Grispi: de promessa do MMA a sociopata condenado

Renato Rebelo | 08/08/2014 às 00:49

O que aconteceu com Josh Grispi?

Pra quem não ligou o nome a pessoa, falo do cidadão que vinha de 14 vitórias em 15 lutas – todas elas no primeiro round- e migrou do WEC pro UFC visto como o homem a bater José Aldo (eles lutariam no co-main event do UFC 125, mas o brasileiro se machucou e Grispi acabou casado com Dustin Poirier).

Eu queria demais essa luta com o José Aldo e estava pronto para lutar. Quando me disseram que ela havia caído, eu achei que fosse brincadeira, que meus treinadores estavam me zuando. Fiquei muito desapontado, mas é assim que o esporte é: lesões acontecem”, disse ao site do UFC em dezembro de 2010.

josh-grispi

Extremamente agressivo, The Fluke (algo como “O Acaso” ou “Golpe de Sorte”) que, a exemplo de Rory MacDonald começou a treinar especificamente para o MMA aos 13 anos, já apresentava taxas de nocautes e finalizações bizarramente altas com apenas 21.

Assim que adentrou o maior evento de MMA do mundo, performances pouco inspiradas e até desleixadas já provavam, em 2011, que seu cérebro, com muita boa vontade, é do tamanho de uma ervilha.

Foram quatro lutas no UFC, quatro derrotas (para Poirier, George Roop, Rani Yahya e Andy Ogle) e a bota de Joe Silva em seu traseiro.

Desmotivado, Grispi abandonou o MMA – e, como dizem por aí, cabeça vazia, oficina do capeta…

Ele é um garoto muito educado, muito espiritual, mas, definitivamente, tem um sério problema de temperamento. Isso sai dentro do cage. É um pouco lugar para ele deixar essa energia”, disse, em entrevista ao Bloody Elbow, Scott Lockhart, treinador do garoto, em 2010.

Pois bem, na última semana, o meliante foi preso duas vezes por atacar a própria esposa – com quem mora junto e tem um filho de três anos e uma filha de um.

Mais um caso de violência doméstica, Renato?

Nem perto disso.

Um policial próximo à situação descreveu o caso como o “pior abuso doméstico já visto na cidade de Middleborough, Massachussets”.

Casado há três anos, Grispi batia na mulher sistematicamente há dois e, recentemente, vinha treinando seu cachorro pitbull para mordê-la assim que a ordem fosse dada.

É melhor você não estar blefando sobre os policiais, porque não estou brincando: você está morta se eu te ver. Literalmente. Vou te espancar e te jogar para o Buddy (nome do cachorro). Você está morta. Vou gostar de te estrangular até a morte”, estava escrito numa mensagem enviada de Josh para Kaitlyn Grispi no período entre a primeira e a segunda prisão.

Segundo o jornal Taunton Daily Gazette, na sequência, Kaitlyn foi “mastigada” e está internada no hospital da cidade com ferimentos muito sérios.

Em sua casa, foram encontradas, ainda, grande quantidade de armas, munição, cocaína e pés de maconha.

Sem direito a fiança, ele agora responderá por nove infrações e deve pegar pena bem longa – lembrando que, por lá, o cerol é fino.

Antes que botem mais essa na conta do MMA, não esqueçamos que goleiro de time popular já deu sumiço em gente, estrela do futebol americano carrega lista criminal mais longa que a Muralha da China, bodybuilder matou a noiva e a sogra dentro de uma loja de roupas, skatista promissor servirá 31 anos por estupro e assassinato, ator Global matou colega de novela a tesouradas…

A crueldade é um dos prazeres mais antigos da espécie humana”, Friedrich Nietzsche.

Infelizmente…

Abraços.

  • Lucas Rezende

    Tenho certeza que o Josh se achava o próximo Jon Jones e permitiu que o sucesso lhe subisse à cabeça com tudo que diziam sobre o seu potencial.

    Quando o cara se viu perdendo as suas quatro lutas dentro do UFC para nomes como Andy Ogle e George Roop, somente para depois ser demitido, isso afetou a mente dele e o maluco descontava toda a frustração na esposa da pior maneira imaginável.

    Quase dá pra comparar com o Joe Son, o maluco que perdeu pro Keith Hackney no UFC 4 e depois foi preso por estupro e tortura de. Depois ainda matou um companheiro de cela e pegou prisão perpétua sem direito de parolar.

  • Mikeias Filipe

    No GE já li comentários do tipo “só podia ser lutador”. Se for seguir a linha de raciocínio dessas pessoas, o futebol tem que parar imediatamente (aproveito e mando um salve pra turma do mau, Bruno, Edmundo, Romário..) e até mesmo as paraolimpíadas ( Helo Pistorius, como vai?).

    • Fabricio Alves

      Romario?

      • Mikeias Filipe

        Já viu o vídeo do Romário agredindo violentamente um torcedor nas laranjeiras? Imagina o que não diriam se fosse um lutador?

        • Fabricio Alves

          aquele torcedor tava provocando o Romario. Levou ate uma galinha no treino pra provocar os jogadores. Tava pedindo! Não da pra comparar com o Edmundo que matou tres pessoas na estrada e com o Bruno. Calma brother.

  • Leo Ferreira

    As pessoas tendem a maximizar seus problemas a um nível que torna impossível uma solução rápida e indolor.. Se o cara ta de saco cheio da mulher, pq não separa? Mas não, o cara acha que vai dar a mulher pro cachorro comer e fica tudo bem.. Isso ai é criança que tocava o terror em casa, na rua e os pais ao invés de darem uma surra no muleque e por de castigo pra aprender a lição, compra um video game novo pro capiroto parar de encher o saco. Pobre alma, vai ter muito tempo pra ficar pensando na merda que fez…

Tags: