Obsessão (por McGregor) pode
levar José Aldo a fazer história

João Vitor Xavier | 21/12/2016 às 15:20

Sei que em minha última coluna, fiz uma crítica ao jeito como José Aldo se colocou diante da imprensa, ao diminuir os feitos de Max Holloway.

A vontade de estar cara a cara com o algoz

A vontade de estar cara a cara com o algoz

Mas isso precisa ser revisto, já que em uma incrível entrevista ao “MMA Fighting”, o brasileiro se recolocou de forma impecável.

E ainda mostrou sua coragem, ao revelar que está negociando uma luta pelo título interino dos leves. Tudo em nome de uma revanche contra Conor McGregor.

Obsessão sadia, que pode levá-lo a fazer história.

Isso porque se Aldo cai de paraquedas em uma disputa de cinturão dos leves, mesmo que pelo título interino, e ganha, ele se iguala, de certa forma, ao próprio Conor, como campeão de duas categorias ao mesmo tempo.

E aí realmente se torna um dos maiores de todos os tempos, independente da categoria (para mim, é o melhor pena de todos, independente do revés para o irlandês). E ainda obrigado o irlandês a encará-lo.

A luta no Brooklyn não vai mais acontecer. Agora, espero e acredito que vou lutar no começo de março. Três ou quatro de março, não lembro. Acredito que eles anunciarão em breve uma luta pelo cinturão interino dos leves comigo. Eles estão tentando achar um oponente e – surpresa, surpresa -, pelo menos um já se recusou a lutar comigo. Não vou dizer quem (recusou a luta) porque é uma surpresa. É um cara que nunca esperávamos que fosse recusar que recusou – porque seu pai não achou uma boa ideia. Estou cansado de pessoas que recusam lutas. Quero botar uma pressão para eles aceitarem a luta”, comentou Aldo ao MMA Fighting.

Interessante notar também que é bastante provável que o atleta que tenha recusado a luta com Aldo seja Khabib Nurmagomedov, invicto, com 24 vitórias e um dos jogos mais sufocantes de wrestling peso por peso.

Khabib: um filme de terror logístico

Khabib: um filme de terror logístico

Ou seja, não seria tarefa nada fácil para o brasileiro que, mesmo com uma das melhores defesas de queda do MMA, perderia muito em tamanho contra Nurma. Isso mostra o respeito que Aldo tem no meio da luta.

Ok, esportivamente não faz sentido nenhum. Seria ignorar Tony Ferguson, e até nomes como Edson Barboza, que poderia substituir El Cucuy na luta pela cinta interina. Isso sem contar com Max Holloway, que pode sofrer o mesmo problema de Cris Cyborg – recusar uma luta (curiosamente para o mesmo evento – UFC 208) e ver o bonde passar.

Porém, para José Aldo isso pouco importa – e não deveria importar mesmo. Ele já foi vítima dessa roda e agora pode ter a oportunidade de fazer história. É dizer sim sem fechar os olhos – ou alguém diminui a grandeza do brasileiro em caso de derrota para Khabib?

Si, se puede?

Si, se puede?

Voltando ao teor da entrevista por um momento, fiquei bastante feliz com o jeito como Aldo se portou diante das duras perguntas do jornalista Ariel Helwani.

Não fugiu de nada, mostrou maturidade, algo que não havia feito há duas semanas, quando falou de Holloway. Desta vez, manteve o tom acima, mas como um campeão. Admitiu até ter ficado desmotivado e confirmou que a intenção de se aposentar precocemente era séria.

Que esse Aldo seja a regra a partir de agora. O coração do fã fica mais calmo fora do octógono e acelera ainda mais quando ele estiver em ação, do jeito que deve ser.

Afinal, Aldo x Khabib seria uma luta épica.

  • Bruno Goes

    Pelo que o Khabib colocou no Twitter, a história do Aldo procede. Achei excelente a nova postura do brasileiro. É dessa forma que ele vai conseguir o que deseja, não com essas aposentadorias bizarras de 2 semanas. E querendo ou não, ficou meio feio pro russo, e pro Holloway. Enquanto o cara que mais tem a perder tá topando qualquer desafio, os dois que falam isso e aquilo, ficam cheios de não me toque.

