Zumbi Coreano está de volta!
Mas a categoria até 66kg é outra

João Vitor Xavier | 19/10/2016 às 19:24

O retorno ao UFC de Chan Sung Jung, o carismático Zumbi Coreano, após tempo parado para cumprimento de serviço militar obrigatório na Coréia do Sul, explana uma tendência que já vinha se desenhando há algum tempo: o peso pena é o novo tanque de tubarões do Ultimate.

Isso mesmo, depois dos leves (historicamente – já falei sobre isso aqui) e dos galos (recentemente – também escrevi sobre essa divisão), os lutadores até 66kg formam um verdadeiro exército de cascas-grossas.

Desde José Aldo (primeiro do ranking do UFC – que não conta com Conor McGregor, campeão linear da categoria) até Renan Barão, décimo-quinto, só há craques do MMA na divisão, o que nem sempre ocorre em rankings, como podemos ver em algumas divisões mais pesadas.

Doo Ho Choi: jovem e brutal

Doo Ho Choi: jovem e brutal

Principalmente, entre os meio-pesados e pesados, há alguns nomes bem estranhos ranqueados. Casos de Timothy Johnson e Gian Villante, por exemplo.

Além de grandes nomes e lutadores tecnicamente excelentes, a divisão dos penas também tem boas histórias para contar: atletas emergentes, veteranos em busca de redenção, craques consolidados.

São os casos de Yair RodriguezDoo Ho Choi e Mirsad Bektic (possivelmente futuros campeões); Frankie Edgar, Anthony Pettis, Renan Barão e o próprio Aldo (ex-campeões em busca de novas chances) e Max Holloway, Jeremy Stephens e Chad Mendes (este último suspenso por doping, mas estabelecido na carreira).

Isso sem contar com nomes do quilate de Cub Swanson, Ricardo Lamas, Charles Oliveira, Dennis Bermudez, etc…

Será que rola?

Será que rola?

Se dividirmos esses lutadores em estilos, também temos um grupo bastante diversificado. Temos strikers de alto nível (Aldo, Stephens, Pettis, Rodriguez, Choi); grandes wrestlers (Mendes, Edgar, Bermudez, Darren Elkins) e também ases do jiu-jítsu (principalmente, Do Bronx e Brian Ortega).

E os casamentos não têm deixado a desejar. Antes de tomar o lugar de Joe Silva em 2017, Sean Shelby faz um excelente trabalho. Marcou lutas como Doo Ho Choi x Cub Swanson, Ricardo Lamas x Charles Oliveira e, principalmente, Jeremy Stephens x Frankie Edgar.

Vale citar que a categoria poderia ficar ainda mais interessante se, por acaso, o UFC resolvesse atender a um pedido inusitado de Dominick Cruz, campeão dos galos: o americano disse que adoraria se testar contra José Aldo, dono do cinturão interino.

Como Dana White prometeu algo grande para Cruz e precisa convencer o brasileiro a retornar, esse podia ser o co-main event do retorno de Ronda Rousey no UFC 207. Que tal?

Zumbi Coreano enfrentou Aldo após apenas três vitórias

Zumbi Coreano enfrentou Aldo após três vitórias

Enfim, o peso-pena virou uma grande atração , mas nem sempre foi assim. Atletas originalmente dos leves foram os responsáveis por enriquecer a divisão dos penas.

Empacados até 70kg e, normalmente, não podendo usar o tamanho como arma contra outros pesos-leves, nomes como Frankie Edgar, Anthony Pettis e Jeremy Stephens buscam sucesso uma categoria abaixo.

Por isso, Chan Sung Jung encontra uma divisão muito mais profunda e complicada no seu retorno.

Se em 2013, conseguiu lutar pelo cinturão após apenas três vitórias, a tendência é que o Zumbi Coreano precise de muito mais se quiser chegar lá novamente. (Uma rápida dica ao KZ: vencer BJ Penn está longe de te colocar perto da cinta, meu amigo).

Afinal, se até o campeão Conor McGregor está “evitando” um retorno aos penas, é porque a coisa ficou séria.

  • Ridelson Medeiros

    – Resumindo: agora n é mais dupla (Lw, Ww), é trio (Lw, Ww, Fw) no que se refere as melhores.

    • Renato Rebelo

      Não nos esqueçamos da MW!

      • Hyury De Carvalho Rabêlo

        Não nos esqueçamos dos galos!

        • KRS Porlaneff

          Não nos esqueçamos das moças.

      • Igor Bittencourt

        A verdade é que só as categorias de extremo que são bem rasas. No caso o peso mosca, os pesados e meio pesados.

        • Idonaldo Gomes Assis Filho

          Penso eu que a categoria dos moscas pós TUF (espero que aproveitem todos) vai se tornar uma dessas melhores também, embora não tenha o apelo com o público, se o Moreno que foi eliminado na primeira fase (por um dos favoritos), fez aquilo, imagina os outros, acho que vai ser sensacional. DJ que se cuide!

          • João Vitor Xavier

            Em forma e motivado, DJ ganha dos 16 integrantes da casa em uma noite, rs. mas o meio de tabela vai ficar irado mesmo!

        • João Vitor Xavier

          Mas o peso-pena, por ser “meião de tabela” ficou muito tempo desvalorizado. Agora, uma galera desceu, outros contenders surgiram…acontece!

