Por que Faber é mais bem pago que Barão?

Renato Rebelo | 02/05/2014 às 21:42

Vira e mexe, o Sexto Round me obriga a adotar estâncias impopulares para que o papo entre nós siga retilíneo.

Vale lembrar que a filosofia rodrigueana da vida como ela é jamais fora negligenciada por aqui.

Pois bem.

Semana passada, o campeão peso-galo do UFC, Renan Barão, mandou no UOL Esporte:

Eu sou muito feliz por ser um campeão do UFC, mas eu gostaria de melhorar o meu contrato.

Ora, bolas, Renato, que mal há no fato do terceiro melhor lutador peso por peso do mundo, invicto há 32 lutas, pedir publicamente um cascalho extra?

Obviamente, nenhum. A problemática encontra-se sequência do raciocínio:

Eu sei que o Faber está no UFC há mais tempo, mas ele não é nem o campeão e tem uma bolsa muito melhor do que a minha…

Dana White logo vestiu o boné de patrão e se manifestou:

Prefiro não responder a estas coisas sem falar diretamente com ele, porque não sei o contexto da declaração, temos a barreira da língua, que torna as coisas mais complicadas. O que eu posso dizer é que sempre falamos bem dele. Estamos em um processo de construção da sua imagem agora que ele é um grande campeão… Mas ele não é uma estrela ainda… Espero que não seja esse o caminho que tomaremos com Barão daqui para frente.

O potiguar que, convenhamos, não precisa desse tipo de encrenca a essa altura do campeonato – e é, legitimamente, um rapaz conciliador- , tratou de botar tudo em pratos limpos:

Não falei nesse contexto. Não tentei dizer que estava insatisfeito com quanto eu ganho e que queria renegociar o meu contrato. Eu acabei de assinar um contrato e não preciso pedir outro. Quando me perguntam sobre minha bolsa, sempre digo: sempre tem como melhorar. Se o Faber ganha mais ou menos que eu, esse não é meu problema – disse ao Combate.com. 

Amigos, vamos entender, de uma vez por todas, o simples conceito de oferta e demanda?

Salários não são mensurados por número de vitórias e sim pela quantidade de bundas que são postas em cadeiras e sofás!

Olhemos, por exemplo, a lista dos 10 melhores pesos-pesados de todos os tempos preparada pela conceituadíssima “Sports Illustrated”:

TRIO

Trio considerado mais técnico que Tyson. Conhecem?

1- Muhammad Ali
2- Joe Louis
3- Sonny Liston
4- Larry Holmes
5- Jack Johnson
6- Jack Dempsey
7- George Foreman
8- Joe Frazier
9- Rocky Marciano
10- Lennox Lewis

Cadê Mike Tyson e Evander Holyfield – responsáveis por cinco dos oito maiores pay-per-views da história do boxe?

A real é que o “Homem de Ferro” e o “Real Deal” raramente figuram em rankings técnicos – mesmo sabendo que, com exceção do menino negro de Louisville, Kentucky, nenhum outro pugilista atraiu tanta atenção para a nobre arte quanto esses dois.

floyd-mayweather_justin-bieber_lil-wayne_50cent_the-jasmine-brand

Será que Bieber, Lil Wayne e 50 Cent conhecem o “shoulder roll”?

Há também o caso de Floyd Mayweather Jr..

Enquanto atendia pelo apelido “Pretty Boy” (menino bonito – em alusão ao fato dele nunca sair machucado das lutas, graças à sua defesa impregnável), Floyd não deslanchava.

Foi só quando incorporou a persona do “Money Mayweather” e passou a propagar estilo de vida pra lá de extravagante que o mundo quis consumi-lo.

Ou seja, o boxer pragmático e defensivo é o mesmo, só mudou a roupagem…

Não há receita de bolo para o sucesso.

Faber é um garoto californiano bonzinho, comunicativo e de fácil trato, mas também já vimos provocadores natos, esquisitões introspectivos, entre outros perfis anormais, caírem no gosto da platéia.

Fato 1: no UFC, Jon Fitch (14v e 3d) recebeu a bota e Wanderlei Silva (4v e 6d) segue prestigiado, comandando reality shows e estrelando eventos.

Fato 2: Conor McGregor já embolsa mais do que 99% dos atletas à sua frente na categoria até 66kg.

Fato 3: Chael Sonnen e Nick Diaz lutaram por cinturões vindos de derrotas

Fato 4: sem saber o significado de “double leg”, James Toney recebeu 500 mil dólares pra lutar MMA.

Sempre digo que fazer vista grossa pros anseios do grande público – ou seja, deixar de lado o aspecto promocional da coisa- é rasgar nota de 100.

Lembrem-se: fãs adoentados, como nós, apreciam detalhes técnicos, mas a boiada que financia o MMA jamais vestiu um quimono.

Gostemos ou não, é assim que a banda toca: um rapaz subjuga o outro duas vezes e, mesmo assim, é menos abonado.