  • Luis Coppola

    Bom saber que o Aldo está com vontade de lutar o mais rápido possível. Conquistando o cinturão dos leves ele se consagra como um dos maiores de todos os tempos e provavelmente o mair brasileiro.
    – Aldo x Khabib ou Ferguson
    – Overeem x Hunt II
    – Demetrious x Benavidez III
    – Nick Diaz e/ou Nate no card do 209, pode pintar um card espetacular em março..

    • João Vitor Xavier

      Tá aí uma boa enquete…se o Aldo de repente ganha o cinto interino dos leves enquanto mantém o linear dos penas, se torna o maior brasileiro de todos os tempos? Pelo menos em conquistas, tendo a crer que sim…mas preciso pensar, rs!

      • Luis Coppola

        hehe
        Pra mim sim, acho os adversário que o Aldo enfrentou de melhor nível que o spider pegou!

  • Thiago Arruda

    Eu ainda acho que “Aldo vs McGregor” vai se tornar algo como “Velasquez vs. Dos Santos” e, até, “Ali vs Frazier”. Tomara que Aldo ganhe numa eventual revanche, e que uma trilogia épica seja feita.

    • RWillians

      Não acho Velasquez vs. Dos Santos seja algo tão grande assim.

      • Thiago Arruda

        É uma trilogia emblemática no UFC. Aldo vs McGregor, se fizerem uma trilogia, tem tudo pra se tornar maior que Velasquez vs Dos Santos

        • RWillians

          Qualquer trilogia do UFC bem disputada é maior que Velasquez vs Dos Santos. Não acho emblemática uma trilogia em que um lutador toma duas surras.

          • Baixista Loko

            Surras? Tá louco? Aquilo foi massacre , se não me engano são as duas lutas com maior quantidade golpes conectados, aquela luta provou que o Cigano tem um queixo bem duro

      • João Vitor Xavier

        Sou obrigado a concordar com o amigo Thiago Arruda. Na época, pensava-se assim, mas hoje, em retrospecto, e depois de tudo que sabemos sobre os pesos pesados não é bem assim. A expectativa é que Cigano e Cain ficassem trocando de cinturão a todo momento, mas surgiu um certo Werdum e agora um certo Miocic pra estragar a festa rs

        • RWillians

          Mas se vc pensar bem, “na época” pensava-se assim, eu tb pensava, mas infelizmente não aconteceu. O que acabou com td isso foram as duas surras que o Cigano tomou, se tivesse sido derrotas em lutas disputadas, ok, mas não foram. Cigano e Velasquez com certeza eram os melhores naquela época, há anos luz do terceiro colocado, e talvez até hj ainda sejam os melhores, mas aquelas derrotas quebraram Cigano, assim como as contusões, o Velasquez. Essa trilogia ficou no passado, e acredito que se a alma do cgano não tivesse sido tomada, ainda poderíamos estar falando dos duelos dos dois até hj.

          • João Vitor Xavier

            Cara, quis dizer que concordava contigo! Hahaha, me confundi

          • RWillians

            kkkk… então tá bom!!!… hahah

  • Idonaldo Gomes Assis Filho

    Será que veremos Aldo x Ferguson em breve? Já que os outros 2 elementos recusaram as lutas…

  • Paulo Souza

    se o nurmagomedov recusar a lutar com aldo pelo cinturão interino ele perde a oportunidade de disputar o cinturão com conor. Ele não perderia esta oportunidade, talvez esta história esteja mau contada, quer dizer: talvez as coisas não sejam da maneira que estão sendo colocadas

  • Carlos André

    Essa postura eleva muito o que se espera de um campeão. Se é pra lutar e ter motivação que seja assim propondo desafios reais a si mesmo e a seus adversários. Que venha a luta pelo cinturão interino dos leves ou, caso os adversário se esquivem, tire Nate pra dançar no 209. Estarei a postos com as geladas na primeira fila.