  • Mauricio

    Essa categoria tá ótima mesmo, só precisa destravar essa cinta aí…

    Rodriguez, Choi e Bektic e ainda colocaria o Ortega aí!

    • Dow Jones

      Hoje, nenhum deles seria campeão.

      • João Vitor Xavier

        Mas isso que é interessante. Em breve, se seguirem evoluindo no mesmo ritmo, poderão ser contenders. Olha o sofrimento das divisões mais pesadas para conseguir um jovem top..

        • Lero

          Olha o Struve chegando de vez!!

          • João Vitor Xavier

            kkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • ErCoelhoBruno

    “(…) mas a categoria até 66kg é outra”. Antes com três vitórias o caboclo ganhava o TS, hoje nem com nove… Kkkkkkkkk

    https://uploads.disquscdn.com/images/3da490564a854c2c3255bd6d4768e2f8820606c046f03d81676386c6acba2b12.jpg

    • Bruno Barbosa

      Que errado…. KKKKKKKKKKKKK

    • João Vitor Xavier

      Bem por aí kkkkkk

    • Daniel L S Msrini

      kkkkkkk #fato

  • Idonaldo Gomes Assis Filho

    Ah se a categoria 66 kg tivesse um campeão que fosse justo com seus contenders… seria o paraíso, nesse espaço de tempo que o McGregor tá fazendo bagunça ele lutou 2 vezes e tá com a terceira marcada, isso daria 3 disputas de cinturões na categoria, infelizmente não é isso que está acontecendo, é uma pena uma categoria tão foda com problemas na parte de cima. Aliás, acho que o Chad nem tá fazendo falta kkk, e concordo plenamente, o BJ não leva ninguém ao TS, mas acho que poderia ser um passo mais leve para o Zumbi adentrar novamente, para tirar a ferrugem de luta, pois treinando ele tava e pesado.

    • João Vitor Xavier

      Há nomes mais competitivos pra ele até 66kg. Pra mim, hoje, se vence um Bermudez da vida, fica mais perto do topo que o BJ.

  • Rudá Corrêa Viana

    Holloway vem de 579 vitórias seguidas no UFC e não conseguiu a chance. Mas creio que a culpa eh time. Ele seja azAr de nascer na era McGregor.

  • Daniel R Carletti

    A novela da cinta tá me irritando já, mas vou te dizer que tô muito empolgado pra ver o Doo Ho Choi lutar de novo. Esse benino não é lutador, é bagunçador. O que ele fez com o Tavares e os outros é absurdo.

    De resto, Aldo e McGregor tem que parar de falar e lutar de uma vez pra acabar com essa chatice. Depois tinham que botar o Holloway pra lutar com o vencedor e pronto.

    • João Vitor Xavier

      benino ou benina? kkkkkkkkkkkkkkkk

      Se o Aldo confirmar a aposentadoria, tá um cheirinho de Holloway x Pettis, haha!

      • Lero

        Ele já abdicou a o cinturão interino?

        • João Vitor Xavier

          (Ainda) Não

          • Lero

            Então ele não aposentou porra nenhuma.

          • João Vitor Xavier

            Quem disse que ele se aposentou?

          • Lero

            ele mesmo?

          • João Vitor Xavier

            Negativo, rs…falou que quer se aposentar

      • Daniel R Carletti

        Outra excelente luta, pra coroar o novo campeão no caso dos detentores dos cinturões linear e interino saiam fora.

  • Tiago Nicolau de Melo

    Chan Sung ainda consegue ser Top5, IMO. Seu quase xará do Tekken sempre foi relevante e não vai ser diferente com ele.

    • Malk Suruhito

      Trocou os games não Fera? MK, talvez..

      • Tiago Nicolau de Melo

        Orra! viajei, aqui… isso que dá ser velho e só ter jogado arcade. Valeu a correção. =]

      • Lero

        HAHAHAHA

    • João Vitor Xavier

      Será mesmo que consegue ser top5? Vejamos os próximos capítulos. Se luta e vence o BJ Penn, eu não o coloco entre os top5…tinha que mirar mais alto

      • Tiago Nicolau de Melo

        Ainda não creio que essa luta contra o Penn vá rolar. Voltar ao Top5 em duas ou três lutas, creio que ele consegue. Vai pegar alguém não rankeado ou na rabeira do Top15 nesse retorno e depois, vencendo, já deve pegar algum Top 10. Enxergo uns 3 ou 4 caras no Top 10 que entrariam com franco favoritismo contra o Korean.

        • Idonaldo Gomes Assis Filho

          Kawajiri poderia aceitar, em um card na Ásia pra compensar o ufc manila.

          • João Vitor Xavier

            Kawajiri pediu pra ser dispensado do contrato também

          • Idonaldo Gomes Assis Filho

            Sério, ele saiu do UFC? Não tava sabendo dessa notícia, que pena.

  • Giulia Vargas

    Essa espera por Conor e o impasse do Aldo, estão travando a divisão. Holloway merece o TS, pois vem de várias vitórias consecutivas. Como o texto diz, a categoria está muito movimentada e virtuosa, não é hora de ficar nessa lenga lenga.

Tags: , ,