Obs: pra quem interessar possa, seguem os links dos episódios 1, 2 e 3 do “All Access” gravado para Mayweather x Maidama – que rola nesse sábado.

Abraços.

  • Tiago Nicolau de Melo

    Ótimo texto. Só não dá pra dizer que foi “curto e grosso” pq tu sempre é polido com as palavras.

  • William Amaral

    Excelente post para debate. O Mcgregor é um caso ainda mais incrível. O cara não tem passado nenhum, não venceu nenhum grande lutador(nem perto disso), foi finalizado duas vezes na carreira e já fará ME. Ah, e passando por mais um mediano, não duvido que já seja colocado contra um top 5.

  • Gustavo Trigueiro

    Isso demonstra claramente a preocupação do UFC com o aspecto de business e entretenimento do mma, do que com a característica esportiva, propriamente dita. Um lutador q defendeu duas vezes o cinturão interino e já como campeão linear ganhar menos q seu oponente, não me parece justo. Por tal motivo tb, Dana White protela tanto um combate entre Cris Cyborg x Ronda, pois ele sabe do risco q corre de perder sua musa de ouro, em detrimento de uma lutadora melhor e mais técnica, mas q não teria o glamour e o marketing q Ronda tem.
    Entre o business e uma boa luta, o UFC privilegia a primeira opção.

    • Marcelo Siedler

      E tá errado ? O ufc como todos os outros eventos eh privado e visa o lucro. E não vou negar. Gosto de uma luta técnica mas a revanche do as contra o sonnen foi demais e todo mundo, ou quase, gosta de acompanhar uma luta com rivalidade

      • zagolee

        Não há problemas com isso Marcelo. Para os fãs mais “rardicor” sabem que por questão de justiça outros ótimos lutadores perdem a chance simplesmente por causa da imagem. (Quem não é visto não é lembrado!)

        A rivalidade nas lutas é algo que eu gosto também, mas a pergunta ainda fica: Torce para o gladiador ou para o leão? (risos)

      • Gustavo Trigueiro

        Poderia conciliar as duas coisas: o business com lutas técnicas. Veja o caso de Sonnen x Jones. Limitou-se a business. Foi uma luta ridícula. Não haveria a menor chance do gângster ganhar. Em contrapartida, os fãs do mundo todo querem ver Cris x Ronda, mas não vai acontecer nunca, pois pra o business é melhor a mal educada e insuportável Ronda permanecer como campeã.

  • zagolee

    1. Se a equipe do Barão for esperta apenas comece uma converse com o Bellator e toque de vez na ferida do UFC, imagina um campeão sair da categoria e ir pra outro evento? Seria o máximo pro Bellator e garanto que eles cobririam a oferta… (O Barão tem que se preocupar com sua imagem, pois está claro que o UFC valoriza apenas quem eles querem…)

    2. Tyson e Hollyfield travaram dois combates épicos! (Tyson é o maior nocauteador da história e Hollyfield o cara que parou Tyson!) (Buster Douglas chora… kkk!)

    O Rocky Marciano é considerado por muitos o mais técnico da história! (Mas tenho que ver mais lutas dele pra dizer isto… kkk!)

    3. Fitch parou também o fenômeno capixaba e sua demissão me deixou mais puto ainda.

    4. Wanderlei Silva ganhando ou perdendo vende garrafas… kkk! (feat Carlson)

    5. MacGregor é garoto propaganda para a Europa… Dai Hardy entra MacGregor!

    5. Sonnem e Diaz fazem perfeitamente o papel de vilões (eu não gosto disso), pode até ser uma representação, mas deveriam se preocupar em ganhar as lutas e falar menos!

    6. Luthor queria puxar sardinha do boxe pro mma, pra quem não lembra desta época ele trocava farpas com o dirigente do boxe, casou a luta do Couture e Toney e pudemos ver umas das lutas mais freaks e bizarras que o esporte pode realizar…

    Excelente texto.

    • zagolee

      Lembram da luta entre o Couture x Fedor onde o UFC teve que usar todas as suas forças para que não acontecesse?

    • Gustavo Trigueiro

      Zagolee, com relação a Tyson ter sido o maior nocauteador da história, vc se refere ao peso pesado, né? Porque em outras categorias, até Popó conseguiu mais nocautes do q ele.

      • zagolee

        Não Gustavão. Na minha opinião ele foi o maior de todos os tempos no boxe!
        Mas claro que é apenas uma humilde opinião!

        • Gustavo Trigueiro

          Ah tá entendi. Vc não se refere ao número de nocautes, mas sim, em termos de boxeador.
          Realmente, era uma imensa satisfação ver Tyson lutar. E os treinos, então, espetaculares.

  • Francis Couto Falbo

    A verdade é essa mesmo justa ou nao

  • David Carvalho Crosariol

    Por que Faber é mais bem pago que Barão?

    Simples: Apanhar dói..rsrsrs

Tags: ,