    • João Vitor Xavier

      Ele já flerta com o peso leve há tempos. Agora é a hora!

      • Carlos André

        Oportunidade única.

  • Denilson Bezerra

    Que bom que o Machucamedov recusou!!

  • Daniel Piva

    Para mim seria muito mais interessante ver:

    – Aldo vs Halloway – unificação dos penas
    – Khabib vs Ferguson – interino dos leves

    E, se o Aldo vencer, ele ser o desafiante do cinturão dos leves contra o campeão interino. A principal crítica ao Conor não era travar a categoria dos penas? Pois bem, ela segue…

    • THIAGOD

      Era e é né? Porém, não foi o Aldo que não vai se apresentar na luta e sim o Holloway. Se for o que entendi, luta pelo interino (se vencer), defende no penas (contra o Holloway) e aguarda a boa vontade do Conor, cercando assim as opções dele se não for insistir no Woodley.

      • Daniel Piva

        Fala, Thiago! Beleza?

        Entendi assim também. Mas não acha que, com todas essas regalias dadas ao irlandês, a luta do momento nos leves é entre Khabib vs Ferguson? Precisa altera-la só porque o Holloway não pode lutar em Fevereiro/março? Não é melhor adiar a disputa nos penas para abril ou maio e colocar o Aldo, caso vença o Holloway, contra o vencedor? Do jeito que está sendo a única diferença é o nome dos beneficiados e dos passados para atrás.

        Abraço

        • THIAGOD

          Com certeza é. Cara são duas coisas que não consigo entender.
          1-Como essa lesão dele não foi falada pós luta, sempre tem as suspensões depois dos exames (na comemoração no Havaí estava tudo bem?) e esse orelhudo falando um monte sem estar podendo lutar.
          2-não terem marcado ainda a luta do Fergunson x Kabib.

          • Thiago Pikisius

            Acontece que Ferguson deve estar pedindo caro por essa luta. E como vimos quando McGregor pediu muito dinheiro e Nurmagomedov teve a luta proposta, estão usando o Aldo para baratear o cinturão interino dos leves. Lógico que na insistência da recusa pode sobrar pro Aldo, mas é provável que seja só especulação, que toma muita força com a vontade do Ferguson de disputar a cinta depois de tantas vitórias seguidas.

  • Renato Rebelo

    Pessoal, o Khabib acabou de responder – e confirmar o que o Aldo disse ontem. Já tá rolando o tópico:
    http://sextoround.com.br/forum/topic/khabib-responde-a-aldo-nao-faco-bullying-com-os-pequenos/

  • KRS Porlaneff

    Tirando a parte de que Aldo perseguir McGregor é uma obsessão sadia, concordo com o texto todo.

    • João Vitor Xavier

      Pq não seria sadio? Pergunta séria mesmo, fiquei curioso, hehe, vamos debater

      • KRS Porlaneff

        Eu não acho uma coisa sadia essa parada do Aldo querer revanche com o McGregor. Se pá, ele topa enfrentar o Conor até no jardim durante um churrasco sem valer porra nenhuma igual o Tank Abbott e o Scott Ferrozo fizeram. A diferença é que Abbott e Ferrozo aparentemente fizeram isso de farra, depois da quinta dose de mé.

        O Zé não. A gente percebe claramente que o Conor entrou na cabeça dele desde o UFC 189 e ainda não saiu. Na minha concepção, ele está obsessivo – e obsessão nunca é uma coisa boa – e ainda tenho minhas dúvidas se ele vai se sentir vingado em caso de vencer a revanche. E de não ter mais motivação nenhuma em caso de perder a segunda.

        • João Vitor Xavier

          Bicho, discordo. Acho que é legal ele estar motivado a buscar uma revanche. A vida é feita de desafios, e se não fosse o Conor, o Aldo provavelmente ficaria nessa de subir e nunca subiria de verdade, ficaria ali lutando e vencendo a sua categoria. Acho importante a figura do Conor para o Aldo, mesmo do jeito que foi.

          • KRS Porlaneff

            Então, JVX, o que você está vendo como motivação positiva, eu estou vendo como motivação obsessiva.

