De olho no vice: os pontos
altos do Bellator 165

Felipe Paranhos | 20/11/2016 às 08:15

Olá, pessoal! Cá estou eu, Felipe Paranhos, substituto do estagiário FDP Tiago Paiva (como se diz aqui na Bahia, quem foi naninha!) na resenha do Bellator 165, realizado no Centro do Áudio Original de TV – o popular SAP Center -, em San Jose, na Califórnia.

Brincadeiras à parte, quem esteve na arena não se decepcionou. Teve de tudo: de vitória da Sra. Gilbert Melendez, derrota na estreia do filho de Kimbo Slice, Kevin Ferguson Jr. (que, nas palavras de Chael Sonnen, conseguiu o primeiro takedown da história da família antes de ser finalizado) e um lutão no fim do evento.

Vamos, então, ao que houve de fundamental na noite Bellatoriana?

Michael Page x Fernando Gonzalez

…E, de tanto fazerem essa comparação esdrúxula, finalmente Michael Page teve seu dia de Anderson Silva. Não o Spider de Forrest Griffin ou Vitor Belfort, mas o da luta contra Demian Maia.

Como um sósia de quinta categoria, Venom não precisou perder para que ficasse escancarado quão exagerado é o hype criado pelo Bellator em cima dele. Bastou enfrentar um lutador regular.

Fernando Gonzalez adotou postura cautelosa diante da criatividade, velocidade e envergadura de Page, e isso minou o jogo do favorito. Venom tentou forçar nas provocações, a fim de desconcentrar o veterano, mas fracassou retumbantemente.

O primeiro round do combate inexistiu, exceto por uma joelhada de Page, que pegou de raspão, dada no timing de uma entrada de queda de Gonzalez. No segundo, o máximo de emoção veio de um escorregão de Michael, que por pouco não foi capitalizado pelo americano.

De resto, ausência completa de volume na trocação firulenta do Venom, o que lhe rendeu vaias durante quase toda a luta. De quebra, Page ainda perdeu o último round e um juiz deu 30-27 pra Gonzalez, o que também não faz sentido.

No fim das contas, decisão dividida pro inglês e a certeza de que dificilmente ele vai achar algo no topo da categoria.

Michael Chandler x Ben Henderson

Já sabíamos que Bendo não é mais o lutador que foi. Mas, ao menos pra mim, foi surpreendente ver quão abissal é a diferença entre Michael Chandler, campeão da organização, e o ex-UFC.

No primeiro round, claro 10-8 para Chandler, numa exibição de gala: velocidade, explosão e precisão.

O esforço pra finalizar a luta, porém, deixou marcas e Chandler foi obrigado a reduzir o ritmo, já que bateu muito e Henderson não deu mostras de que seria nocauteado.

captura-de-tela-2016-11-20-as-04-55-13Daí pra frente, as ações foram determinadas pelo cardio do campeão: no segundo round, Michael tentou respirar e Bendo equilibrou mais as ações, embora tenha ficado um pouco atrás. Chandler voltou a dominar no terceiro e no quarto rounds, abusando das quedas e da isometria, o que acabou minando seu gás para os cinco minutos finais, vencidos por Henderson.

Da luta, o que fica é o fato de que a técnica ainda está ali, mas Bendo – abertamente de olho no serviço militar – não tem mais jogo para a elite.

Ainda assim, fez bonito, jogando duro até o último segundo, mostrando que tinha cardio pra uma outra luta inteira.

Não fez feio. Feio fizeram Chandler, que se recusou a abraçar Bendo e até o empurrou após a luta, e um dos juízes, que conseguiu ver vitória do ex-UFC. Enfim, juízes do Bellator sendo juízes do Bellator.

Outros resultados:

Linton Vassell venceu Francis Carmont por decisão unânime (30-26, 30-26, 30-25)
Adam Piccolotti venceu Brandon Girtz por decisão unânime (29-28, 29-28, 29-28)
Keri Anne Melendez venceu Sheila Padilla por nocaute (socos) a :47 do R1
Aaron Hamilton venceu Kevin Ferguson Jr por finalização (guilhotina) a 3:00 do R2

  • Luiz Guilherme Volpato

    Bem diferevento muito bom. Page precisará sair da asa do patrão e amadurecer muito se quiser alçar voos mais altos.
    Essa apresentai de Bendo foi disparada a melhor dele no Bellator. Mas acho que sacramenta sua saída do topo da divisão.
    E o que falar de Kimbinho?

