuri

            Bem lembrado, AJ está mitando muito. Tirou Davis pra nada, massacrou o Minotouro e ainda ganhou do Arlovski, nos pesados. Isso sim é uma reviravolta na carreira!

    • Marcelo

      Eu concordo com o Rodrigo, o Dillashaw tá falando por causa da rivalidade entre as duas equipes, só que eu acho que essa rivalidade parte mais do lado americanos, eles nunca perdem a chance de cutucar o Dedé com essas bravatas bem ao estilo americano.
      Os outros lutadores que você citou estão falando sério. O Hendricks e o Bendo tem problemas no corte de peso e se o Jones continuar dominando a categoria, é natural que comecem a falar de uma subida, assim como foi com GSP e Anderson e o Dodson só teria a ganhar se o Dillashaw aceitasse o desafio.

      • Rodrigo Tannuri

        Realmente, os americanos nutrem mais essa parada, mas na NU deve ter o mesmo papo. Os programas do UFC mostraram bem isso. É uma rivalidade real, nada fabricada, mas, se ambos extrapolarem, pode atrapalhar.

        Sobre os lutadores, eu tenho preconceito com quem opta por subir de categoria, admito. A gente sabe que o corte de peso pra muitos é sacrificante, mas seria péssimo pra carreira de Bendo e Hendricks esse tipo de aventura. Tipo, se são grandes tops em seus pesos, porque correr o risco de não ser ninguém em outra divisão?

  • bedotRJ

    Do ponto de vista do TJ, acho que ele está certo em abrir a boca e mandar essa letra. Ele não limpou seu quintal, mas é um campeão legítimo. Qualquer campeão que desafie prá valer o campeão da categoria de cima eleva seu nome – bem diferente de quando o desafio é feito em sentido contrário, como andou sondando o Anderson contra o GSP. Quem dera todos os campeões fizessem isso. Se fosse no formato da última superluta entre campeões que o UFC fez, no longínquo 2009 (GSP x BJ), acho que seria uma ótima pedida caso Aldo e Dillashaw mantenham seus cinturões após os combates ainda não confirmados contra McGregor e Barão. O Aldo teria a vantagem física e o Dillashaw teria o direito de manter seu cinturão dos galos em caso de uma provável derrota. Caso ocorresse uma super-zebra e o Dillashaw vencesse, ele se tornaria o campeão dos penas e vagaria seu cinturão nos galos. Sendo desse jeito, sou 100% a favor.

    • Rodrigo

      Mano acredito que vc não deve saber nada de categorias e nem de mma, o Tj não tem a mínima condições de pegar o Aldo agora, sendo que o Aldo já tem um Cartel invejável e fez a limpa na sua divisão, agora me responda quem Tj pra pensar em desafiar o Aldo, ele tem que se credenciar primeiro pra poder ter a chance de fazer uma super luta!

      • bedotRJ

        Bicho, a forma como vc se dirige a mim é de uma arrogância tremenda. Se vc leu minha mensagem, notou que classifiquei uma eventual vitória do Dillashaw sobre o Aldo de super-zebra. Só que o resultado hipotético de uma luta não é critério prá determinar se ela deve ou não ser casada.

        Outra coisa: o campeão de uma categoria, diferentemente do que vc sugere, não precisa se credenciar prá desafiar o campeão da outra. Prá que uma luta assim seja casada, basta que as circunstâncias tragam algum sentido esportivo e que haja interesse financeiro por parte da organização. Quando o BJ Penn desafiou o GSP pelo título da categoria de cima, ele só havia feito uma defesa do cinturão peso-leve. Se ocorrer uma situação em que 1) Dillashaw vença novamente o Barão na revanche, 2) Aldo vença sua próxima defesa, provavelmente contra o McGregor e 3) os demais desafiantes do peso galo, Cruz e Assunção, estejam de molho por contusão sem previsão de retorno, uma superluta entre Aldo (que não teria mais a quem enfrentar em sua categoria) e Dillashaw pode sim ser casada. Assim como, em um caso correspondente, uma superluta entre Dillashaw e o Demetrious Johnson – ou entre Aldo e Pettis. O que o Dillashaw está fazendo é apimentar essa rivalidade com o Aldo, projetando essa possibilidade para o futuro próximo, no que faz muito bem.

        Com todo respeito, quem não entende nada de categorias, de MMA e da dinâmica do casamento de lutas é você.

        • Pedro Duarte

          Só não concordo com o seu time cara. De resto, perfeito nas palavras rs

  • Filipe

    Depois que o Barão perdeu a cinta e o Cruz se lesionou de novo, a categoria dos Galos ficou mais fraca, mais “parada” por assim dizer.

  • Raphael Seiji

    Primeiramente, falar, até papagaio fala! Além dos argumentos já elencados no texto, creio que TJ só esteja fazendo um estardalhaço — muito pela tal lenda de superlutas no UFC. Dillashaw tem muito serviço a fazer na categoria (e este fardo exige que ele não repita atuações como a contra Joe Soto) antes de planejar desafiar lutadores de outras categorias. Embora eu tenha fica um pouquinho intrigado ao ler que TJ vai bem nos treinos com Money, eu entendo que é melhor ele permanecer onde está!

