Será que Kelvin "Safadão"
ganha a torcida de Belfort?

Lucas Rezende | 23/01/2017 às 14:02

Um fenômeno atingiu a capital cearense na última semana. Canalizado por um agente de 1,75 m de altura e mais ou menos 84kg. Trata-se da curta, mas inesquecível visita do campeão do TUF 17, Kelvin Gastelum, à Fortaleza.

Brasileiros invadem Insta de Gastelum

Por vezes tímido durante o programa, Kelvin sempre deixou que suas ações dentro do cage escolhessem as palavras por ele. Foi assim que chegou ao topo dos meio-médios e é assim que rapidamente escala o ranking dos médios, também. Salvo um ou outro deslize com a balança.

O fato é que se qualquer pessoa perguntasse, principalmente a um fã brasileiro, qual a opinião sobre a personalidade de Kelvin Gastelum, a resposta provavelmente seria um categórico “sei lá”.

Mas ao menos em Fortaleza, após essa semana que se passou, creio ser seguro dizer que Kelvin causou uma impressão. E das boas.

Esbanjando simpatia por onde passou, cantando Wesley Safadão e aparecendo no jornal televisivo da cidade, o garoto ganhou uma penca de seguidores e admiradores. Ora, o Instagram de Gastelum está sitiado por brasileiros, um fenômeno que, diferente deste, conhecemos bem demais.

Um vídeo publicado por ufc (@ufc) em

Tanto é que nem parece que o rapaz fez essa longa viagem até o Brasil para promover seu combate contra ninguém menos que Vitor Belfort, que acredito ser o maior nome do MMA nacional para os menos entusiastas.

Tudo bem, hoje em dia José Aldo e Anderson Silva parecem ter alcançado o mesmo patamar, mas Belfort por anos fora a única referência de que esse esporte existia, no Brasil. Talvez graças à Casa dos Artistas, vai saber.

Em todo caso, apesar da familiaridade com o nome, engrandecida por ser técnico da primeira temporada do TUF Brasil, além de ter estrelado em seis cards brasileiros entre 2012 e 2016, pode ser que o sétimo marque a primeira vez em que a torcida não esteja ao lado deste que é ironicamente conhecido como o “Fenômeno”, também.

Belfort não terá a torcida 100% ao seu favor?

Essa parece ser a palavra-chave do texto de hoje.

Talvez seja a assertividade com que Vitor responde às perguntas em suas entrevistas, as frases de efeito, a eterna pregação religiosa e um ou outro contratempo envolvendo doping, alguns simplesmente não vão com a cara de Belfort, embora eu creia que esta seja uma minoria mais aprofundada nos acontecimentos diários do esporte.

Para o fã médio, no entanto, tudo se reduz a um fator. Vitórias. E por mais que as três últimas derrotas de Vitor tenham sido para Gegard Mousasi, Ronaldo Souza e Chris Weidman, vencendo apenas Dan Henderson em três anos, é apenas o resultado que interessa para o torcedor.

Torcedor brasileiro só se interessa em quem está vencendo, e no momento, Vitor está em débito com essa turma.

Do outro lado, temos Gastelum cantando forró, curtindo Fortaleza como um nativo e ganhando cada mais o coração dos cearenses.

Ronda “roubou” os fãs de Bethe no Rio

Talvez seja impressão minha, já que estou a milhares de quilômetros de distância, acompanhando através da tela do meu computador, mas talvez presenciemos o mesmo que aconteceu com Ronda Rousey, quando esta veio ao Rio de Janeiro, para defender seu título contra Bethe Correia, no UFC 190.

Claro, o carisma e a popularidade da então campeã eram estratosféricos, e Bethe fez o possível para cometer suicídio social, mas dadas as devidas proporções, acredito que estejamos próximos de ver a história se repetir, agora que ao menos temos certeza de que uma virada como essa é capaz de acontecer até mesmo no Brasil.

E aí, o que vale mais no dia 11 de março? Ganhar a simpatia da galera ou a fidelidade, que muitos enxergam como obrigação, de torcer para sua bandeira?

  • Thiago de Carvalho

    Acho que a torcida pode ficar do lado do KG, mas na primeira investida do Belfort (se tiver né), a galera já vai mudar de lado e ficar doida.

    • Matheus V.

      É bom que fiquem mesmo, pois não deve ser mais de uma investida rs

      • Bolsomito2019

        infelizmente

      • Carlos Montalvão

        Single Leg + meia guarda (não precisa ser nem montada) e o Belfa já chama a mãe

      • Dow Jones

        Kkkkk

    • Também acho.

