Atacando de Joe Silva: lutas a casar pós-FN 52

Renato Rebelo | 22/09/2014 às 00:05

Com o UFC Fight Night 52 nos livros, chegou a hora desse pretensioso jornaleiro que vos fala vestir o chapéu de “matchmaker”.

Mantendo os pés no chão, dispensando confrontos improváveis e ignorando atletas já comprometidos, cheguei aos seguintes casamentos para os principais vencedores:

NUM1Mark Hunt x Andrei Arlovski

No último “Atacando de Joe Silva…” sugeri que o renascido Pitbull acompanhasse atentamente o desenrolar do Fight Night 52. A vitória de Mark Hunt (lembrando que Arlovski e Roy Nelson já se enfrentaram) deixa seu futuro ainda mais límpido. Ou alguém acha que dois famosos nocauteadores no sprint final de suas carreiras não nos entregariam um belíssimo show? Sexto do ranking versus sétimo: entrei dois e sai um. Aliás, aroma de title eliminator no ar…

NUM2Myles Jury x Bobby Green

Chega de enrolação. O nocaute sobre Takanori Gomi na Saitama Super Arena prova que o menino Jury atingiu maturidade necessária para nadar com os tubarões. Que tal, então, seu primeiro teste contra um companheiro de top 10 ser O Rei – homem que descarrilhou Josh Thomson no último UFC on Fox? Lembrando que Green perdeu a vaga no UFC 178 para o recém-contratado Eddie Alvarez (ele era o adversário original de Donald Cerrone) e está desesperado por um par – só na semana passada ele chamou meia divisão pro pau no Twitter. Jury, invicto em 15 lutas, não costuma correr da raia…

NUM3Yoshihiro Akiyama x Mike Pierce

Lesionado por Rousimar Toquinho no final de 2013, Pierce ainda não pisou no octógono em 2014 – e, pelo andar da carruagem, talvez só volte em 2015. Falou em veterano inativo, falou em Sexyama, que interrompeu mais de dois anos de hiato com vitória sobre Amir Sadollah – mas, cá entre nós, não tá bombardeado o telefone do Joe Silva por uma nova data. Aí, é só juntar as duas metades da laranja da laranja quando houver vontade mútua.

NUM4Miesha Tate x Jessica Bate-Estaca

Por que não atender o pedido de Sara McMann – que chamou Tate pra briga ontem mesmo? Ora, não precisamos queimar completamente uma das duas – já tão marcadas pela truculência da campeã Ronda Rousey. Ainda há opções na mesa e ambas, se bem trabalhadas, podem crescer paralelamente na empresa. Portanto, alimentaria Cupcake com a brasileira da PRVT. As moças vêm de boas vitórias, estão contidas no clubinho das 10 mais e são mestras na luta agarrada. A vencedora, inclusive, ficaria muito bem na fita…

Planos para os derrotados Roy Nelson e Takanori Gomi, amigos?

Abraços.

  • Lucas Rezende

    Se Arlovski enfrenta Hunt, Nelson poderia enfrentar Pezão, aí já fecha o quadrado.

    Se o Gomi não se aposentar, o que pode acontecer, ele precisa de um refresco. Alguém fora do top 15 seria uma boa pra deixar o Fireball Kid bonito na foto antes de pendurar as luvas.

    Rodrigo Damm não sofreu nenhuma lesão séria contra Al Iaquinta, podem casá-lo com o japonês.

    • Bart Simpsons

      Eu entendi que você quer dar um refresco para Gomi, para que ele consiga uma vitória antes de se aposentar, mas dar luta contra o Rodrigo Damm aí também já é facilitar demais. Eu não gosto de falar que lutador tal é ruim, eu prefiro falar sobre suas deficiências e tal, mas nesse caso não dá, eu acho Rodrigo Damm muuuito fraco, não sei nem o que ele faz no UFC, e tb não sei nem como um dia ele já conseguiu disputar cinturão do strikeforce.

      • will

        O UFC precisa fazer um limpa no seu cartel. A lista do RH é enorme e tem um monte de brasileiros. O primeiro que precisa ir embora é esse Gomi! Esse cara é uma piada.

        • Luke

          Esse cara é uma piada? Você sabe quem é ele cara? ex-campeão do PRIDE, o BJ do PRIDE, ficou imbatível numa época em que ninguém ganhava 3 seguidas, vai aprender história do MMA antes de falar uma merda dessas!