    • Ramon Reis

      kara, Chad Mendes, o cara mais duro da TAM, segundo o próprio Faber, perdeu quatro rounds para o Aldo, isso apanhando muito, além de ter sentado a bunda na lona umas quatro vezes. Então imagina o que o Scarface Jr. vai fazer com um cara que supostamente vai bem em um treino com o Mendes.

      • Raphael Seiji

        Veja bem, Ramon, fiquei com intrigado pois se (realmente) ele der trabalho pro Chad, ele varre 90% da categoria! Não quis dizer que ele bateria Aldo. Não creio que alguém consiga parar o Aldo nos penas.

        • Bart Simpsons

          Olha só, sabemos bem que treino é treino e luta é luta, esse é um ditado velho. É a mesma coisa que como eu disse em outro comentário, quando BJ Penn veio para o Brasil ajudar no camp de Aldo e Barão p enfrentarem Lamas e Faber, no mesmo card no inicio de 2014, o americano chegou a dar declarações por aí insinuando que Barão fosse melhor do que Aldo. Mas e na realidade, é isso que vemos? Mesmo quando Barão estava na grande fase espancando todo mundo nos galos, ele nunca foi melhor que ALdo, mas pelo visto, nos treinos ele é o cara, pelo menos pelo ponto de vista do BJ.

          • mazzaropi

            Fala pro Bj criar o “Título Mundial de Treino”… Fiquei imaginando agora o Barão levantando um troféu e Aldo chorando de cabeça baixa por que perdeu em um treino… (Meu comentário é apenas um singela piada!)

            Aldo é um dos meus ídolos, apesar de ainda não ter se reinventado (falo isso por que sei que ele tem potencial) e anda lutando para não perder, segue-se pra mim como um dos cara mais duros no MMA… Sempre que duvidam dele ele vai lá e mostra porque é o campeão!

          • Bart Simpsons

            Eu discordo um pouco de quando você diz que ele luta para não perder. Pra mim, Aldo continua lutando pra vencer, não vai mais naquele ímpeto de antigamente, mas isso não quer dizer nada, hoje em dia ele domina muito mais seus adversários. Só pra se ter uma idéia, Chad Mendes, o homem que mais passou perto de vencer Aldo, só conseguiu vencer um round. Não acho que seja para não perder, mais sim com mais segurança, buscando não dar nenhuma chance para que o oponente consiga fazer alguma coisa. Eu vejo dessa forma.

          • Bart Simpsons

            Bj criar o “título mundial de treino” … hsuhaushaushauhsaushaushaushaushaushaus.. ia ser “da hora” o cara ganhar isso aí.

        • will

          Treino tem caneleira, protetor de cabeça, luva grossa, gatorade geladinho… Agora, na luta só têm trevas e sofrimento!

        • Renato Rebelo

          Fala, Raphael, treinar bem não é sinônimo de ir melhor. O Mendes é maior, mais forte e melhor wrestler que o TJ e, mesmo assim, ouvi que não toma prejuízo. O Barão tb treina bem com o Aldo – eu já vi, inclusive-, o que não quer dizer que uma luta entre eles seria igual. Na academia os fatores psicologicos não entram tanto em jogo e raramente os caras vão 100% – para evitar lesões. A hora de se provar é outra.

  • Ramon Reis

    Quando Dominick Cruz, seu virtual desafiante, voltou a fazer o que faz de melhor: LESIONAR-SE.

    KKKKKKK!!!!!!!!! KAGUEEEEEEEEYYYYYYY !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    KKKKKKKKKKK!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  • Bart Simpsons

    Os problemas destacados envolvidos na questão foram perfeitos, principalmente o “José não se chama Renan”. Quando o Barão estava destruindo todo mundo nos galos, começaram a dizer por aí que ele era melhor que Aldo. Até mesmo quando Bj Penn esteve no Brasil ajudando os garotos da Nova União a encarar Faber e Ricardo Lamas, “the prodigy” chegou a fazer comentários insinuando que Barão seria melhor que o nosso campeão dos penas. Sinceramente, não é possível que em sã consciência alguém tenha acreditado que isso fosse fato. Não tem como comparar, o jogo de Aldo com o jogo de Barão é algo que não dá pra comparar.

  • Caio Abreu

    https://www.youtube.com/watch?v=Cntailsaf5. galera foda essa luta não acontecer, essa entrevista tá com uns 2 dias se não me engano, melhoras pro jaca.

  • Jonas Angelo

    Concordo contigo Renatão.

    Sabe aquela história do “falem bem, falem mal, mas falem de mim”? Pois é, acho que é muito mais isso do que qualquer outra coisa. Em tempos em que falar dá direito a grana, pay per view e title shot (não necessariamente nessa ordem), os caras querem mais é usar todo seu arsenal (nada criativo).