    • Heitor Pants

      acho que vai ser por ai

  • Luiz Guilherme Volpato

    Uma simpatia legitima, sem querer parecer o que não é (um falso culto, intelectual, pastor, pregador etc…) é com isso que KG ganhou tantos admiradores no Brasil. Diferente de Belfort que embora tenha um cartel sólido, carreira digna, um dos maiores nomes do MMA no país, não consegue muitos fãs (fora do publico médio como citado na matéria). Todos reconhecemos quando uma grande estrela está em rota de aposentadoria, mas continuamos a torcer para ele se ainda estiver engrossando o caldo (vide a recém aposentadoria de Hendo). Belfort está pedindo nomes de peso o que é muito digno de respeito. O problema dele ao meu entender são as entrevistas! Ele justifica coisas como: “é o cabelo moicano que tem que voltar, é a fome de vitórias, é a falta de agressividade, é o cabelo com cruz ao lado, voltei a ser ogro e tirar meleca…” As declarações são desastrosas e faz com que aqueles que acompanham realmente o esporte desgostem do atleta. Dentro do ringue ele também segue em baixa com apenas uma vitória pós TRT (1-3), contra o já mencionado senhor Hendo, hoje aposentado.
    Belfort caminha a passos largos para o hall da fama. Infelizmente o segundo (ou terceiro, se contarmos o GP) cinturão não virá. Uma pena para os torcedores mais fervorosos, mas que em nada diminui o valor ou o legado de Vitor. Que durante toda a carreira não contratou um assessor de imprensa que o mantivesse de boca fechada e então agora na reta final, muito provavelmente não o fará.
    Enfim:
    Continuará a pedir nomes cascudos até se aposentar como um leão, e falando asneiras como um bobão.

    • Bolsomito2019

      hahaha Vc escrevendo lembra muito aqueles lutadores que de início elogiam o adversário, mas logo em seguida, na mesma entrevista, mistura tudo, e no desfecho se contradiz xingando o cara a torto e a direito.

    • IMPERADOR

      O que o Vitor deveria falar?

  • Adriana Soares

    Ele tem uma peguete brasileira, por isso que fala bem português. Sentei ao lado dele no UFC 198. Ele é um amor e um gato (suspiros). Não conversei mais com ele porque a loira peituda estava com ciúmes e pediu pra ele sentar longe de mim e da minha irmã.

    • André Marques Storte

      Relaxa , e tenta de novo, ele disse que ta namorando todo mundo Kkkkkkk

      • Hyuriel Constantino

        kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk…

      • Jefferson Rosa

        Kkkkk….

  • Nelson Lavenère-Wanderley

    Não da p/ negar o talento e a carreira fenomenal do Vitor, mas ele nunca foi opção de torcida para mim. KG all the way.

  • Alexandre Silva

    Cara ele foi o melhor de todos os tempos no UFC,agora no MMA tem muitos o Wand por exemplo eu descobri o vale tudo/MMA pelo Wand pelo Pelé landy,fui saber que existia esse escroto ai do Belfort na Casa dos artistas.

  • Tiago Nicolau de Melo

    Gastelum leva a torcida e Vitor a luta, IMO.

  • Lorenzo Fertitta

    Acho que antes da luta o Gastelum terá uns 30% da torcida, o que se tratando de um estrangeiro no Brasil (contra um brasileiro) já é muito. De resto, tudo depende do desenrolar da luta.
    Ano passado o Vitor teve o desgosto de lutar com torcida contra. Tanto na pesagem quanto na luta, a torcida na Arena em Curitiba era amplamente pró-Jacaré (em torno de 70%).
    Não me recordo se a Bethe chegou a ser tão vaiada quanto ele e se a Ronda tinha a maioria da torcida a seu favor no RJ.

    • Carlos Montalvão

      Torci pro Jaca, vi o treino aberto e cantei a bola de que ele ia levar uma surra, tava muito devagar, na luta fiz o gesto de Jacaré com geral, mas achei uma babaquice vaiar o Belfort

    • Igor Martins

      em curitiba era óbvio que seria vaiado, cidade de wanderlei silva, anderson silva…

      • IMPERADOR

        E por ai…

  • Heitor Pants

    minha torcida é pro VB, nunca liguei pro que ele fala fora do cage, KG é simpático, mas sua carreira no MMA ainda tem muita água pra rolar, mesmo achando difícil o VB ganhar, a torcida vai pra ele, e tbm torço pra que se aposente logo kkkkkkkk ja deu.