  • José Valter Alves Junior

    Como eu citei na resenha do ufc esse fim de semana o mundo do mma tava estranho esse fim de semana: finalmente aconteceu o que ja imaginava que o “Venon” não é esse perigo todo que muitos imaginam, e completo dizendo que essa luta foi a prova derradeira que Michael Page pode ser derrotado, situação que não é um bicho de 7 cabeças. Desde muito eu fui relutanto sobre os title shots do Benson eu não via como aquela grande ameaça e também aquela motivação do passado pra mim teria de ter mais 4 lutas pra ai pensa em titulo dependendo do resultado Chandler provou porque é o campeão. De uma maneira geral esse fim de semana foi o mais estranho do mundo do MMA.

  • Tomé

    Imperdoável não citar o resultado da luta do Nick Pica.

    • Renato Rebelo

      Foi nocauteado e caiu duro!

      • Tomé

        Se Pica apaga e cai duro é ninja mesmo! Todo o respeito!

  • Chael Sonnen não se lembra do belíssimo suplex (isto mesmo!) que Kimbo aplicou em Houston Alexander quando lutaram no UFC.

  • Romulo Aleixo

    Esse suplex do Chandler é uma obra de arte!

    • KRS Porlaneff

      Golpe não-nocaute do ano.

      Kevin Randleman deve ter aplaudido muito de onde quer que estivesse vendo essa luta.

  • Gustavo Lima

    Cara, eu fico muito feliz vendo o Bellator tomando rumo. E vendo o copo meio-cheio, até o “lowlight” da noite que foi o Page, serviu pra matar o hype/fazer ele tomar VERGONHA NA CARA e, quem sabe, evoluir de verdade.

    RAPAZES, OLHEM PRA MIM E REPITAM EM UNÍSSONO:

    “EU QUERO SER O ROYCE GRACIE DA TROCAÇÃO” https://uploads.disquscdn.com/images/d9feec7af31ce344980a972c00dfa1af59cd3b0948326c169c754a8ad9379fae.gif

  • Malk Suruhito

    Paranhos, os juizes não são das comissões atléticas ao invés do UFC/Bellator? É que este tipo de comentário (Juiz do Bellator / Juiz do UFC) só complica a cabeça de quem não é assiduo do esporte e principalmente dos que vivem com teorias de lutas compradas.

    • Lorenzo Freitas

      Fiquei pensando a mesma coisa, talvez a diferenca de um evento pro outro é que como o Bellator e menos prestigiado a comissao atletica disponibiliza juizes menos experientes, acho que pode ser isso

      • Malk Suruhito

        A questão não é nem esta, é que o Bellator faz eventos em cada buraco que faz o Jungle Fight nem se arriscaria, algumas sem nem mesmo uma comissão atlética formal (muito se fala, que é justamente para burlar qualquer controle antidopping).
        Mas mesmo assim, mesmo quando os eventos se auto-regulam, solicitam as comissões parceiras que enviem representantes. Tipo Bisping vs Cung Le, foi o Sharp o arbitro da luta (que é australiano) e acredito que os juízes laterais são da mesma comissão, que foi um FN auto-regulado do UFC.

  • GiøøØ

    Chandler vs Henderson foi uma das melhores lutas do ano, se não foi a melhor.
    Page decepcionou, mas acho o controle de distancia dele absurdo, e pelo contrario ele tem tudo para se dar bem contra os top, se controlar a distancia assim vão ser poucos que vão tocar nele..
    Piccoloti foi muito bem, Girtz é um guerreiro e faz boas lutas, agora o próximo passo do Piccoloti é os tubarões do peso leve..agora o bicho pega..
    A dona Melendez aplicou um nocaute lindo, mas temos que ver como é o chão dela..na trocação ela é muito boa.
    E o Vassell atropelou o Carmont..

  • Idonaldo Gomes Assis Filho

    Caralho, só acho que o Carmont deve ter tomado uma surra, não vi a luta mas esse placar já diz tudo.

  • Fernando Batista Lima

    Na hora do suplex achei que o Bendo tinha morrido. Pior que é verdade (podem rir). Foi talvez o mais lindo que eu já vi. Alô Fernando Henriques, que tal fazer um top 5 de melhores suplex ou lutadores que melhor aplicaram?
    Falando da luta, achei sensacional. Cheia de variáveis. Bendo apesar de ter perdido mostrou muita raça e coração de guerreiro.
    Agora falando de teorias de conspiração, não acham suspeito esse gás todo do Chandler? O cara ainda deu entrevista numa tranquilidade.
    Caso eu esteja errado (prefiro estar), muitos lutadores poderiam copiar a sua preparação física.

    • Leo Corrêa

      aquele que o Kevin Randleman aplicou no Fedor Emelianenko me causa calafrios até hoje!

Tags: , ,