    Sobre o Dillashaw: Pau que bate em Barão, não bate em José. Acho que além de se empolgar um pouco nas declarações, ele está se esquecendo que lutas épicas o consolidam mais como lutador, do que falas midíaticas.

    Na linha tênue que divide o entretenimento e o esporte, o delírio e a realidade moram lado a lado, há que se tomar cuidado para não errar o endereço.

    • Vitor Halk

      Esqueceram de falar isso pro Sonnen!!! kkk

  • Tiago Nicolau de Melo

    Renatão e demais colunistas do Sexto: pq ninguém questiona o TJ sobre a luta dele com o Soto, quando ele fala da última luta do Barão? Pra mim parece um questionamento tão óbvio de se fazer de bate-pronto.

    • Renato Rebelo

      Fala, Tiago. É claro que a atuação do TJ não foi exuberante, mas acho que foi muito mais por conservadorismo – medo de dar alguma cagada, talvez- do que por falta de poder de fogo. O Joe Soto já foi campeão do Bellator e do Tachi Palace, tem mais lutas de MMA q o Dillashaw, é melhor wrestler no papel (tb da primeira divisão da NCAA, companheiro do Velásquez em Iowa) e já treinou com o Dillashaw na Alpha Male. Ele ainda estava em forma para estrear no UFC e entrou sem absolutamente nenhuma responsabilidade pra lutar pelo cinto. O TJ tinha muito a perder e pisou no freio a luta td e foi acelerando aos poucos – tanto que nocauteou no quinto round. O Barão contra o Gagnon foi pro pau desde o começo e levou um atraso. Por mais que a luta contra o Soto não tenha sido o dominio que esperávamos do campeão, o TJ não esteve em perigo real.

  • Thiago Arruda

    Pra mim, o melhor a se fazer devido as circunstâncias, era casar TJ Dillashaw vs. John Dodson

    E puta merda Jacaré vs. Romero caiu.

    • Renato Rebelo

      Po, desanimador. Pneumonia maldita!

      • Raphael Seiji

        Entreguem Tim Kennedy ao Yoel pra resolverem a polêmica da última luta ahahahahahaha

        • Renato Rebelo

          Romero x Jaca será remarcado, feroz. Gostaria de passar a limpo a luta com o Kennedy, mas prefiro wrestling versus JJ hehehe

  • William Amaral

    Dillashaw x McGregor já. O Trash Talking dessa luta faria bem aos levinhos.

  • Tj Dillashaw cara de mingau.

  • Malk Suruhito

    Ele tem é que vencer a revanche contra o Dodson antes de querer arrumar graça com o Aldo ou DJ, hahahaha

  • will

    Esse TJ é um asno. Pensa comigo, ele só defendeu o título dele uma vez! Isso significa que ele ainda não ganhou “grana”! Se ele perde pro Aldo(e é certeza que perde) vai voltar pro fim da fila e ficar duro que nem pão de ontem. Devia ser esperto e pedir um “cabeça de bagre”!

    • Thiago Arruda

      Cara, existem pessoas q são movidas pelo desafio e não pelo dinheiro

      • will

        É verdade, mas esse desafio pode esperar. Se ele fizer por merecer essa luta irá acontecer no futuro. Ambos são muito novos.

  • Leo Ferreira

    TJ é aquele garotinho que tirou as rodinhas da bicicleta a dois dias e já está querendo competir no BMMX…

  • Cristiano

    Perfeito, Renato!
    Agora, mudando de saco pra mala: cigano operou o joelho. Minotauro falou a verdade. Cigano lutou lesionado mesmo. Isso explica muita coisa.

  • Gefferson Nesta

    TJ vai tomar um atropelo do barão e voltar pra realidade… barão tava apreensivo na luta assim como qualquer um estaria na posição dele pois tinha muito mais a perder do que ganhar, agora na revanche mão direita e mão esquerda pra tj parar de falar merda!

  • Luiz Henrique

    E aquela foto dos Alpha Males consolando o Mendes
    HAHAHAHAHAHHAA
    Coitado

  • marco antonio

    TJ ta se achando o vingador da Alpha Male,mas acho que nem ele acredita na possibilidade de lutar com o Aldo,e realmente,José não é Renan.

  • Jônatas Freitas

    Da série “subiu no ônibus e já quer sentar na janela” – Isso já resume tudo

  • Jefferson

    Esse comportamento do TJ é pilha fraca. Falou isso apenas pra mexer com o Barão e apimentar a rivalidade com a Nova União, porque ele sabe que o Barão é parada dura pra ele! Com certeza ele venceu bem sua ultima luta contra o Barão, mas ele sabe do potencial do seu oponente e sabe também que pode levar o troco. Não podemos ignorar o risco que é lutar com um ex-campeão da categoria, não é tão simples assim. A luta vai acontecer de novo e acho que dessa vez Barão vai mandar no estilo Muhammad Ali um “I will show you How great I am”.

Tags: ,