            No mais, eu concordo contigo: se tivesse vencido ou não lutado com o Conor, ele ainda estaria na FW e fugindo da LW com aquele discursinho chechelento de “a última vez que lutei pelos outros, foi na LW e perdi” (leia-se Luciano Azevedo).

            Também concordo que a figura do McGregor foi, é e ainda vai ser muito importante pro Aldo (independente da maneira que veio pra ele). O problema, ao meu ver, é o Zé transformar isso em obsessão igual ele está fazendo.

            Não sou fã dele – achei que me tornaria quando ele perdesse, igual foi com o Spider – mas me preocupo de verdade com a sanidade do Aldo em caso de perder a revanche.

        • Hyuriel Constantino

          Bom, e o McGregor querendo casar aquela revanche contra Diaz? Enfim, pq McGregor pode tomar todas essas atitudes que o Aldo quer tomar, mas “não pode”?

  • THIAGOD

    Sempre sou muito crítico a postura do Aldo e a sua assiduidade no cage. No entanto, com essa nova atitude de lutar e de falar com propriedade, espero que mude a opinião que vinha formando sobre ele. Que lute no pena, nos leves, onde for, para que se a sua obsessão é o Conor, que não deixe margem para não marcarem essa luta.

  • Malk Suruhito

    Rapaz, neste ritmo de perseguição, daqui a pouco vamos ver McGregor disputando os cinturão dos Pesados e logo atrás o Aldo vencendo o Jon Jones e na caça ao McGregor.
    E o Kavanagh gritando para o pupilo:
    ” COME TO ME IF WANNA LIVE!”

  • Lyn

    Estão usando o aldo para baratear o contrato com o Ferguson assim como fizeram com o nurma que foi usado para baratear mc gregor e eddie alvarez. É uma baita duma fdputagem mas é brilhante ao mesmo tempo.

    É bom o aldo ficar treinado pois se um dos 2 cair ele entra na disputa..

    • João Vitor Xavier

      Antes de fechar o tema com o Renato, pensei na mesma coisa. Mas ele me falou algo que faz muito sentido: o UFC não é maluco de fazer isso logo com o Aldo, e pouco depois da sacanagem que foi feita com ele…e, mais, o brasileiro é um personagem/lutador/personalidade maior que o Ferguson em todos os sentidos. Usar o José Aldo pra pressionar o Tony Ferguson seria demais pro UFC.

      • Lyn

        Discordo respeitosamente.
        Lutar pelo interino dos leves não parece algo que o aldo tenha pedido na negociação do episodio da aposentadoria tendo em vista que ele parecia bem disposto a lutar com o holloway. Se o UFC acabar casando nurma e ferguson não acho que ele vai ficar revoltado não pois acredito que ele tem consciência de que esta furando fila na divisão de cima.
        Mas é esperar pra ver o que o UFC vai arrumar

  • The Notorious

    Só acredito no Aldo qnd o msm estiver com os dois pés dentro do octogono .

  • RWillians

    Sou um dos mais críticos do Aldo após os fatídicos 13s, não pela derrota em si, mas pela sua postura e seu discurso pós derrota. Holloway, falou, falou e falou, e acabou pagando pela própria língua. Aldo, bem ou mal, ja abandonou mtas lutas, mas nunca recusou, aceitou mcgregor, mesmo qdo esse ainda não tinha vitorias sobre os tops, e ainda fez aquele tour bizarro. Essa entrevista, mostra sobriedade, falta agora assumir aquela derrota.

    • THIAGOD

      Acredito que essa parte ainda será golpe de sorte da gente não ler, kkkkk. Realmente jamais recusou. Agora gostei do Holloway falando que ele tem mais vitórias consecutivas, do que o Aldo de defesas.

      • Baixista Loko

        Holloway fala fala e paga pela boca, vai acabar tomando uma sova do Aldo e vai com a cristã bem baixinha pras coletivas depois.

        • THIAGOD

          Acredito que ainda virá muita provocação até os dois lutarem.