          • Cristiano Greco

            O cara falou merda, chamou gomi de piada, piada é ele, gomi foi um dos maiores lightweights da historia, ficou dois ou três anos no top #1 mundial, ta maluco quem chama ele de piada, ofensa ao esporte

          • will

            Vocês idolatram esse Pride. Já cansei de falar, era fraco tecnicamente! Reveja as lutas hoje e veja como o nível era fraco.

          • Bart Simpsons

            Sim pow, o nível do UFC hoje é mais alto do que o nivel que o pride foi, no entanto, na época os tops estavam lá. Não me venha com comparações grotescas desses tipo. Se o pride fosse hoje, o nivel dos lutadores seriam mais alto. Se ainda existisse o pride, o nível de hoje seria superior. É a mesma coisa que tem gente que tenta desmerecer caras como royce gracie, randy couture e outros, querendo dizer que se fosse hoje eles não ganhariam nada.. Pow, mas cada época é uma época, é besteira fazer comparação com os atletas do passado, se eles lutassem hoje, poderiam estar no nível dos outros de hoje.
            O pride era fraco pq o esporte evoluiu e o evento nao existe mais, mas na época os tops estavam lá, como eu já disse. Agora você quer desmerecer todo mundo que era do pride? Quer dizer que fedor, cro cop, arona, wanderlei, minotauro, shogun, dan henderson, mark hunt e outros, todos esses são fracos? Nenhum desses merece respeito? Os ídolos do passado merecem muito mais respeito do que alguns caras que hoje em dia querem ser muito tecnicos, mas nao sao campeoes de nada.

          • will

            O que eu quis dizer é que o nível técnico elevado e o maior controle anti-doping do UFC fizeram deste evento melhor que o Pride. Também acho que esses atletas do Pride são bons, mas muitos deles não vingaram no UFC. Eles tiveram a oportunidade e o tempo para isso. Alguns venceram e outros não. São grandes atletas, só não entendo esse fanatismo pelo Pride.

          • Bart Simpsons

            As regras do Pride tornavam o evento muito mais difícil, desde o fato de poder dar o famoso “tiro de meta”, aos pisões, até o maior tempo em um round do que no ufc.
            Então pensemos no contrário, alguns atletas tb foram campeões do ufc e, ao chegar no pride não conseguiram nada.. chuck liddell, vitor belfort, josh barnett, alguns outros por aí que agora não me recordo. Mas tudo bem, cada um tem sua opinião.

        • Bart Simpsons

          Cara, melhor você ver um pouco da história e ver que o Gomi já foi um monstro. Hoje em dia, tudo bem, ele não está nos seus melhores dias, mesmo assim ele não é nenhuma piada. Se você está opinando com base na performance dele contra o Myles Jury, seria melhor você buscar outras fontes e conhecê-lo melhor. O cara que tem 16 anos como profissional, estando sempre nos maiores eventos do mundo, já foi campeão do Pride inclusive, tem que ser respeitado.

          • will

            Eu sei da historia dele no Pride. Mas a mim não impressiona. O Pride não tinha o nível técnico do UFC.

      • Lucas Rezende

        O Damm foi o primeiro leve vindo de derrota que não está machucado ou com luta marcada que me veio à cabeça.
        Acho que seria um bom termômetro para ver aonde ele se encaixa na categoria. Se perder pro Rodrigo, é hora de abandonar a carreira, mesmo.

  • gabri-log

    Analisando a categoria, o Hunt enfleira metade dela e acho que seria interessante ele contra o Mitrione ou Arlovski e sairia vencedor contra os dois

  • Diego Rizzo

    Hunt x Arlovski
    Nelson x Pezão
    Jury x Ben Henderson(gostam???)
    Gomi x Léo Santos (revanche, no ar???)
    Kikuno x Thiago Tavares
    Sexyama x Erick Silva ou Sergio Moraes
    Tate x Bethe

    • Cauã Albuquerque

      Gostei da idéia do Jury vs Henderson.

  • Carlos Montalvão

    – Roy Nelson x Antônio Pezão

    – Miesha Tate x Alexis Davis (Sempre tive curiosidade de ver uma luta entre elas no Strikeforce).