  • Lorenzo Freitas

    Quero ver a torcida em Fortaleza gritando “Vai safadao” hnaeba

    • André Marques Storte

      kkkkkkkkkk Imagina

  • Mateus Elias

    No UFC Ronda vs Bethe, um dos foristas daqui, se não me engano, falou que apesar dessa vibe(Ronda “brasileira”) a maioria dos torcedores na arena deram suporte para a Bethe. Enfim, eu assisti pelo canal combate e fiquei com a impressão que o pessoal vibrou, e muito com a vitória da Ronda. Acho que será assim, a maioria torcida vai com o Vítor durante a luta, e se o KG vencer, por toda a simpatia que ele demonstrou aqui, será devidamente aplaudido

    • Carlos Montalvão

      O cara quando tenta falar português e faz gracinha (saudável) geralmente ganha a torcida mesmo. Mas não dá pra contar com isso, caso seja “apenas” vitória, torci pro Werdum, estava lá no UFC 198 e uns 60% vaiaram o Miocic após vitória, desconsiderando o desempenho perfeito (eu fui um dos que aplaudiu de pé, embora tivesse torcido conta, reconheci a legitimidade).

    • KRS Porlaneff

      Quem falou isso, inclusive em resposta a “muá”, foi um dos colunistas. Não lembro agora qual, mas acho que foi o João Vitor Xavier.

  • Tiago Nicolau de Melo

    Kelvin devia pedir pro Buffer anuncaiar ele como Kelvin “Shafadaô” Gastelum, aí teria 90% da torcida.

    • Heitor Pants

      UAHuiHAUIhUIAHuiHAiuHAIUhUIA ai seria com certeza a melhor estratégia pra ganhar a torcida

    • Carlos Montalvão

      “Sáfádown”

      • Bolsomito2019

        kkkkk

    • Wellington Fonseca

      99%, não? kkkkk

  • Idonaldo Gomes Assis Filho

    Tudo bem que tem toda a fala “o fenômeno voltou, o fogo apareceu” mas as últimas atuações não me fazem apostar no Vitor nem contra o Uriah Hall… desculpe o pessimismo mas acho que vai ser triste esse main event, enfim ao menos ele não tá perdendo pra algum mala, provavelmente se o Kelvin vencer vai ter uma postura como o Cormier teve com o Anderson no fim da luta, o ME moral do UFC Fortaleza é Barboza x Dariush hehe

    • Hyuriel Constantino

      Barboza x Dariush vai sair faísca.

  • Carlos Montalvão

    Torço pelo Gastelum, quem acompanha o Ultimate Insider do UFC no Combate, já conhece essa personalidade gente boa e a carisma do cara. Além de viver um belo momento no esporte, surrando Johny Hendricks e Tim Kennedy. Belfort sempre foi um chato com esse “discurso evangélico” dele, apesar de bons momentos IN FIGHT e em algumas declarações felizes também. Nada contra o Pastor, gosto dele como lutador, mas, o outro ganhou mais minha simpatia pra essa luta. #hetero

  • Bruno Rodrigues Caldeira

    Vitor Belfort tem muitos haters , mas n creio q durante a luta a torcida vai ficar contra ele , acho q se fosse outro brasileiro tudo bem
    .

  • Ícaro Nogueira

    O Kelvim Gastelum é um cara descontraído, mesmo. Tanto que já participou várias vezes do programa americano, que passa no Combate, UFC Now. Ele sempre está bem descontraído. Eu conheci ele pelo programa, nem sabia que era lutador, ele é bem de boa, mesmo, parece ser uma pessoa simples.

  • Saulo Henrique

    Fala galera. Tranquilo? Lembro da pesagem do ufc 198, o Vitor foi vaiado como um estrangeiro. É difícil prever, mas nem acho que só vitórias seja um efeito. Vitor se queimou demais nos últimos anos. E acho que o mini velasquez vai fazer o básico: botar pra baixo, Gnp e tko.

  • Negreiros

    eu não consigo torcer para Belfort.

  • Hyuriel Constantino

    O cúmulo vai ser se Kelvin fizer o Belfort se sentir como foi perante o Jaca (tanto na pesagem, quanto na luta)…

  • IMPERADOR

    Bom texto esse.
    Duas reflexões:
    1. Acho sinal de maturidade, dos torcedores brasileiros, quando apoiam um lutador estrangeiro. Isso e esporte e cada um se identifica com quem bem entende que deve e torce por quem quer.
    2. Apesar do que disse acima, a relação dos torcedores do nosso pais com nossos expoentes do esporte e nada madura. Caso não seja, incontestavelmente, o melhor e não esteja no auge da forma o atleta e soterrado por uma avalanche de criticas sombrias e cruéis, inclusive supondo que os bons tempos e resultados foram conseguidos injustamente, por armações ou não foram merecidos.
    Torco por Vitor Belfort.

Tags: , ,