      • João Vitor Xavier

        Isso ninguém fala mesmo. Já lutou em condições difíceis, como quando sua esposa estava grávida…a questão da lesão faz parte…

      • Sds control

        Até pode ter mais vitorias consecutivas , mas esqueceu de levar em conta que as do Aldo foram defesas de cinturão contra todos os tops que se credenciaram para a disputa , bem diferente a situação .

    • João Vitor Xavier

      Penso igual. Mostrou sobriedade, maturidade e postura. Fiquei bem feliz

  • Emerson Bernardo

    Poxa o Aldo me surpreendeu, mas as coisas se complicaram um pouco com essa contusão do Holloway, o jeito é esperar ele se recuperar e deixar o Khabib e o Fergunson se enfrentarem, unificar o cinturão dos penas e aí sim enfrentar o vencedor pelo cinturão interino dos leves, só ñ vou me empolgar mt pq será mt estranho se ele lutar pelo interino antes do Khabib rsrs, o ufc tá ferrad# para conseguir casar lutas q “agradem” tds os lutadores kkkkk.

  • Samuel Moreira

    ACredito que o Khabib não recusou a luta pelas habilidades de lutador do ALdo, e sim como o Xavier já havia dito, por essa luta não fazer muito sentido esportivamente. O russo deve estar pensando em disputar o interino contra um legitimo peso leve, no caso o Tony, o qe faria muito mais sentido no momento, e seria mais valorizado que bater em um cara menor da divisão de baixo.
    SOU ”fãzaço” do ALdo e não gosto do Khabib de jeito nenhum, mas não vejo como o brasileiro poderia ficar em pé contra o russo nessa luta.

  • Renatinha

    Aleluia! Essa é a única saída para ao aldo ter algum respeito de novo e recuperar o carinho dos fãs. por que para continuar na sua categoria fazendo as mesmas coisas, nao ia adiantar de nada..ia ser ridículo inclusive. Ele tem que ir atrás do fanfarão mesmo!!

  • Aliny

    É bom também relembrarmos que como seres humanos que somos eventualmente vamos falar uma besteira ou algo que não deveríamos, isso é normal. O ruim é virar uma constante, mas esse não é o caso do Aldo.

    • João Vitor Xavier

      A questão, Aliny, é que QUASE virou mesmo o caso do Aldo…

  • Carlos Felix

    Realmente a postura do Aldo é surpreendente. Querer subir e logo na primeira luta enfrentar o Khabib é coragem muita. Aldo está de parabéns pela nova postura.

    Não entendi o porque Khabib ter recusado a luta. Se o Ferguson aceita a luta e o Aldo vence. o Russo perde o TS mais uma vez. O fato dele não aceitar essa luta pode significar ele ficar mais um ano sem disputar o cinturão.

    Será que o Khabib recusou essa por medo do Aldo?!?!?!?!?! Estranho essa recusa.

    • João Vitor Xavier

      Achei estranho mesmo. E, pelo jeito, recusou mesmo….

  • Mauricio

    Eu vejo muita gente menosprezando o Aldo citando a envergadura e o tamanho, 8cm não é lá muita coisa, e a envergadura dele e do Khabib é a mesma 178cm. E quanto ao Ferguson, eu posso queimar a língua, mas acho que o Aldo ganha dele.

    • João Vitor Xavier

      O problema só é o tamanho…tabém acho o Aldo favorito contra o Ferguson, mas não contra o Khabib

  • magnuseverest

    Tá todo mundo caindo fora,Nate,Nurma ou Tony,parece que ninguém quer a luta.
    Pode pintar Aldo contra Cruz,ou Aldo contra Pettis em março.

  • Hyuriel Constantino

    E ainda tem nego pra falar que o Aldo é fraco, que arrega…

  • dan

    Quando Conor subiu de categoria, foi chamado de covarde, que só faz lutas em que não tem nada a perder, quando aldo faz o mesmo, é coragem, postura elevada de campeão, demorou 10 anos pra fazer isso?? …Conor Mcgregor teve que mostrar que é possível, para o Aldo criar coragem pra fazer o mesmo! hou hou hou

Tags: , ,