  • Renan Trigueiro

    Hunt x Arlovski seria monstruoso. Acho que o Gordinho afunda o cranio do russo

    • Ailto Genguini

      Eu casaria HunT vs Travis Browne valendo o title shot para o próximo contender depois do Werdum.
      E Arloviski vs Ben Rothwell.
      Q q vc acha Renato?

      • Renato Rebelo

        O Browne já tá casado com o Brendan Schaub. Pessoalmente, acho que faz mais sentido Hunt x Arlovski msm. E Arlovski e Rothwell já lutaram no Affliction (deu Arlovski por KO).

  • Ruan

    Roy Nelson x Pezão (Gostaria de ver ele contra o Napão, mas já tem combate marcado)
    Takanori Gomi x Gray Maynard
    Yoshihiro Akiyama x Santiago Ponzinibbio/Alberto Mina
    Amir Sadollah x Viscardi Andrade/Daniel Sarafian
    Miesha Tate x Bethe Correia (Caminho mais longo pode ter final melhor)

    Obs: Deixaria o Mike Pierce para o vencedor da 11ª do TUF, que não luta desde o ano passado, Court McGee

    • Jonas Angelo

      Miesha X Bethe, gostei dessa ideia.

  • Luiz Guilherme

    Mark Hunt vs. Andrei Arlovski
    Roy Nelson vs. Pezão
    Myles Jury vs. Bobby Green ou TJ Grant
    Takanori Gomi vs. Gray Maynard
    Yoshihiro Akiyama vs. Ben Saunders ou Thiago Alves
    Amir Sadollah vs. Daniel Sarafian ou Ildemar Alcantara
    Kiichi Kunimoto vs. Kenny Robertson
    Richard Walsh vs. Mike Rhodes
    Kyoji Horiguchi vs. Jussier Formiga ou John Moraga
    Jon delos Reyes vs. Shane Howell

    Masanori Kanehara vs. Chris Holdsworth
    Katsunori Kikuno vs. Pepey
    Hyun Gyu Lim vs. Sean Spencer ou Sean Pierson
    Kyung Ho Kang vs. Rani Yahya
    Johnny Case vs. Zhang Lipeng ou Chris Wade
    Maximo Blanco vs. Thiago Tavares

  • Antonio Pedro

    1. Andrei Arlovski x Travis Browne é o mais coerente… Hunt já pode esperar por uma disputa de título digna, porém sei que vai demorar e ele não deve querer esperar… (ou quer?)

    2. Roy Nelson x Pezão BigFoot justo.

    3. Overrem natural x Lesnar natural… kkk!

    • Renato Rebelo

      Browne já tem luta marcada!

  • Bart Simpsons

    eu gostaria de ver hunt vs browne, mas como browne já está com luta marcada contra Brendan Schaub (luta essa que eu achei bem nada a ver), então pode ser mesmo uma luta contra arlovski ou então, eu curtiria também se fosse contra Josh Barnett. Barnett aliá que já está sem luta há tempos, poderia ser o mais indicado.
    Myles Jury vs Bobby Green seria muito louco. Eu apostaria no Jury.
    Akiyama teve um excelente retorno ao cage.
    Miesha vem lutando cada vez pior. Para mim, Tate perdeu para Carmouche, mas tudo bem, deram vitória para ela. Não foi nenhum “garfo”, mas deixou muita margem para os jurados e para o público de casa. Contra Nakai, novamente eu achei que Tate perdeu, ou que pudesse ter sido até empate. Tudo bem que darem a vitória p ela não foi nenhum “garfo” (mas darem os 3 rounds com vitoria dela foi forçar a barra. A japonesa venceu aquele último), mas novamente ela deu muita margem. Bom, o que quero dizer é que, para uma lutadora que um dia disputou o cinturão, que queria tomar o cinturão de Ronda, que até fez uma grande luta e foi a primeira lutadora que não perdeu para a campeã no primeiro round, agora fica lutando desta forma feia e burocrátia, não consegue se impôr de verdade, além de sempre deixar margens sobre sua vitória, a chance dela está se tornando cada vez menor. Para mim, ela não ganha de cat zingano (que agora é quem ela quer enfrentar), e também não ganha da Jéssica.

  • will

    O Takanori Gomi passa no RH e o Nelson passa num SPA!

Tags: ,